7 de maio de 2018

Resenha: Pensei que fosse verdade - Huntley Fitzpatrick, Editora Valentina

Informações do livro:
Título:Pensei que fosse verdade
Título original:What I Thought Was True
Autor: Huntley Fitzpatrick
Editora: Valentina
Páginas: 336



Sinopse: Um passado a ser esquecido. Um presente nada promissor. Um futuro a ser conquistado. “O PARAÍSO À BEIRA-MAR.” “O SEGREDO MAIS BEM GUARDADO DA NOVA INGLATERRA.” A ilha de Seashell, onde passei minha vida inteira, é tudo isso e muito mais. No entanto, a única coisa que eu quero é ir embora daqui. Gwen Castle nunca quis tanto dizer adeus à sua ilha natal quanto agora: o verão em que o Maior Erro da Sua Vida, Cassidy Somers, aceita um emprego lá como faz-tudo. Ele é um garoto rico da cidade grande, e ela é filha de uma faxineira que trabalha para os veranistas da ilha. Gwen tem medo de que esse também venha a ser o seu destino, mas, justamente quando parece que ela nunca vai conseguir escapar do que aconteceu – ou da ilha –, o passado explode no presente, redefinindo os limites de sua vida. Emoções correm soltas e histórias secretas se desenrolam, enquanto Gwen passa um lindo e agitado verão lutando para conciliar o que pensou que fosse verdade – sobre o lugar onde vive, as pessoas que ama, e até ela mesma – com o que de fato é.


Resenha: "Pensei que fosse verdade", de Huntley Fitzpatrick, apresenta uma boa leitura e com elementos que conseguem envolver o leitor. No meu caso, acho que estava esperando algo a mais diante do desenvolvimento, talvez por conta do que li na sinopse, mas no final, não posso deixar de afirmar que vale a pena por conta dos aspectos mais intrigantes.

A protagonista, Gwen, é bem dinâmica, e não tenho nada a reclamar sobre sua personalidade. É uma adolescente que pensa bem sobre suas ações e tem pensamentos bem objetivos. Porém, certas coisas começam a mudar em seu caminho e ela precisa rever quais planos deve priorizar em sua vida.


A ambientação também se mostra bem peculiar, mesmo porque é um dos pontos fortes desse enredo. A família também tem uma ótima relevância, onde é possível compreender a valorização dos sentimentos, além de algumas complexidades e seus dramas. Nesse decorrer, o leitor também começa a compreender a respeito de algumas omissões nos relacionamentos.


Claro que o romance também se destaca, mas nesse caso acredito que poderia haver  uma relação mais intensa, porque pelo jeito como tudo aconteceu, deu a entender que tudo é meio corriqueiro. Nesse ponto, devo acrescentar que estas cenas também se mostram mais previsíveis.

Enfim, é uma leitura bem rápida e igualmente cativante, porque todos os personagens tem algo a oferecer e são especiais por isso. De fato, todos os lados dos relacionamentos trabalhados conseguem expor suas intensidades. Há vários questionamentos a serem feitos, e consequentemente também é possível refletir muito diante das mensagens repassadas.


Classificação SEL: 4/5


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muito obrigada por visitar o blog. Espero que tenha gostado e volte sempre! Fê ♥

© Fernanda Prates - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
imagem-logo