1 de abril de 2016

Resenha: Intenso - Robin York @editoraarqueiro

Informações do livro:
Título: Intenso
Caroline & West #2
Título original: Harder (Caroline & West #2)
Autor: Robin York
Editora: Arqueiro
Páginas: 272





Sinopse: A vida de West Leavitt foi do céu ao inferno em poucos meses. Ele achava que era possível ter um futuro melhor, mas acabou retornando para os dramas diários de sua família. Agora, em meio a uma tragédia, o rapaz não sabe o que fazer para ajudar Frankie, sua irmã caçula. Quando ele está prestes a desmoronar, só uma pessoa lhe vem à mente: a jovem segura e determinada que ele um dia pensou merecer. Longe dali, Caroline Piasecki sonha mais uma vez com West: a pele contra o seu corpo, o cheiro dele, a mão deslizando pela sua barriga... Mas sonhos são apenas sonhos. Ela sabe que o ex foi embora e não vai voltar. Por mais doloroso que seja, Caroline precisa se esquecer do tempo que passaram juntos. Até que seu celular toca e um West transtornado está do outro lado da linha. Sem pensar duas vezes, Caroline vai ao seu encontro. Só que muita coisa mudou desde que eles terminaram. West tenta afastar Caroline de sua vida de todas as maneiras. Ao mesmo tempo, o desejo que sentem um pelo outro parece ter ficado até mais forte no período em que estiveram separados. West ainda sente algo por ela, mas não se considera uma boa companhia para ninguém. Caroline quer estar nos braços de West, mas sabe que deve partir para que ele não sofra. Nesse embate de emoções, eles precisarão encontrar os próprios caminhos e descobrir: por mais intenso que seja o laço que os une, ainda é possível um recomeço?





Leia também:
Caroline &West #1 Profundo - Robin York (Editora Arqueiro)



Resenha: Intenso”, é o segundo volume da série (duologia) Caroline & West, de Robin York. Mais uma vez, a historia promete arrancar suspiros dos leitores apaixonados, mesmo porque o casal possui um carisma incrível e é praticamente impossível não torcer por eles. A autora desenvolve problemáticas sérias e delicadas, fazendo com que a trajetória se torne cada vez mais determinante e intensa (o título desse livro não poderia ter sido melhor).


A narrativa é, novamente, intercalada entre Caroline e West, dando a chance de compreensão de cada atitude realizada e nos vários pensamentos questionadores. Ambos são teimosos demais (mas com razão na maioria das vezes, eu admito) e possuem várias semelhanças, e o melhor é que no fim das contas demonstram que conseguem vencer seus medos por meio de muitas batalhas e diálogos.


Acredito que West sempre se destacou mais do que Caroline, e é por isso que ele é tão INTENSO. Na verdade, intensidade é e sempre vai ser a característica marcante nesse volume. Não estou defendendo suas escolhas ou escolhendo um lado, mesmo porque nem sempre foi o certo e em muitas ocasiões eu mesmo o estava criticando avidamente.


São tantos dramas que chega uma hora que o leitor pode parar e ficar em dúvida sobre o que está lendo. Não sei se foi uma experiência só minha, mas me senti perplexa demais diante de algumas escolhas, como se aquilo não fosse o que estava previsto. E, confesso, não me senti confortável com várias coisas, mas ao mesmo tempo não posso dizer que as coisas não valeram a pena no desfecho.



Claro que as dificuldades de Caroline, por ter sua intimidade invadida, não é fácil, mas a vida dele também nunca foi. E perceber isso, deixa o leitor cada vez mais curioso sobre ele e suas idealizações. Porque é um personagem que parece se esconder em sua própria sombra, porque ele quer isso mesmo, mas por mais que tente, se destaca mais e mais, como se já fosse o esperado por todos.



Não citei sobre a diagramação da Editora Arqueiro na resenha de Profundo, por isso estou expressando minha opinião por aqui. Os dois livros – Profundo e Intenso – possuem uma edição simples e ao mesmo tempo linda. Possuem os mesmos estilos das outras obras da editora e quem a acompanha sabe do que estou falando. Sem contar que é mais um incentivo para que a leitura aconteça com grande agilidade. Li os dois livros em uma semana só, e todos os fatores influenciam nesse processo.


Dessa vez, a obra, New Adult, é iniciada com um FIM e termina com O COMEÇO. E só lendo para saber ao qual estou me referindo, mas vale muito a pena acompanhar essa aventura tão especial e sincera. Fiquei surpresa com vários acontecimentos e por mais que seja clichê em algumas situações, isso não interfere em nada os meus sentimentos com essa leitura.


Classificação SEL: 4/5


26 comentários:

  1. Oi, Fê!
    Esse livro está dando o que falar por conta do tema.
    Confesso que, pela capa, não compraria, mas depois que vi algumas resenhas, ele subiu no meu conceito.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Porcelana - Financiamento Coletivo

    ResponderExcluir
  2. Oi, quando vi as primeiras divulgações do livro, julguei achando que era mais um new adult com mocinha e bad boy. Mas a sua resenha abriu meus olhos. Achei bem pertinente a abordagem do tema e infelizmente, me leva a crer que ele acontece mais vezes do que imaginamos. Quero muito ler!!!
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Oi Fê! Confesso que essas capas remetem o pensamento "clichê demais" na minha cabeça kkk Mas como uma eterna fã de romances é claro que eu fiquei bem curiosa quanto aos livros, parece ser um romance bem quente né ;)

    Bjuz
    livrosimaginarios.com.br

    ResponderExcluir
  4. Oiiê
    Eu ainda não tinha visto resenhas de nenhum dos livros, mas vi sempre uns comentariozinhos soltos por aê. Adorie essa capa, pelo que eu pude ver a autora toca em assuntos bem legal, e o fato de o diálogo se visto de ambos os ponos de vista me deixou bem curiosos para ler eles.
    Bjks e ate mais

    ResponderExcluir
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  6. Oi!
    Ainda não conhecia esse livro, a história me lembra um pouco Arrow. Já assistiu a essa série? Eu comecei a ver e não terminei ainda, mas tem essa preocupação do protagonista com a irmã e muitos dramas familiares. rs
    Eu adoro os livros da editora arqueiro, depois vou conferir qual o preço da série. :)

    ResponderExcluir
  7. Esse livro é erótico?! Sei que você disse New Adult, mas quando a capa vem com um casal sem camisa e o nome do livro ainda é "Intenso", eu suspeito hahaha. A historia parece ser interessante e surpreendente, mas não curto o gênero erótico, por isso a pergunta.

    Bjuu
    Sigolendo.com.br

    ResponderExcluir
  8. Fiquei curiosa para ler o livro e descobrir essa aventura que os personagens vivem. Só pela capa e pelo nome parece ser aqueles livros que tiram o fôlego e como o próprio nome diz, bem intenso. Gosto quando a narrativa é dividida, pois conseguimos ver os dois pontos de vistas dos personagens e isso é ótimo.
    Adorei a resenha!
    Beijos.
    http://virandoamor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Oi Fernanda,

    Quando vi a campanha do livro, já tinha ficado interessada. Não sei como foi tratado a questão da invasão de privacidade e espero muito que não tenham romantizado isso. Fiquei bem curiosa e já tá na wishlist para ler esse mês. :D Ótima resenha!

    beijo.

    ResponderExcluir
  10. Como disse na resenha anterior, esse não é um livro que me interessou tanto.
    Não sou tão fã de romances, apesar de ter algumas exceções.
    Achei esse livro interessante por contar a história do West agora. Não sei se algum dia lerei, mas se o fizer será pra conhecer a vida dele.

    Sexteto Literário

    ResponderExcluir
  11. Oiie Fê, tudo bem?

    Eu não conhecia a duologia, mas confesso que me interessei por rla, aoesar de so ter lido a resenha do segundo. Gosto de New Adultos, é um gênero que esta me encantando. Fiquei super curiosa para saber o que o West esconde. Espero ler em breve.

    Bjs

    ResponderExcluir
  12. Olha eu ainda tinha minhas dúvidas para fazer a leitura desses livros, mas depois que li sua primeira resenha e vim ler essa segunda acabei me convencendo. Estou bastante interessada e acho que vou dar uma chance, porque é capaz que eu goste, principalmente porque o primeiro livro aborda o problema sobre compartilhamento de imagens na internet e agora aborda outro assunto nesse livro que sinceramente ainda não captei o que é, mas me parece ser apaixonante e ter um pouco mais de romance não é? Uma coisa que amo! Mas vamos ver né? Espero gostar tanto como você =]

    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2016/04/resumo-do-mes-de-marco.html

    ResponderExcluir
  13. Oi, não conhecia o livro e nem o autor, mas achei a premissa parecida com muitos livros que já vi e mesmo sendo intercalado os capitulos, como muitos outros, eu não consegui me interessar pelo livro, achei os personagens fracos e sem graça (minha opinião), mas que bom que você gostou. Fiquei curiosa com o fato do livro começar no FIM e terminar no COMEÇO.
    bjus
    http://recantoliterarioeversos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Oi Fê, tudo bem?
    Antes de mais nada, preciso confessar que compartilho do sentimento de algumas pessoas: essa capa não é nada convidativa. Eu particularmente detesto livros que tem pessoas reais na capa, se leio um assim, realmente tem que ser muito bom!
    O estilo do livro não me agrada muito, mas pelo o que li nas suas duas resenhas, o primeiro livro, Profundo, me parece ser bem mais impactante e também interessante, já que aborda um assunto que acontece muito hoje em dia, afinal, muitas garotas sofrem ao serem expostas nas redes sociais e o pior de tudo é que ninguém realmente dá apoio nas vítimas, apenas favorecem os culpados. Mas Intenso me parece ser mais light, já que mostra o ponto de vista entre os dois personagens e como vai se desenrolando o relacionamento deles.
    Não faz muito meu gênero, mas pela maneira que você desenvolveu a resenha eu leria.

    Beijos! ♥

    ResponderExcluir
  15. Helloo, Fê! Tudo numa nice?!
    Ah, quando vejo capas com casais dessa forma eu já suspeito do que se trata os livros e um pouco de "clichê" me vem a mente. Eu não curto muito esse tipo de leitura, eu já li alguns, e vi que não era o meu estilo, mas que bom que você curtiu.
    Uma coisa legal que achei é que é uma duologia, no geral só tem trilogia e sagas por aí, eu gosto mais de duologia ahaha. A espera para os outros lançamentos é menor. Outro ponto legal e que curto muito é a narrativa intercalada. Acho que assim fica melhor e mais fácil para compreendermos a estória e entendermos todos os lados. Eu gosto de dramalhão, mas só às vezes ahahah.
    Ótima resenha como sempre. (eu já conferia suas resenhas do skoob)
    Beijin...

    ResponderExcluir
  16. Olá Fê,
    A divulgação e investimento feio pela Arqueiro nesses livros foi grande.
    Devo te dizer que, o que me faz sentir vontade de ler, é o fato de a protagonista ter tido a vida invadida, nunca li nada do tipo e acho que será uma boa experiência, acho que o livro é bom, do seu modo.
    Gostei muito da sua resenha e, confesso, fiquei curiosa.
    Beijos,
    http://mileumdiasparaler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. É a primeira resenha que leio deste segundo livro e foi positiva já que li alguns comentários tão profundos que algumas pessoas acho que meio se irritaram com a história. Mas eu achei que a forma como você descreveu foi bem ideal e direta. Eu vou ler estas duas obras para ver como é a visão da autora sobre a questão.

    Beijos,

    Greice Negrini

    Blogando Livros
    www.amigasemulheres.com

    ResponderExcluir
  18. Menina, eu nem tinha visto a sua resenha do livro 1, depois vou lá dar uma olhadinha. Eu estou louca para ler esses livros e só não me arrependo de não tê-los solicitados porque estou apaixonada pelos que solicitei =D Fiquei curiosa com esse finalzinho da tua resenha, que final é esse que começa e que começo é esse que termina o livro? saber que o West é mais intenso, me deixou ainda mais curiosa

    ResponderExcluir
  19. Oi, flor!
    Adorei saber que esse livro é tão bom quanto o primeiro. Estava mesmo curiosa para saber disso. O melhor é descobrir que o livro é uma sequência e não uma repetição do primeiro volume, mas pela perspectiva do rapaz. Estou um pouco de saco cheio disso, sabe? Saber que nesse volume os personagens enfrentam outros dramas me satisfez e quero, sim, conhecer essa duologia. Aliás, adorei o esquema das capas! A primeira com destaque nela e a segunda com destaque nele, mas sendo a mesma foto.

    Beijos!
    www.myqueenside.com.br

    ResponderExcluir
  20. Olá, tudo bom?

    Acho que essa duologia deve ser ótima mesmo. Mesmo que a história não seja tão boa assim, só de ter a discussão de invasão de privacidade, vingança, etc. já vale a pena. Estou bem curiosa para conhecer um pouco mais. E como sempre, a Arqueiro está arrasando!

    Obrigada pela dica ;)

    Beijos.

    http://instantesmemoraveis.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  21. Oi Fê, as pessoas estão falando muito sobre essa duologia e isso está me intrigando muito, eu sou suspeita de falar pois amo um bom romance e pela sua resenha esse parece estar com tudo, parece ter tudo que eu adoro e admiro em uma boa leitura, e é por isso que os livros já estão na minha lista para esse ano!

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir
  22. Eu estou com o primeiro livro para ler e não vejo a hora. Nunca li nada que tivesse esse tipo de exposição íntima, então estou bem curiosa para conhecer melhor a trama. Que bom que os dois livros foram satisfatórios. Fiquei curiosa sobre esse final que teve um começo (?). Espero gostar também.
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  23. Oi flor.
    Sou completamente apaixonada pelo gênero NA, simplesmente amo e sempre estou lendo algo do gênero.
    Essa é uma duologia que está na minha lista desde o momento que vi os posts de divulgação, simplesmente me apaixonei pela premissa, principalmente por abordar um tema forte e que eu particularmente nunca tive oportunidade de ler em um livro.
    Já achava o livro diferente por conta desse aspecto... Então você vem e diz que o livro começa com o fim e finaliza com o começo, realmente isso foi algo que me deixou ainda curiosa e espero de verdade ter a oportunidade de ler.
    Amei a resenha

    ResponderExcluir
  24. Olá

    Acho incrível a autora ter feito esses livros tamanha a carga e tema deles, achei meio confuso esse negocio de começar pelo fim e termina pelo começo, deu um bug aqui ahahhaha Adoro suas resenhas pois elas falam bem pouco sobre a estória de fato e sim das coias que você achou então mesmo querendo muito ler o livro n~~ao tenho medo de spoiler.

    Bjos
    http://rillismo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  25. Vi muitas postagens da blogagem coletiva e essa é a primeira resenha que vejo, os fatos de o livro ser bem intenso como o título e terminar pelo começo me deixou muito curiosa em como se dá isso, principalmente se lembrar do tema central do livro, e de que o Weste quase se torna o dono da trilogia.

    http://deiumjeito.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  26. Olá!! :)

    Ainda bem que os cliches nao mudaram os sentimentos mas mesmo assim nao gosto... Para alem disso, nao faz muito o meu genero! :)

    Espera ai, qual e a ideia de trocar o fim com o inicio?? :) ahah Isso ate me deixou curioso...

    Boas leituras!! ;)
    no-conforto-dos-livros.webnode.com

    ResponderExcluir

Muito obrigada por visitar o blog. Espero que tenha gostado e volte sempre! Fê ♥

© Fernanda Prates - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
imagem-logo