11 de julho de 2018

Resenha: A duquesa - Danielle Steel, Editora Record

Sobre o livro:



Sinopse: A saga de uma jovem bem-nascida, que se vê sozinha no mundo e é obrigada a embarcar em uma jornada de sobrevivência e sensualidade em busca da tão sonhada justiça. Angélique Latham cresceu no esplendoroso Castelo Belgrave, na Inglaterra, e foi criada sob a tutela e o carinho do pai, o duque de Westerfield. Aos 18 anos, ela é a menina dos olhos do duque, mas, assim que ele morre, seus meios-irmãos mais velhos lhe viram as costas, abandonando-a completamente. Porém, com sua inteligência aguçada, uma beleza arrebatadora e um baú de dinheiro que seu pai lhe deu em segredo no leito de morte, ela fará de tudo para sobreviver. Sem conseguir arrumar emprego por não ter uma carta de referência, mesmo depois de um tempo trabalhando como babá, Angélique tenta a sorte em Paris. E é lá que o destino coloca em seu caminho uma prostituta, vítima dos maus-tratos de Madame Albin. Ao ajudar a jovem, Angélique vê uma oportunidade: abrir um bordel de luxo para atender aos homens mais abastados da cidade e onde pudesse proteger essas mulheres. Logo, o elegante Le Boudoir, um lugar onde os homens poderosos podem satisfazer seus desejos mais secretos com as companhias mais sofisticadas, se torna a sensação de Paris. Mas, vivendo na iminência de um escândalo, Angélique conseguirá algum dia recuperar seu lugar no mundo? Da Inglaterra do século XIX, passando por Paris e Nova York, Danielle Steel retrata uma época de luta das mulheres em uma sociedade predominantemente masculina ao contar a história inspiradora de uma cativante dama de espírito revolucionário.


Resenha: Eu realmente acho meio complicado falar a respeito dos livros de Danielle Steel, isso porque suas histórias são extremamente detalhistas e envolventes.Sem contar que ela trabalha de uma forma espetacular com o tempo, contratempos de toda uma época e suas consequências, isso é um elemento surreal nas tramas dela.

Sinto uma vontade enorme de descrever praticamente todas as cenas num texto - que deve ser curto e objetivo- se é que me compreendem, por ser uma resenha de indicação de livro para leitura.

Há muito o que se comentar sobre as tramas, e não seria diferente em "A duquesa". Ela está na minha lista de autoras favoritas, e esse livro me conquistou por completo, assim como já era esperado.

Angélique Lathan tinha tudo que uma moça sonharia, e tudo ao seu redor lhe favorecia. Pelo visto, tinha um caminho maravilhoso em seu futuro e os planejamentos não poderiam ser mais esperados.
O fato é que após a perda de seu pai, tudo muda muito rápido - e o mundo lhe virou as costas. Com toda a sua dignidade, juntou seus pertences e foi batalhar por algum espaço em uma sociedade que lhe despertava tantos receios. Ainda mais quando envolve prostitutas e bordéis, e muitos casos escandalosos.

A ambientação é descrita de forma muito profunda, e esse é o principal elemento desta obra. Ainda mais por conta das escolhas da protagonista, que a tornam uma pessoa mais destemida, sem dúvidas. Escolhas esta, que a definem em um cenário cercado por julgamentos. 

As oportunidades lhe parecem favoráveis, então porque não investir, certo?! Quando a gente acha que nada mais pode acontecer, vem a vida e prova o contrário. A autora bem sabe como mexer com as nossas estruturas diante disso.

É uma trama sensível e com muitas emoções, de verdade. Não é uma leitura tão rápida, por conta de ser uma trama mais descritiva, então isso tende a deixar as cenas mais lentas. Entretanto, não se torna cansativo, ao meu ponto de vista.

Classificação SEL: 5/5


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muito obrigada por visitar o blog. Espero que tenha gostado e volte sempre! Fê ♥

© Fernanda Prates - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
imagem-logo