7 de março de 2013

Resenha: Ensaio de uma vida bandida - Leandro França, Editora Juruá

Informações do livro:
Título: Ensaio de uma vida bandida
Autor: Leandro França
Editora: Juruá
Páginas: 78
SkOOB | GOODREADS



Sinopse: “Hoje é nove de dezembro de mil novecentos e noventa e seis: o dia em que mataram um bandido; o dia em que o meu herói morreu”. É com o lamento de um personagem que se inicia o novo livro de Leandro França. Obra que resgata a história de Leonardo Pareja, o carismático criminoso que se tornou célebre por suas ações ousadas e espetaculares. Baseado nos fatos reais, o enredo traz duas histórias paralelas que conduzem o leitor às tragicômicas proezas de um cangaceiro pós-moderno. Assim estruturada, a novela literária envolve o leitor em uma armadilha: hipnotizado pela encenação, encantado pelos atores – neles incluída a persona do bandido –, o leitor se aproxima de tal forma do enredo que, não é arriscado afirmar, descobre-se dele cúmplice.



Resenha: Sempre gostei muito de ler livros que contam histórias baseadas em fatos reais e Ensaio de uma vida bandida mostrou ser uma obra envolvente e carismática. Digo isso porque o thriller apresenta a vida de Leonardo Pareja, um criminoso de classe média, audacioso e muito, mais muito ousado mesmo. 

Por meio de uma encenação de teatro, nos deparamos com uma leitura ágil e extremamente condizente com o próprio enredo. É uma obra que retrata a realidade e a mistura com a ficção de um modo sutil e prático ao mesmo tempo.

“Ensaio de uma vida bandida” é uma obra que apresenta a ousadia e a imaginação diante de um roteirista de teatro, que tenta se inspirar num enredo para encenar as ações do ladrão e seqüestrador. 

No decorrer de minha leitura, andei pesquisando um pouso sobre esse personagem da vida real, e constatei que ele foi muito conhecido na época dos anos 90 e que optou por uma vida que, segundo ele, seria mais fácil para conquistar tudo o que almejava. O livro tem ainda uma mistura de arte e fantasia, envoltas numa narrativa crítica e instrutiva.


“No dia doze de outubro, diante da imprensa e do juiz da quarta vara criminal de Goiânia, Leonardo Pareja finalmente se entregou.” Pg.42


Classificação SEL: 3/5


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muito obrigada por visitar o blog. Espero que tenha gostado e volte sempre! Fê ♥

© Fernanda Prates - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
imagem-logo