22 de agosto de 2017

Resenha: Crash - Nicole Williams, Essência

Informações do livro:
Título: Crash #1
Quando a paixão explode
Título original: Crash (Crash #1)
Autor: Nicole Williams
Editora: Essência
Páginas: 256



Sinopse: Para a adolescente Lucy, nada é mais importante que o balé. A dança a transporta para um mundo onde a dor, as lembranças ruins e a violência não existem. Um mundo só dela. Um dia, porém, aquela garota certinha é obrigada a mudar de escola. E é nesse novo ambiente, repleto de descobertas e Inseguranças, que conhece um garoto que só usa cinza e vive com uma toca de lã na cabeça. Jude, o maior bad boy da escola, é lindo e seria o sonho de toda garota, e talvez até o genro que todo pai pediu a Deus... se não tivesse sido preso várias vezes e não morasse num abrigo para garotos desajustados. Lucy não liga para a opinião dos outros: o mais importante é o que Jude sente por ela. E o rapaz parece disposto a abrir seu coração, ainda que um segredo que assombra o passado e o presente dos dois esteja prestes a estraçalhar essa paixão. “Jude era a doença para a qual eu não via cura. A droga da qual eu não queria me livrar nunca. ” LUCY


Resenha: "Crash", de Nicole Williams, estava na minha lista de desejados desde o primeiro momeno em que li a sinopse, e é claro que essa premissa me deixou bem empolgada. Esse estilo é um dos meus preferidos, por mais que tenha a fórmula clichê do bad boy. Esse enredo se torna muito especial por conta dos sentimentos explorados diante de toda intensidade e das implicâncias que existem ao redor dos personagens centrais.

Lucy passa por situações bem complicadas no meio familiar, e as coisas mudam de forma repentina, motivo pela qual ela parece se tornar cada vez mais fechada. Não é difícil imaginar o porquê de ela ter se sentido tão atraída por Jude - ela e tantas outras mulheres.. É possível reconhecer bem o poder que ele tem sobre ela, mas a garota também tem as suas influências.

Jude Ryder é aquele garoto que vive cercado por problemas, mas também chama muito a atenção por onde passa, em especial pelas mulheres. Claro que existe todo aquele pensamento sobre o que ele já fez e pelo seu comportamento, mas nesse caso, vale a pena conhecer mais a seu respeito e como ele gostaria que algumas coisas pudessem ter sido diferentes, uma segunda chance ou um motivo para seguir adiante. 



A parte mais interessante é que a narrativa consegue ser muito compreensível no meio de todo o drama exposto. Em meio a tantas inseguras e desejos intensos, os dois personagens revelam que tem muito a oferecer um ao outro. Ainda assim, é um caminho que precisa ser trabalhado muito, e as cenas conseguem refletir bem sobre isso.

Gostei demais dos personagens, por mais que tenham suas parcelas de culpa em algum momento, ou por representarem tantos conflitos sobre si ou no relacionamento. É difícil imaginar as reais consequências, e quando a autora desenvolve essa questão, a gente tende até a ficar meio perdido, sem saber o que pensar.

Confesso que tinha algumas expectativas sobre a história, porém fui surpreendida com o rumo dos acontecimentos. É uma obra muito envolvente e diante de tantas emoções, me vi fascinada por tudo que aconteceu. Também possui suas mensagens para refletir, o que engrandece ainda mais os propósitos do livro. Crash é o primeiro livro de uma trilogia, e já estou curiosa demais para conferir os próximos (que ainda não foram lançados no Brasil até o momento), Clash e Crush.

Classificação SEL: 4/5


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muito obrigada por visitar o blog. Espero que tenha gostado e volte sempre! Fê ♥

© Fernanda Prates - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
imagem-logo