12 de setembro de 2012

Resenha: Toda Sua - Sylvia Day, Editora Paralela

Informações do livro:
Título: Toda Sua
Crossfire Livro 1
Autor: Sylvia Day
Editora: Paralela
Páginas: 280
SKOOB | GOODREADS 



Sinopse: Eva Tramell tem 24 anos e acaba de conseguir um emprego em uma das maiores agências de publicidade dos Estados Unidos. Tudo parece correr de acordo com o plano, até que ela conhece o jovem bilionário Gideon Cross, o homem mais sexy que ela — e provavelmente qualquer outra pessoa — já viu. Gideon imediatamente se interessa por Eva, que faz tudo o que pode para resistir à tentação. Mas ele é lindo, forte, rico, bem-sucedido, poderoso e sempre consegue o que quer — e é claro que Eva acaba se entregando. Uma relação intensa começa. O sexo é incrível. Capaz de levar os dois a extremos a que jamais tinham chegado. E, então, eles se apaixonam — o que pode ser tanto a chave para um futuro feliz quanto a faísca que trará de volta os traumas do passado.



Resenha: Assim que comecei a ler “Toda Sua” me deparei com um romance avassalador e envolvente, até que percebi várias características na história parecidas com o livro “Cinquenta Tons de Cinza. 

Não sei se é porque já estava no clima desses romances, sendo que li os dois em um curto espaço de tempo, mas o que quero dizer é que a comparação foi inevitável. Mas o que me surpreendeu bastante foi que, apesar desse livro ter pegado essa onda de romances com conteúdo adulto, a história foi se mostrando bem interessante e me conquistou na hora.

A história gira em torno de Eva Tramell e Gideon Cross, em um relacionamento possessivo e fascinante. Eva o conheceu de uma maneira um tanto inusitada, ao dar de cara com ele no Edíficio Crossfire, lugar em que passaria a trabalhar.

Desde o primeiro encontro, a atração foi nitidamente mútua, e depois disso, começaram a se ver frequentemente no trabalho, até que ela soube que ele era dono da empresa, do edifício...Gideon Cross. Mais tarde ela conheceria tantas outras aquisições que ele possuía como bens, sendo tão poderoso e rico.

Ele a abordou de uma maneira muito direta e nada romântica, e ela negou qualquer envolvimento de início, apesar de se sentir muito balançada apenas por sua presença. Mas claro que isso não durou muito e ela se entregou à ele completamente. Ela não é nem um pouco tímida – pelo menos não no meu ponto de vista, apesar de insegura e ciumenta, é batalhadora e esforçada, devido a tudo que já passou na vida, é sincera e também muito amiga.

Agora, ele é mais complicado. Despojado no começo, pensei que ele seria aquele típico cafajeste, porém foi se revelando uma pessoa romântica, apesar de ser controlador e possessivo.

Esse envolvimento o pegou de surpresa, já que não estava acostumado com relacionamentos, mas resolveu tentar e se arriscar. Sabia que já não seria feliz com mais ninguém. Agora eles precisam enfrentar seus problemas, seus passados para enfim, conseguirem ficar juntos e se entenderem.

Outro personagem que preciso destacar e dizer que adorei, foi o amigo de Eva, Cary, sempre divertido e elegante. Gostaria de conhecer um pouco de sua história, já que parece que ele já sofreu muito também. Os outros personagens secundários também não deixaram a desejar, e só ajudaram a complementar a trama.

Gostei bastante da história e apesar de achar algumas cenas um tanto quanto repetitivas, estou ansiosa para a continuação, em “Profundamente Sua”. Para você que curte romance em um estilo envolvente e bem apimentado, com seus dramas no percorrer da história, recomendo essa leitura.


“Nós nos completávamos. Mesmo naquele momento, com suas mãos percorrendo meu corpo de maneira obsessiva e possessiva, senti minha alma se derreter em alívio por estar finalmente nos braços do homem que entendia e satisfazia meus desejos mais íntimos e intensos.” Pg.186


Classificação SEL: 5/5



11 comentários:

  1. aique tudo esse eu qeuro
    bezossssssssssssss

    ResponderExcluir
  2. Ameeei , to doida pra ler o livro , com certeza queroo!! ;D

    ResponderExcluir
  3. Ameeei , to louca pra ler o livro , com certeza quero!! ;D

    ResponderExcluir
  4. nosa eu to mt afim desse livro *u*
    to anciosa demais pra ter ele
    amei a sua resenha

    ResponderExcluir
  5. Acho a capa desse livro bem bonita e nos faz pensar que quem manda é a mulher, mas não sei se essa imagem que pensei tem a ver com o livro =/ Mas adorei sua resenha e foi legal saber de que se tratava esse livro.
    Confesso que não sou muito fã dessa temática, mas quem sabe um dia leia.
    bjos querida!!!

    ResponderExcluir
  6. Oi, estou louca para ler esse livro. Adorei a sua resenha, logo logo vou comprá-lo, assim como 50 tons de cinza. Parabéns, beijos. Tami. Visite meu novo blog:
    http://minhasuperbiblioteca.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Depois dessa resenha, acabaram as dúvidas: comprarei, now!

    ResponderExcluir
  8. Eu estou louuuuuuuuuuca pra ler esse livro hahahahahaha
    parece ser muito boom!

    ResponderExcluir
  9. amei o livro até agora, ainda vou ler o terceiro, bom gostei do livro porque sai desse clichê de contos de fadas -.-', ainda bem essa coisa de menina donzela, toda pateta me irrita,eva é diferente é independente e ousada coisa que me chamou muito a atenção,tem miseras semelhanças com 50 tons de cinza(livro que eu nao gostei muito), porém a linguagem de toda sua é mais pesada, parabens adorei a resenha :)

    ResponderExcluir

Muito obrigada por visitar o blog. Espero que tenha gostado e volte sempre! Fê ♥

© Fernanda Prates - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
imagem-logo