13 de novembro de 2017

Resenha: A garota do calendário - agosto, Editora Verus

Informações do livro:
Título: A garota do calendário - Agosto
Título original: August (Calendar Girl #8)
Autor: Audrey Carlan
Editora: Verus
Páginas: 160
SKOOB | GOODREADS



Sinopse: O que você faria para salvar a vida de seu pai? A vida é feita de escolhas. Mia Saunders fez a dela. O sexto volume do fenômeno editorial nos Estados Unidos, com mais de 3 milhões de cópias vendidas Mia Saunders precisa de dinheiro. Muito dinheiro. Ela tem um ano para pagar o agiota que está ameaçando a vida de seu pai por causa de uma dívida de jogo. Um milhão de dólares, para ser mais exato. A missão de Mia é simples: trabalhar como acompanhante de luxo na empresa de sua tia e pagar mensalmente a dívida. Um mês em uma nova cidade com um homem rico, com quem ela não precisa transar se não quiser? Dinheiro fácil. Parte do plano é manter o seu coração selado e os olhos na recompensa. Ao menos era assim que deveria ser... Agosto virá com uma tarefa diferente para Mia: ir a Dallas fingir ser irmã do jovem magnata e caubói Max. Mia sabe que sua contratação tem a ver com os negócios de Max, mas nunca poderia imaginar o que está prestes a acontecer.



Resenha: Essa série continua surpreendendo bastante, e a vontade que dá é de já ter todos os meses em mãos, oubem que poderia ser um volume único, dai a gente poderia chegar ao desfecho bem mais rápido. Enfim... em agosto, Mia precisa fingir ser irmã de Max Cunningham, e muitas coisas podem acompanhar nesse novo trajeto.

Confesso que achei tudo muito esquisito logo no começo, e da forma como tudo é retratado, há muitas coisas a serem questionadas. Max dá a impressão de ser uma pessoa muito complicada e reservada também, ao mesmo tempo em que parece ser uma pessoa bem dedicada e sincera. Max é casado e tem uma filha, então tudo que ele deseja de Mia é estritamente profissional, levando em consideração que sua irmã está ao seu lado.. 

A questão familiar é o principal destaque nesse oitavo volume da série. E com certeza, o desenvolvimento se torna muito marcante, especialmente pelo rumo das cenas. A relação com sua irmã, Maddy, também se evidencia, mas além disso há alguns esclarecimentos importantes sobre o passado de Mia. Ah, o pai dela também não está numa situação muito favorável, o que dificulta ainda mais as coisas. 



Mas é claro que o romance se faz presente nessas páginas, e ainda mais intenso do que nunca, e muito especial também. Mia e Wes fazem uma ótima combinação, e é impossível não suspirar quando estão juntos. Julho foi um ótimo mês, mas acredito que esse conseguiu se superar em vários sentidos.

O desfecho é maravilhoso, apesar de ter suas passagens previsíveis. Pode ser algo esperado sim, mas que emociona demais por conta das consequências e demais situações que geram conflitos, lembranças e algumas revelações bem profundas. Basicamente é isso: família + revelações. Não é difícil imaginar o que acontece, né?!

É uma leitura muito rápida - rápida até demais, na verdade, mas que garante uma ansiedade ainda maior para os próximos livros. Não duvido que muita coisa ainda vai acontecer para surpreender os leitores. E sobre a edição, segue o padrão, mas particularmente achei essa capa linda, talvéz por conta da cor. Que venham setembro, outubro, novembro e dezembro

Classificação SEL: 4/5


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muito obrigada por visitar o blog. Espero que tenha gostado e volte sempre! Fê ♥

© Fernanda Prates - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
imagem-logo