27 de setembro de 2016

Resenha: Um Deus em ruínas - Kate Atkinson @GloboLivros

Informações do livro:
Título: Um Deus em ruínas
Título original: A God in Ruins
Autor: Kate Atkinson
Editora: Globo Livros
Páginas: 464



Sinopse: Vencedora em 2013 do Costa Book Awards, prêmio literário voltado para autores britânicos e irlandeses, com o livro O fio da vida, Kate Atkinson conquista novamente a honraria este ano com Um Deus em ruínas. Lançamento da Globo Livros, o título é considerado pela autora o “companheiro” e não a continuação do primeiro. O fio da vida ganhou prestígio mundial narrando a trajetória de Úrsula, a filha mais velha da casa, em um fascinante jogo com o tempo. Já neste novo livro, a escritora britânica percorre as diversas fases da trajetória do caçula Teddy, um aspirante a poeta que foi piloto durante a Segunda Guerra Mundial. Um deus em ruínas retrata acontecimentos comuns na vida de qualquer pessoa, como as complexas relações familiares, as alegrias e as dores. Comovente e devastador, o romance mostra o poder infinito da ficção trazendo como pano de fundo a guerra e o sofrimento que ela causa mesmo nas pessoas que não vivenciaram os horrores nos campos de batalha. Assim como em O fio da vida. Kate Atkinson visita a trajetória do protagonista desde sua infância até o dia de sua morte. Ela narra as aventuras de Teddy e seus irmãos durante os primeiros anos no interior da Inglaterra, a adolescência quando decide viajar a Europa e se tornar poeta, os atos de heroísmo e de amizade em meio aos horrores da Segunda Guerra, seu casamento e o abismo entre Teddy e a esposa causado por suas lembranças traumáticas dentro de seu bombardeiro, sua relação com a filha única, uma mulher que para ele sempre será um mistério, e sua amizade com os netos já no fim da vida, que compartilham com ele seus próprios dramas e angústias típicos dos jovens do século XXI. Indo e voltando no tempo a partir das lembranças do próprio Teddy, Kate Atkinson brinda os leitores com mais uma obra magistral que acompanha uma vida rica ao longo de um século de mudanças profundas.


Leia também:
O fio da vida - Kate Atkinson (Globo Livros)


Resenha: "Um Deus em ruínas", de Kate Atkinson, apresenta uma trama simples e ao mesmo tempo extremamente delicada e igualmente ousada. O enredo surpreende diante de tantos aspectos e emoções, sem contar que o leitor consegue compreender bem os acontecimentos, seja por meio das descrições de cada sentimento e suas consequências, ou porque também é possível se identificar em algumas situações, pelo menos por conta de toda a realidade imposta.

Como fã de uma boa história, não posso deixar de afirmar o quanto achei essa trama fantástica, especialmente por poder rever Os Todd. Em O fio da vida conhecemos Úrsula diante de todas as suas complexidades, e nesse título é a vez de haver o aprofundamento sobre Teddy, irmão mais novo dela.

Tedd serviu como piloto da Força Aérea Real (na Segunda Guerra Mundial), mas além desse fator, também é possível conferir bastante sobre sua vida pessoal. E sua trajetória não poderia ser mais emocionante. Acredito que nada que descreva nessas impressões é capaz de revelar tal intensidade, por isso é muito difícil falar a respeito, pelo menos sem querer falar demais.



Acredito realmente que é um ótimo título para quem curte ambientações sobre os horrores da guerra. Mas, ainda mais profundo que isso, é a maneira como os cenários são estruturados. Esse não é o primeiro livro que leio nessa temática, mas os eventos são tão marcantes que chegam a desestruturar qualquer um que conhecer esse trajeto, cheio de lembranças, dores, questionamentos e aprendizados.

É de se imaginar que seja uma obra repleta de reflexões também, e tudo é tratado com muita seriedade, mesmo porque o próprio texto já revela a importância de cada análise. Particularmente, sou apaixonada por esse estilo literário e Kate Atkinson sabe mesmo como fazer conexões, mexer com nossos pensamentos e causar sensações um tanto confusas.

Enfim, essa não é a primeira obra que leio da autora, e maos uma vez ela consegue encantar com uma escrita muito bem desenvolvida. Impossível não ficar tocada diante de tanta sensibilidade, e esse é com certeza um livro que eu sempre irei recomendar para todos. E claro, espero poder ler mais obras da autora também.

Classificação SEL: 4/5


26 comentários:

  1. Gostei bastante do enredo do livro, ótima indicação :)

    Beijos
    Fran
    Achei e Rabisquei

    ResponderExcluir
  2. Olá
    Acho que nunca ouvi falar na autora e suas obras, mas tenho uma leve impressão de que já vi essa capa em algum lugar por aí. Pra ser sincero eu achei a premissa bem bacana, e depois del er seus comentários sobre a escrita isso me deixou mais curioso para saber mais sobre a trama. Livros que traga reflexão para nos leitores sempre são legais. Até mais vê
    Bjs

    ResponderExcluir
  3. Olá, tudo bem? Esse livro me parece bem interessante e intenso, e gostei de saber que em se tratando de um herói de guerra a leitura é de fácil compreensão. Confesso que me perco um pouco nesses livros desse tema, mas através da sua resenha me interessei, parabéns e bjs!

    ResponderExcluir
  4. A capa do livro me chamou muita atenção e parece que o enredo também é muito bom.
    Fiquei curiosa em relação ao livro e confesso nunca ter visto ele antes.
    Amei a sua resenha!
    Beijos,
    Escritora por um Acaso

    ResponderExcluir
  5. Oi Fer,

    Fiquei totalmente fascinada por esse livro. Eu sempre me emociono muito com livros sobre Guerras, e em certas épocas da minha vida os evito, pois sei que sofro muito. Mas foi impossível não ficar instigada com a sua resenha. Adoro pegar um livro e ter esse misto de sensações. Heróis de guerra são sempre bem vindos na literatura. Anotei a dica por aqui.

    beijos =)

    ResponderExcluir
  6. Oi!
    Não conhecia esse livro e nem o que o antecede mas tenho a impressão de já conhecer a autora, ao menos por nome. Gosto de livros que tenham como pano de fundo acontecimentos importantes como a Segunda Guerra Mundial que por si só já é um grande drama e saber que a autora soube aliar isso à vida do personagem e à reflexões me deixou com a sensação de que profundidade e emoção é o que não falta nesse livro.
    Guardarei a dica com carinho para o futuro.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  7. Oi, tudo bem?
    Eu acho bem triste histórias que tem como ambientação a guerra, mas toda vez que li uma história do tipo não me arrependi nem um pouco. Que ótimo saber que o livro é recheado d reflexões, mas imagino que boa parte do conteúdo seja um pouco pesado ou dramático, e não estou no clima para ler livros desse tipo no momento, mas anotei a dica.

    Beijos! ♥

    ResponderExcluir
  8. Oi Fê,
    Ainda não conhecia essa obra mas gostei bastante do que ele traz. Não leio muitas coisas relacionadas a guerras de modo geral, mas é mais por prioridade do que por não gostar, e esse enredo me fez querer saber mais sobre essas ambientações e as reflexões que a história traz.
    Bjim!
    Tammy

    ResponderExcluir
  9. Oi!
    A sua resenha está ótima, mostra o quanto você gostou da história e o que esperar desse livro. Apesar de ser um livro super interessante por retratar um momento tão importante da história, dentro da ficção, e de ser como você disse: "uma obra repleta de reflexões", eu senti uma certa melancolia na história. No momento não estou em uma fase favorável a leituras dramáticas, mas quem sabe um dia? Bj

    http://umavidaliteraria1.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Não sei por onde eu andei, mas ainda não conhecia a autora. O que mais me chamou a atenção foi o fato do livro nos levar a reflexão, que é o que eu mais valorizo na leitura.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  11. O livro parece ser bem interessante mas histórias de guerra, só pra jogar mesmo rsrs.
    Bjinhos.
    Kátia.

    ResponderExcluir
  12. Nunca li nada que fosse ambientado em alguma guerra, mas sei que acabaria chorando de alguma forma. Sou muito fraca para temas fortes, embora eu ame esse tipo de leitura. Gostei muito de saber a sua opinião e mais ainda de conhecer o livro.
    Um abraço!

    http://paragrafosetravessoes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Olá!! :)

    Eu confesso que não conhecia este livro e talvez não leia... Isto porque essa seriedade e vertente reflexiva não me atrai muito, confesso.. :) ahah

    Mas gostei da tua resenha! Ainda bem que a autora que conquistou também pela escrita novamente! :)

    Boas leituras!! ;)
    no-conforto-dos-livros.webnode.com

    ResponderExcluir
  14. Eu sou fascinada por livros que explorem as guerras e a Segunda Guerra é uma das que eu mais gosto de explorar e estudar, seja lendo ficção ou ou não. Eu ainda não conhecia esse livro e gostei muito da premissa dele, principalmente pelo fato de você ter dito sobre os cenários serem muito marcantes, essa é uma das coisas que eu mais gosto de ler quando estou com um livro nesse tema.

    ResponderExcluir
  15. Oi Fê, tudo bem?
    Não conhecia o livro ainda, mas sou grande fã de histórias que envolvem a temática guerras.
    A premissa do livro é bem interessante e a capa está linda também. Sua opinião sobre a obra me deixou bem curiosa para realizar essa leitura, pois gosto de obras mais sérias e que nos fazem refletir ao decorrer da leitura.

    Beijos :*
    http://www.livrosesonhos.com/

    ResponderExcluir
  16. Olá Fê,
    Falou que se trata de uma história com a Segunda Guerra Mundial como tema já está na lista de quero ler.
    Ainda não conhecia esse livro e achei a premissa muitíssimo interessante e instigante. Gostei de saber que Tedd serviu as forças aéreas e achei isso bem diferente, pois não lembro de ter lido nenhum livro sobre o tema com um personagem assim.
    Obviamente, me vali da dica.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  17. Oi Fê,
    Não conhecia a obra mas adorei a premissa e com um comentário como esse feito pela TIME é impossivel Não criar expectativas sobre a leitura, mas pelo que você deixou claro a leitura corresponde a essas expectativas, não é. Já foi pra minha lista de desejados.
    Beijos

    ResponderExcluir
  18. Olá!
    Eu nunca tinha ouvido falar sobre o livro, mas confesso que ele em nada me chamou a atenção, não gosto de livros com temática de guerras, então dessa vez eu vou deixar a dica passar.
    Ainda assim gostei de saber que foi uma boa leitura para você e que a autora tem uma escrita bem desenvolvida, além do livro possuir cenários são marcantes.
    Ótima resenha!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  19. Olá! Não conhecia o livro ainda , mas o título me pareceu bem interessante. Fiquei Fiquei um pouco confusa ao ler a sinopse e a resenha. Precisa do primeiro livro para entender melhor ? Apesar de ter chamado muito minha atenção o título , acho que no momento eu não leria , pois estou evitando livros com temáticas tristes. Abraços
    Umparadoxoliterario.blogspot.com

    ResponderExcluir
  20. é, eu costumo gostar de histórias ambientadas na guerra e confesso que nunca tinha ouvido falar desse livro antes... mas achei a premissa interessante e fiquei curiosa pra fazer a leitura dele...
    bjs ^^

    ResponderExcluir
  21. Oie!
    Eu ainda não li nenhum livro da autora, mas vários leitores já me indicaram os livros dela, pois a trama e narativa são ótimas. Preciso ler os dois livros publicados pela editora, e conhecer mais das histórias.
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  22. Olá ♥
    A capa não me é estranha, mas não em lembro bem do enredo da história. AMo quando abordam a guerra como plano de fundo ou apenas uma simples citação ao longo do livro. Fiquei encantada com a premissa me agradou muito. Só não gostei muito dá capa, pode ser que tenha algo a ver com algo que acontece ao londo do enredo. Espero em breve poder ler esse livro ♥

    ResponderExcluir
  23. Oi Fê,
    Não sou muito fã de livros com temática de guerra, mas os poucos que li gostei. Entretanto, não é aquele tipo de livro que chama minha atenção. Achei legal ele tratar bem o enredo e mexer com o emocional. Pra mim, isso é fundamental para caracterizar uma boa leitura. Gostei da resenha.
    Abraços

    ResponderExcluir
  24. Oi amore,
    Definitivamente amei essa capa que lindeza!!!
    Gostei muito dessa ideia de se identificar em alguns momentos da leitura... isso me cativa. No entanto, a parte que você menciona que tem a questão de ambientação sobre horrores da guerra desisti da leitura... mas, quem sabe um dia.
    Beijokas!
    www.facesdeumacapa.com.br

    ResponderExcluir
  25. Eu amo livros com temática de Guerra, principalmente esses que por meio da narrativa inserem o leitor e lhe despertam sentimentos, que conseguem tratar de maneira marcante muitos eventos e trazer uma reflexão ao leitor. Ainda não conheço a escrita da autora, mas quero mudar isso em breve.

    ResponderExcluir
  26. Fee maravilhosa, eu não conheço a autora, nem tinha visto o livro ainda, mas, sua resenha é empolgante e eu amei a capa. Acho o nome bem forte, afinal, deuses não tem uma palha a ver com guerras esquematizadas pelo ser humano. Mas... É a vida. Haha amei seu post, mesmo.

    ResponderExcluir

Muito obrigada por visitar o blog. Espero que tenha gostado e volte sempre! Fê ♥

© Fernanda Prates - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
imagem-logo