12 de novembro de 2017

Resenha: Virgem - Radhika Sanghani, Editora Rocco

Informações do livro:
Título: Virgem
Título original: Virgin
Virgin #1
Autor: Radhika Sanghani
Editora: Rocco
Páginas: 288



Sinopse: Ellie Kolstakis tem 21 anos, ótimas amigas, uma boa situação financeira, está terminando a faculdade de Literatura Inglesa e ainda é... virgem. Mas ela está decidida a mudar isso até a sua formatura. Afinal, ela não escolheu esperar até o casamento, muito menos possui restrições religiosas ou está à procura de um príncipe encantado. O fato é que Ellie simplesmente não tem sorte quando o assunto é amor e sexo. Decidida a virar o jogo nos quatro meses que restam até se formar, a jovem divide seu tempo entre o trabalho de conclusão de curso, depilações inusitadas, seu blog, festas, conselhos de amigas e até mesmo tutoriais constrangedores no YouTube, envolvendo-se em situações mirabolantes e, claro, hilárias, da primeira à última página.


Resenha: "Virgem", de Radhika Sanghani, é uma obra curiosa e com situações a se pensar sobre nossa própria realidade. Eu diverti muito com esse livro e confesso que me surpreendi com a narrativa, em especial por ser tao irreverente. Claro que já imaginava algo mais divertido, porém a autora se superou diante de todos os detalhes, além do estilo divertido dos personagens.

Ellie, a protagonista, tem muito a aprender sobre si mesmo nessa jornada, ainda mais porque não consegue se aceitar muito bem, digo isso por conta dos julgamentos que ela acha que as pessoasa ao seu redor farão. Pode ser comum que ela pense se tal maneira mesmo, só que é preciso trabalhar em cima disso, se não nunca conseguirá viver por completo. Essa é uma das mensagens repassadas ao longo das cenas.


A garota só pensa em perder a sua virgindade, tanto que chega a ser forçado mesmo, e é claro que isso é algo bem intencional no enredo, sendo que é o propósito mesmo. Mas suas escolhas fazem parte das experiências, por mais que nem tudo saia como o planejando.

O tempo ppde parecer curto para o que ela deseja, mas no fim percebe o que realmente importa e isso é mesmo bem gratificante. Nesse percurso, é claro que ocorrem interações com as amigas, onde Ellie vai perceber que não adianta querer se enganar e nem enganar aos outros. Os erros refletem muito no seu comportamento, mas nada de querer julgar né?!

Enfim, eu gostei muito de fazer essa leitura, além de ser bem dinâmica, consegue ser rápida também, já que eu consegui concluir em menos de dois dias. Recomendo muito essa obra aos leitores que estejam procurando uma história ágil e com boas reflexões, porque isso já é mais do que esperado..

Classificação SEL: 4/5


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muito obrigada por visitar o blog. Espero que tenha gostado e volte sempre! Fê ♥

© Fernanda Prates - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
imagem-logo