18 de novembro de 2016

Resenha: Boo - Neil Smith, Fábrica 231

Informações do livro:
Título: Boo
Minha vida após a morte
Título original: Boo
Autor: Neil Smith
Editora: Rocco
Selo: Fábrica 231
Páginas: 336



Sinopse: Oliver Dalrymple é o típico “looser” americano: aos 13 anos, magro e pálido como um fantasma, está mais interessado em biologia e química do que em esportes e vida social. Um dia, enquanto se recupera de um dos frequentes episódios de bullying de que é vítima recitando a tabela periódica em frente a seu armário, ele desfalece para sempre. E é aí que sua verdadeira vida começa. O “céu” onde Oliver acorda depois do que acredita ter sido uma parada cardíaca em função de um problema congênito chama-se Cidade e é povoado por pessoas que morreram aos 13 anos, como ele e seu colega de escola Johnny Henzel, que chega dias depois de Boo à Cidade, trazendo notícias perturbadoras sobre a causa da morte deles. Notícias que mudam para sempre a percepção de Oliver Boo sobre sua personalidade e seu lugar no mundo. Elogiado pela crítica e adorado pelos leitores, Boo é um romance cativante sobre amizade, confiança, bullying e a difícil tarefa de ser adolescente.


Resenha: "Boo", de Neil Smith, me conquistou logo pela sinopse, pois é uma ambientação que chama muito a minha atenção. Digo a parte em que o protagonista morre, de um jeito inusitado (ou não) e vai parar em outro lugar, com características bem peculiares, intrigantes e, claro, criativas. Como esperado, surgem muitos e muitos questionamentos sobre o cenário, causas da morte, entre outros fatores.

O céu é na verdade chamado de cidade, e para lá onde Boo vai parar. Isso porque ele tem treze anos, e quem tem (e vem a morrer) nessa idade já tem o caminho traçado para essa "cidade".  Vale evidenciar que as descrições sobre o local são bem intrigantes e, realmente me fez pensar o quanto a ficção pode ser mágica.

O mistério e a preocupação estão presentes desde o começo, assim como os receios sobre o que pode ter acontecido de fato, e isso garante uma história ainda mais cativante. Eu não sabia ao certo o que esperar, apesar de ter algumas hipóteses, mas ao meu ver as cenas são bem imprevisíveis e igualmente exaltadas. 


O fato de ele ter se motivado demais ao recordar a tabela periódica é algo bem diferente, e nos faz pensar que há muito mais por trás de tanta ansiedade. Na verdade, é até algo que fica bem claro, mas sempre há aquelas perguntas que esperam por suas conclusões. Boo é um pouco ingênuo nessa parte, entretanto ele não saberia explicar o que houve ao certo, pelo menos não a princípio.

No final de contas, algo mais devastador (se essa é a palavra mais apropriada) acaba sendo o motivo para tais ocorrências, e ai surge pensamentos sobre vingança também. Boo vai descobrindo aos poucos, mesmo porque seu colega, Johnny Henzel, também surge na "cidade" com algumas afirmações.

No meio de todos os acontecimentos, que podem ser considerados bem estranhos, há espaço para mensagens especiais a respeito de relacionamentos, seja pela amizade, pelo respeito ao próximo, onde também entra a questão do bullying, que por si só já garante uma discussão extensa sobre constrangimentos diversos, consequências, sentimentos e afins.

Esse livro me surpreendeu muito, especialmente porque já tinha expectativas grandes sobre ele, mas não poderia imaginar que houvesse uma repercussão tão diferenciada. É uma leitura ágil, mas consegue ser marcante por inúmeros motivos (só lendo mesmo para captar todas as reações). E o modo como o desenvolvimento é apresentado garante cenas incríveis. 

Classificação SEL: 4/5


16 comentários:

  1. Olá!
    Fiquei muito intrigada com essa história, é a segunda vez que vejo sobre esse livro e cada vez quero absorver mais sobre essa história. O que mais me chama atenção é o contexto dele morrer, parar em outro "mundo" e o amigo ir encontrá-lo. Não vejo muitas obras com essa ideia, e quero muito comprar ele, conhecer a história de Oliver e saber como ele morreu.
    Adorei a dica.
    Beijos, Lari.
    segredosdeumacerejeira.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Uau, não conhecia essa obra, mas fiquei mega interessada. Adoro livros com enredos diferentes, o que claramente é o caso desse. Anotei o nome para futuramente adquirir. O que me despertou ainda mais o interesse por esse livro foi devido a temática me lembrar logo de cara Memórias Póstumas de Brás Cubas, uma obra que amo.

    https://amorlivresco.wordpress.com

    ResponderExcluir
  3. Ooi,
    Ainda não li nada do autor mas quando encontrei com esse livro na livraria fiquei super curiosa! A edição da Rocco ficou linda e agora com sua resenha tenho certeza que preciso conhecer essa história. Adorei essa ideia de 'cidade' e amo descrições fantásticas, com certeza é um livro que vou gostar de conhecer.
    Corujas de Biblioteca

    ResponderExcluir
  4. Oi Fê, tudo bem?
    Eu amei a capa desse livro e só por ela eu já teria comprado um exemplar mas admito que a premissa singular também me conquistou. A ideia de um menino de 13 anos morrer e ir parar em um céu que é também um mundo completamente diferente é bem peculiar e não sei o que esperar desse enredo, mas fiquei muito curiosa pra saber o que acarreta a morte dos meninos e o que há por trás desses acontecimentos. Parece ser uma leitura única, adorei a indicação.
    Beijos!
    Por Livros Incríveis

    ResponderExcluir
  5. Olá!! :)

    Eu não conhecia este livro mas fico muito contente que tenhas gostado!! :) Eu fiquei muito interessado, especialmente por todo esse lado mais sombrio e estranho, bem diferente do que estou habituado! :)

    E para alem disso fico contente que não te tenhas desiludido e que consigas aprender lições e sentir que o livro passou muito (quero mesmo ler para conferir essas reações..) :)

    Boas leituras!! ;)
    no-conforto-dos-livros.webnode.com

    ResponderExcluir
  6. Olá!
    Nossa, essa história me deixou bem curiosa. É bem diferente do que estamos acostumados, a final de contar quando se fala de vida após a morte, normalmente nos referimos a livros espíritas, enquanto esse me parece ter um foco diferente. Adorei a resenha e vou adquirir o livro. Preciso conhecer melhor a história de Boo.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  7. Olá.
    Ao contrário de você essa ambientação não me interessa nenhum pouco. Fico um pouco curiosa porém com essq parte devastadora que você fala. Parabens pela resenha não conhecia o livro.
    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Olá Fê,
    Esse livro parece ser muitíssimo interessante e gostei disso. Achei muito legal você ter dito sobre como a ficção pode parecer mágica nessa história e, também, fiquei bem intrigada para saber como surge essa questão da vingança e o que é feito após esse sentimento.
    Muito legal o espaço que foi aberto para mensagens especiais.
    Dica anotada.
    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Caramba! Pirei com a sua resenha. Assim como vc já leria só pela sinopse e depois da resenha super instigante só confirmou. Vou ler! Vou procurar na amazon em ebook, depois te falo.
    Bjs

    ResponderExcluir
  10. Que delicia saber que a sua expectativa estava alta e ainda assim, o livro te surpreendeu. Fiquei bem curiosa sobre os acontecimentos estranhos que trazem a reflexão sobre temas tão pertinentes. Fiquei bem tentada a comprar.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Oiii, Fê. Tudo bem?
    Eu ainda não conhecia o livro, mas gostei de conhecer. Essa capa é maravilhosa. E a proposta dele é muito legal. Gosto de livros que mostram várias possibilidades para a vida após a morte. E concordo com você, a ficção é uma coisa mágica =D
    Além disso, o livro fala sobre bullying. Um assunto que deve ser sempre debatido. Valeu pela dica.
    Um beijão
    http://profissao-escritor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Oi Fe, tudo bem?
    Adorei a premissa desse livro! Gosto muito quando os autores trabalham com temas que envolvem a morte, e acredito que nessa obra deu super certo. Além disso, amo mistério e com certeza iria ficar lendo uma página atrás da outra só para encontrar as respostas dos questionamentos. Muito legal saber que temas tão importantes como bullying são trabalhados. Espero muito ler esse livro em breve!

    Beijos! ♥

    ResponderExcluir
  13. Oi Fê, tudo bom?

    Que gracinha de capa *-*

    Amei o enredo e a premissa que traz esta obra e realmente não conhecia. Falar sobre Bullying é sempre válido, pois além de gerar conscientização para muitos, ajudam quem sofre deste "pre- conceito".

    Ultimamente venho me interessando bastante pelos lançamentos da editora Rocco <3

    Sua resenha esta muito legal! Parabéns (:

    ResponderExcluir
  14. Oi, tudo bem?
    Eu confesso que não conhecia esse livro ainda, mas fiquei bem animada com ele logo que li a sinopse, pois achei bem curioso essa "cidade" onde o protagonista vai. Além disso, eu gosto bastante de histórias que abordem o bullying e falem sobre uma vida depois da morte. Enfim, achei a premissa realmente bem curiosa e pela sua resenha parece ser uma história muito bem construída e emocionante mesmo.

    Beijos :*

    ResponderExcluir
  15. Oi Fe, tudo bem?
    Eu ainda não conhecia esse livro mas depois de ler sua resenha quero ver se o comproo o mais rOido possível pois fiquei bem curiosa para saber a verdadeiro causa da morte deles é entender o porquê do livro ter uma história tão devastadora além de abordar temas bem atuais como o bullyng e a ansiedade.
    Bks

    ResponderExcluir
  16. Oii... Fiquei muito curiosa depois de ler a sinopse e a sua resenha, já é um assunto que me interessa bastante, o bullyng como vc mesma disse, é um assunto bem abrangente e algo que, sempre quando vejo um livro com essa temática, me intriga, espero ler este livro em breve.

    Bjos, Dri Luz

    ResponderExcluir

Muito obrigada por visitar o blog. Espero que tenha gostado e volte sempre! Fê ♥

© Fernanda Prates - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
imagem-logo