4 de janeiro de 2019

Resenha: Amigos para a vida, Andrew Norriss - Editora Valentina

Sobre o livro:



Sinopse: Francis não tem amigos. Ele sofre bullying porque é diferente. Em casa, vive trancado no sótão, onde tem uma fabulosa coleção de bonecas vestidas com roupas que ele mesmo cria. Adora moda e pediu de aniversário uma máquina de costura. Um certo dia na escola, na hora do intervalo, Francis vai se sentar num banco, no lado mais afastado do pátio, porque prefere a solidão a ser zoado. Mas nesse dia, sentindo-se triste, ele vê alguém atravessar o gramado na sua direção. É uma menina de mais ou menos a sua idade, embora não a reconheça como aluna da escola. Ela se senta na outra ponta do banco, em silêncio. Francis fica curioso. E então lhe estende a sua caneca de chá. A menina olha para ele, surpresa e chocada. Afinal, ela é um fantasma, chama-se Jessica, e Francis é a primeira pessoa que consegue vê-la desde que ela morreu. Entre os dois surgirá uma amizade extraordinária e transformadora. Amigos Para a Vida é uma delicada história de amizade – e seu poder transformador – entre quatro adolescentes fora dos padrões dominantes, celebra o direito de ser diferente e é leitura obrigatória para todos que combatem o bullying. Um livro divertido, corajoso e genuinamente emocionante.


Resenha: "Amigos para a vida" é o tipo de livro que te prende logo pela sinopse. Porém, há muito mais a ser explorado do que a própria sinopse sugere, e é isso mesmo que torna tudo tão empolgante, sincero e até com um toque mais realista (só lendo para compreender ao que me refiro). 

Sem contar que a leitura se torna ainda mais interessante porque é possível se identificar com certas passagens ou pela própria personalidade de algum personagem. Se você não for se identificar, tenho certeza de que conhece alguém parecido... vale a pena pensar a respeito.

O protagonista se destaca muito, seja por seu jeito irreverente ou por como trata as coisas ao seu redor com tanta simplicidade. Acredito que é exatamente por isso que as coisas tendem a dar certo, mesmo que não pareça. E Francis passa por todo um processo complicado, desde o fato de não ter amigos, gostar de moda e por sofrer bullying. Mas ai ele conhece a Jessica...

 E é ai que até nós, leitores, nos surpreendemos - não Francis, porque ele não demonstra nada. Jessica é uma fantasma, então começam a surgir as dúvidas de como ele consegue contato com a garota morta. É a primeira dúvida de muitas, porém é inegável o quanto os laços de amizade começam a se fortalecer.

A garota fantasma tem um papel fundamental na história de um modo geral. Isso porque entram outros nomes na trama, e os significados de diferença começam a fazer muito sentido na vida de ambos.

O autor trabalha muito bem com as questões sociais, diferenças envolvidas e laços emotivos, o que torna a narrativa ainda mais especial. Apesar de um tema tão expressivo, não posso deixar de comentar que a narrativa possui um ar bem descontraído. Primeiro livro que eu li desse ano e a escolha não poderia ter sido melhor. 

Classificação SEL: 4/5


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muito obrigada por visitar o blog. Espero que tenha gostado e volte sempre! Fê ♥

© Fernanda Prates - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
imagem-logo