14 de novembro de 2018

Resenha: Os números do amor - Helen Hoang, Editora Paralela

Sobre o livro:



Sinopse: Um romance que prova que o amor muitas vezes supera a lógica. Já passou da hora de Stella se casar e constituir família — pelo menos é isso que sua mãe acha. Mas se relacionar com o sexo oposto não é nada fácil para ela: talentosa e bem-sucedida, a econometrista é portadora de Asperger, um transtorno do espectro autista caracterizado por dificuldades nas relações sociais. Se para ela a análise de dados é uma tarefa simples, lidar com os embaraços que uma interação cara a cara podem trazer parece uma missão impossível. Diante desse impasse, Stella bola um plano bem inusitado: contratar um acompanhante para ensiná-la a ser uma boa namorada. Enfrentando uma pilha cada vez maior de contas, Michael Phan usa seu charme e sua aparência para conseguir um dinheiro extra. O acompanhante de luxo tem uma regra que segue à risca: nada de clientes reincidentes. Mas ele se rende à tentação de quebrá-la quando Stella entra em sua vida com uma proposta nada convencional. Quanto mais tempo passam juntos, mais Michael se encanta com a mente brilhante de Stella. E ela, pela primeira vez, vai se sentir impelida a sair de sua zona de conforto para descobrir a equação do amor.


Resenha: "Os números do amor" apresenta uma história muito irrevente e que conquista o leitor logo pelas primeiras páginas. Isso porque é maravilhoso poder acompanhar o desenvolvimento de personagens tão bem desenvolvidos. Sem contar que suas personalidades se destacam muito nesse contexto.

A história trabalha com questões de relacionamentos, adaptações e dificuldades em torno de convivências, emoções, mudanças e afins. Há muito mais a ser revelado na verdade, bem mais do que a própria sinopse já revela. Mas preciso confessar que, no meu caso, já fiquei encantada pela sinopse mesmo. E o texto não me decepciona em momento algum.

Stella e Michael tem suas dificuldades, porém ao longo dos encontros, irão perder o que os torna tão parecido. Irão compreender mais sobre atração e sentimentos que surgem assim, sem nem esperar, mas que são capazes de muita coisa. Vale ressaltar que a sindrome de Asperger é um tema muito bem implementado na trama.

A trama até pode ter suas passagens previsíveis, mas isso é bem inevitável. Na verdade, não atrapalha em nada no enredo, pelo contrario: as expectativas pelas cenas só aumentam no decorrer das páginas. De fato, é muito interessante poder acompanhar a protagonista tendo que encarar seus receios na parte amorosa e um acompanhante ao ser tão diferente do que seria esperado.

Os episódios possuem uma boa mistura de elementos, e o que mais se destaca mesmo são as passagens divertidas e inusitadas. É um livro que me deixou bem animada, de verdade. Como não estou lendo com muita frequência, acabei me surpreendendo com a facilidade com que terminei essa leitura.

Classificação SEL: 4/5


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muito obrigada por visitar o blog. Espero que tenha gostado e volte sempre! Fê ♥

© Fernanda Prates - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
imagem-logo