7 de agosto de 2017

Resenha: Londres é nossa - Sarra Manning, Galera Record

Informações do livro:
Título: Londres é nossa
Título original: London Belongs to Us
Autor: Sarra manning
Editora: Galera Record
Páginas: 266



Sinopse: Uma divertida e acelerada carta de amor a Londres, a garotos e a alucinantes noites em claro. Sunny sempre foi um pouco ingênua, até meio molenga. Mas quando recebe a foto de seu namorado beijando outra garota em seu celular, ela sabe exatamente o que fazer: encontrá-lo e terminar tudo. Só que... será que Mark não tem uma explicação para isso tudo? Eles estavam indo tão bem... Agora, Sunny precisa achar o rapaz em pleno sábado à noite em uma das cidades mais movimentadas do mundo. O que antes parecia uma tarefa simples virou uma verdadeira corrida maluca por Londres. No caminho, Sunny conhece um condutor de riquixá, grupo de dragqueens, sua banda girl power favorita e, principalmente, os Goddard – os gêmeos (primos) franceses mais misteriosos e descolados de Londres.


Resenha: "Londres é nossa", de Sarra Manning", apresenta um romance encantador, especialmente por conta da ambientação. Já li dois livros da autora (Onde deixarei meu coração e Os adoráveis), por isso estava com boas expectativas a respeito. Essa leitura me surpreendeu ainda mais por conta da paixão exposta nessas páginas e como tudo se mostra mais envolvente por conta disso.

A premissa se mostrou muito divertida desde o começo, apesar de um tom dramático por conta da personagem, Sunny, ter visto uma foto do namorado, Mark, beijando outra garota. A menina passa a impressão de ser um pouco fragilizada, mas talves isso tenha sido intencional, visto que ela precisou seguir um caminho, um tanto complexo, para se entender melhor, além de compreender tudo que acontecia ao seu redor e suas consequências.



Apesar de suas características serem um pouco incertas no começo, garanto que Sunny não poderia ser mais corajosa em relação a enfrentar os seus medos e a própria verdade. E é por isso que não pensa muito quanto vai atrás de Mark para tirar satisfação, além de querer terminar a relação. Pode ser uma ação meio compulsiva, mas não deixa de ser interessante. Ela havia planejado muitas coisas para os dois, e é claro que é preciso conversar antes de fazer algo idiota (ou mais idiota ainda).

E é assim que se inicia a jornada de Sunny em meio a um turbilhão de emoções. Não é nem um pouco difícil compreendê-la, pelo contrário, ela possui traços delicados e ao mesmo tempo ousados, facilitando a identificação por parte do leitor. Nós nos sentimos mais próximos de suas dores e até dos momentos em que se vê mais relaxada, ainda mais porque a narrativa se encarrega de expor bem suas atitudes e pensamentos.


capa internacional
Acredito que o principal destaque não é nem o drama de Sunny, mas sim ao que se refere a ambientação. Admiradores de Londres (como eu) irão adorar essa leitura, visto que a autora explora muito bem os trajetos, e com doses extras de bom humor. Todos os capítulos garantem uma surpresa especial, e tornam tudo ainda mais irreverente. Nesse tempo, a protagonista descobre que há muito o que se explorar e aprender.

Gostei muito da capa internacional, especialmente pelas referências e escolhas de cores, mas a edição nacional também está de parabéns. 

Todos os personagens também merecem atenção especial, especialmente porque há muita admiração sobre alguns deles, só lendo para entender bem ao que estou me referindo.

Enfim, não é nenhuma surpresa eu recomendar essa obra, mas preciso ressaltar que a leitura é muito ágil, e que os leitores irão se encantar por cada detalhe nessa aventura inusitada.

Classificação SEL: 4/5


15 comentários:

  1. Olá Fê!

    Eu não poderia ter gostado mais da indicação de hoje. Adoro Londres e tenho certeza que me encantaria pelas descrições caso lesse o livro. Gostei muito dos seus comentários sobre a protagonista, especialmente sobre a personalidade dela. Gosto muito quando encontro uma personagem com a qual consigo me identificar. Obrigada pela dica, espero ter a oportunidade de ler.

    Ingrid Cristina
    Plataforma 9 3/4

    ResponderExcluir
  2. O enredo não me chamou muita a atenção, mas com a sua resenha até daria uma oportunidade ao livro. Acredito que esse motivo dela de sair pela cidade é meio sem graça, mas o que acontece nessa corrida maluca parece ser legal de ler, só tipo leve e descontraído.
    www.praxeliteraria.com.br ��

    ResponderExcluir
  3. Olá...
    Adorei sua resenha!!!
    Tenho esse livro em minha estante, mas, ainda não li... Gostei bastante de seus comentários a respeito da obra. Parece ser exatamente o tipo de leitura que curto e como uma grande admiradora de Londres, não vejo a hora de iniciar a leitura, mas, antes tenho que dar um jeito nas leituras atrasadas ;)
    Dica anotada!
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. oie!
    Eu adoro essa autora!
    Já li alguns dos livros dela, e gosto muito da narrativa da autora, sempre me surpreendendo.
    Vou anotar esse título, pois estou curiosa para conferir esse livro, acredito que vou gostar.
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  5. Olá, eu tenho muita vontade de ler os livros dessa autora! Também gosto muito de histórias ambientadas em Londres. Pela sua resenha e por outros comentários que já tinha visto desse livro, achei a história da Sunny super interessante, já quero ler.

    ResponderExcluir
  6. Oiee, tudo bem? Adorei a resenha! Eu li Os Adoráveis e tinha gostado bastante, apesar de não ter simpatizado muito com a protagonista. Londres é Nossa parece ser uma leitura bem leve e divertida, então já anotei sua dica <3 A capa gringa é mesmo muito bonita, mas a brasileira também não fica atrás.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  7. Oi. :)
    Adorei a premissa do livro, apesar de nunca ter ouvido falar.
    Adorei onde a estória passa, pois é num dos lugares que mais adoro no mundo: Londres. <3
    Sua resenha ficou ótima e vou anotar essa dica, pois preciso saber se o casal ficou junto ou não.
    Blog As Meninas Que Leem Livros - Lauri Brandão

    ResponderExcluir
  8. Oiee Fê ^^
    Eu ainda não li nada da autora, mas estou com esse livro aqui, e confesso que antes de ler a sua resenha não tinha expectativas...haha' agora fiquei curiosa para lê-lo, pensando seriamente em furar a enorme fila de não-lidos aqui e passá-lo na frente...haha' Não sou bem uma admiradora de Londres, mas sonho em conhecer um dia :)
    MilkMilks ♥

    ResponderExcluir
  9. Oi, Fer!
    Lembro que quando li Os Adoráveis gostei bastante do estilo de escrita da Sarra, é muito legal saber que outras histórias dela continuam com suas características de narrativa principais - humor e boa descrição são sempre coisas boas! :3 Estava em dúvida se li ou não Londes é nossa, mas agora já sei que vou curtir a leitura :D
    Beijos!

    ResponderExcluir
  10. Oi, tudo bem?
    Eu também li esse livro e concordo com você que o destaque não é o drama da Sunny, mas a própria Londres. Aliás, eu amo essa cidade de coração e adorei ver a maneira como a autora falou sobre ela.
    Ainda não conhecia outros livros da autora, mas vou pesquisar os dois que você citou.
    Ótima resenha!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  11. Oie, tudo bem?
    Eu já li uma resenha antes sobre esse livro e parece ser muito divertido haha
    Embora não seja meu gênero de leitura, a história é cheia de surpresas né?
    Beijocas

    ResponderExcluir
  12. Olá!!
    Apesar de não ser um gênero que costuma me atrair, li Depois da última dança, também da autora, e gostei bastante.
    Fiquei curiosa para saber o desfecho dessa busca com tom de aventura, e para saber se realmente foi um caso de traição!
    Espero poder ler em breve!
    Um beijo

    www.asmeninasqueleemlivros.com

    ResponderExcluir
  13. Oie, tudo bem?
    Eu tenho o "Onde deixarei meu coração", que é ambientado em Paris! Comprei apenas pela capa, acredita? E aí em uma promoção recente do submarino, comprei esse também pela capa sem nem saber que eram da mesma autora. Me apaixonei pela resenha, mal posso esperar para começar a ler e vivenciar essa história maravilhosa sobre superação <3

    ResponderExcluir
  14. Nunca li nada da autora e apesar de realmente achar que poderia ser uma experiência divertida não foi uma trama pela qual morri de amores. Não achei a trama muito original e achei a capa estrangeira muito mais bonita. Rss
    Mas eu nunca digo nunca, então posso vir a ler mais pra frente.

    Beijos
    - Tami
    http://www.meuepilogo.com

    ResponderExcluir
  15. Nunca li nada da autora e apesar de realmente achar que poderia ser uma experiência divertida não foi uma trama pela qual morri de amores. Não achei a trama muito original e achei a capa estrangeira muito mais bonita. Rss
    Mas eu nunca digo nunca, então posso vir a ler mais pra frente.

    Beijos
    - Tami
    http://www.meuepilogo.com

    ResponderExcluir

Muito obrigada por visitar o blog. Espero que tenha gostado e volte sempre! Fê ♥

© Fernanda Prates - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
imagem-logo