12 de outubro de 2012

Resenha: Belle - Lesley Pearse, Editora Novo Conceito


Informações do livro:
Título: Belle
É preciso ter coragem para perder a inocência
Autor: Lesley Pearse
Editora: Novo Conceito
Páginas: 560





Sinopse: Londres, 1910. Belle, de 15 anos, viveu em um bordel em Seven Dials por toda sua vida, sem saber o que acontecia nos quartos do andar de cima. Mas sua inocência é estilhaçada quando vê o assassinato de uma das garotas e, depois, pega das ruas pelo assassino para ser vendida em Paris. Sem poder ser dona de seu próprio destino, Belle é forçada a cruzar o mundo até a sensual Nova Orleans onde ela atinge a maioridade e aprende a aproveitar a vida como cortesã. A saudade de casa — e o conhecimento de que seu status como garota de ouro não durará muito — a leva a sair de sua gaiola de ouro. Mas Belle percebe que escapar é mais difícil do que imaginou, pois sua vida inclui homens desesperados que imploram por sua atenção. Espirituosa e cheia de desenvoltura, ela tem uma longa e perigosa jornada pela frente. A coragem será suficiente para sustentá-la? Ela poderá voltar para sua família e amigos e encontrar uma chance para a felicidade? Autora # 1 bet-seller, Lesley Pearse criou em Belle a heroína de nossos tempos: uma mulher forte que luta por seus direitos em um mundo perigoso.




Resenha: Belle é aquele tipo de livro que já te encanta pela capa, e foi impressionante como a todo lugar em que eu ia e estava com o livro em mãos, alguém sempre parava para comentar o quanto a capa era bonita.


A trama se passa no ano de 1910, e possui uma narrativa tão envolvente que achei até meio complicado começar essa resenha e me estender demais. Foram tantas emoções que posso definir Belle como um livro perturbador e surpreendente.

Belle Cooper tem 15 anos e é uma menina inocente e ingênua, apesar de viver a vida toda em um bordel. Sua mãe, Annie, é dona do local, e nunca revelou nada de seu trabalho à filha. A menina era criada praticamente por Mog – criada da casa – e passava quase todo o tempo em um porão. Ela nunca soube exatamente o que todas as meninas faziam e não sabia o real significado da palavra prostituta. Quando ela conhece um garoto chamado Jimmy – sobrinho do dono de um bar próximo – ele a acha encantadora e os dois pressentem o começo de uma grande amizade. Jimmy de inicio pode tê-la julgando, mas percebeu que ela era uma criança muito inocente e não sabia de nada que se passava ao seu redor.

Porém algo muito grave acontece quando Belle, depois de terminar de limpar um dos quartos das garotas, acaba pegando no sono e assim que vê que alguém vai entrar no quarto, ela se esconde embaixo da cama. Sua mãe ficaria enlouquecia se a visse naquela situação. As pessoas que entraram no quarto eram Millie e um acompanhante. 

Foi nessa hora que, impossibilitada de sair dali e com medo de ser pega, ela descobriu qual o verdadeiro serviço da casa e das meninas. Da pior maneira possível e extremamente chocada, viu todos os detalhes da cena e presenciou um assassinato. O homem que estava ali se tornou violento e acabou tirando a vida de Millie. Muito assustada, a menina saiu correndo e só pensou em pedir ajuda, apesar de já ser tarde demais.

Os acontecimentos a seguir se passaram entre a mãe – Annie – esconder a verdade dos policiais e conversar com a filha. Ela sabia que o homem envolvido era uma pessoa perigosa e não queria se meter em maiores problemas. A partir disso, a vida de Belle mudaria para sempre e de uma hora para outra Belle se transformou em uma menina ingênua para uma mulher decidida e sedutora.

Belle é sequestrada, vendida para um bordel na França e passa por muitas situações constrangedoras, solitárias e muito, muito sofrimento. De um lado vemos as experiências da garota e de outro a angustia de pessoas que estão a sua procura. Entre eles, entra em cena um jornalista que gostava de Millie e se envolve para desvendar o crime e encontrar a menina.

A menina passou por muitos traumas difíceis e angustiantes, mas que só fizeram com que ela se fortalecesse e criasse coragem e determinação para seguir em frente e alcançar seus sonhos e objetivos. Conheceu várias pessoas, e lugares, mas nunca perdeu o seu valor e esqueceu seus ideais. O livro apresenta uma história intensa e repleta de altos e baixos, envolvendo temas polêmicos (prostituição, tráfico de mulheres e crianças), e tem um desfecho emocionante. 


“Você ainda está lidando com a perda da inocência, com as pessoas que a machucaram. Porém, aposto que há pessoas que ficaram felizes em conhecê-la e coisas que você viu e mudaram sua forma de pensar. Um dia, você vai acordar e ficar feliz por isso.” Pg.515 


Classificação SEL: 4/5




11 comentários:

  1. Parece ser interessante :3 Não é bem o meu tipo de livros, mas posso dar uma olhada nas primeiras paginas, que a minha amiga tem-no ^^
    kissu

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Kyoko, realmente é uma história muito interessante. Leia sim. Bjs.

      Excluir
  2. Por muitas peguei ele nas mãos na livraria e devolvi..
    Mas agora me interessei muito! Vou trazer pra casa da próxima vez!!

    =***

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Juliane, leia sim. É uma livro muito bom. Bjs

      Excluir
  3. Ai esse livro deve ser perfeito ,
    Quero muito ler ele *-*
    http://umcenarioimaginario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Nossa, adorei a resenha. Tenho tanta vontade de ler esse livro. Sem falar que a capa dele é realmente muito linda. Beijos, Mah!

    ResponderExcluir
  5. Nossa vc lê rápido mesmo viu, te admiro por isso.
    Esse livro é lindo e quero ler assim que possivel, parabéns pela resenha!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Aline, li Belle em três dias. Esse é aquele tipo de livro que você faz de tudo para continuar a leitura de tão intenso e envolvente. Bjs

      Excluir
  6. De verdade? Estou com muita vontade de ler Belle, mesmo não sendo meu estilo de livro. Ok, confesso que, justamente como você disse, me encantei pelo livro através da capa, mas li tantas resenhas sobre ele que a curiosidade só aumentou =)

    Um beijo

    ResponderExcluir
  7. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  8. Estou lendo...
    Achei um pouco difícil entender o contexto histórico, a época que se passa a narrativa e a vida das mulheres, por ser tão diferente da nossa realidade atual.
    Mas depois que me localizei cronologicamente entendi melhor a história e estou adorando.
    Ah! e só estou lendo por que li a sua resenha e achei superinteressante!

    Amo seu site, acesso quase todos os dias!!

    Beijos

    ResponderExcluir

Muito obrigada por visitar o blog. Espero que tenha gostado e volte sempre! Fê ♥

© Fernanda Prates - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
imagem-logo