25 de maio de 2013

Resenha: A Elite - Kiera Cass, Editora Seguinte @cialetras


Informações do livro:                                
Título: A Elite
The Selection - Livro 02
Título Original: The Elite (The Selection #2)
Autor: Kiera Cass
Editora: Seguinte
Páginas: 360
SKOOB | GOODREADS   





Sinopse: A Seleção começou com 35 garotas. Agora restam apenas seis, e a competição para ganhar o coração do príncipe Maxon está acirrada como nunca. Só uma se casará com o príncipe Maxon e será coroada princesa de Illéa. Quanto mais America se aproxima da coroa, mais se sente confusa. Os momentos que passa com Maxon parecem um conto de fadas. Quando ela está com Maxon, é arrebatada por esse novo romance de tirar o fôlego, e não consegue se imaginar com mais ninguém. Mas sempre que vê seu ex-namorado Aspen no palácio, trabalhando como guarda e se esforçando para protegê-la, ela sente que é nele que está o seu conforto, dominada pelas memórias da vida que eles planejavam ter juntos. America precisa de mais tempo. Mas, enquanto ela está às voltas com o seu futuro, perdida em sua indecisão, o resto da Elite sabe exatamente o que quer — e ela está prestes a perder sua chance de escolher. E justo quando America tem certeza de que fez sua escolha, uma perda devastadora faz com que suas dúvidas retornem. E enquanto ela está se esforçando para decidir seu futuro, rebeldes violentos, determinados a derrubar a monarquia, estão se fortalecendo — e seus planos podem destruir as chances de qualquer final feliz.



Confira também:

A Seleção – livro 1 (resenha)
O Príncipe – livro 1.5 (resenha)


Pode haver spoilers


Resenha: A Elite também se tornou um livro favorito e assim como em A Seleção me fez sentir muitas emoções. Posso dizer também que ainda sou a favor de Maxon, mas fiquei um tanto receosa quanto as suas ações, incluindo as de America. Ele ficou mais distante e temeroso, e ela cada vez mais insegura e perdida. Confesso que fiquei com raiva de algumas de suas atitudes, pois ela não poderia exigir nada no príncipe, sendo que ela se encontrava em uma posição mais complicada que a dele, e escondia muitos segredos e só sabia pedir mais tempo para se decidir. Que garota impulsiva e fechada!



"Era impossível. Eu tinha que escolher. Aspen ou Maxon? Mas como decidir entre duas boas opções? Como decidir, se qualquer escolha deixaria parte de mim destruída? Me consolei com o pensamento de que ainda tinha tempo. Eu ainda tinha tempo.” Pg.38



Eu realmente simpatizei bastante com America desde o primeiro volume, mas é inevitável não sentir certa angústia ou indignação sobre o seu jeito de pensar e agir. E o que falar novamente de Maxon? Claro que nunca deixou de ser meu preferido, e nessa trama foi possível perceber novas qualidades, assim como apresentará novos segredos – chocantes – a seu respeito. É visível e de total entendimento que ele se encontra em uma posição difícil e que precisa mais do que tudo, formar uma imagem forte e perfeita para o povo de Iléa, incluindo para as seis selecionadas da Elite e principalmente para o rei – seu pai. Ele realmente tem que se desdobrar para dar conta de tantas coisas e acredito que o sentido disso tudo é mostrar que o príncipe não é nenhum pouco perfeito e que também tem muitos problemas pela frente. Esses fatos só serviram para Maxon fosse apresentável como alguém digno de ser um rei melhor que o pai. O que, independente do rumo que a história possa seguir, o príncipe será um ótimo rei e acredito que conseguirá realizar grandes fatos bons e honrosos.



“Tudo o que quero é que você prometa ficar comigo, ser minha. Às vezes, você não parece real. Me prometa que vai ficar.” Pg.94



Continuo com a mesma opinião sobre Aspen, que definitivamente conseguiu aparecer bastante na trama, já que se tornou soldado e foi trabalhar justamente próximo a America. Seria destino ou simples distração aos leitores? Ele sim pode ser chamado de irritante! Consequentemente, outros personagens secundários também tiveram um destaque maior, como Marlee, Kriss, Celeste entre outros. Claro que, como já era de se esperar, as meninas estão cada vez mais aflitas e é nesse momento que a seleção vai refletir nas ações de cada um. Novos sentimentos irão surgir, como o ciúme e o medo pelo desconhecido. Kiera Cass faz um belo trabalho com as palavras e consegue desenvolver uma trama bem trabalhada e envolvente.  Só tenho muitas dúvidas de como a autora irá dar o desfecho referente as questões das políticas e dos rebeldes. No mais, só posso dizer que já estou muito ansiosa pela continuação, já que o final de A Elite, não foi surpreendente forte, pelo contrário foi até bem tranquilo. Porém acredito que é exatamente isso que nos deixa aflitos: querer mais.



“– Por que você nunca me faz as perguntas que eu quero responder?” Pg 314



Classificação SEL: 5/5


7 comentários:

  1. Oie :)

    Meu deus preciso ler A Seleção o mais rápido possível não aguento mais ver as pessoas falando bem dessa série e não ter lido,beijos :D

    http://euvivolendo.blogspot.com/ ( comenta lá :D )

    ResponderExcluir
  2. Essa série está dando o que falar. A cada resenha que leio fico mais curiosa. Assim que possivel quero ler todos os livros da série.
    Parabéns pela ótima resenha!!!!

    ResponderExcluir
  3. Este querer mais já ficou em mim desde o livro 1. Não vejo a hora de ler este, o problema é continuar com esta vontade e ter que esperar pelo próximo.
    Bjs, ROse.

    ResponderExcluir
  4. Li A Elite a um pouco mais de uma semana e amei! Tem gente que não gostou muito de como o livro terminou, mas eu gostei. Tanta coisa aconteceu antes daquele final que mais um baque deixaria minha mente sobrecarregada.
    Não sei pra você, mas acho que America já fez a escolha dela. Talvez se for assim, ao invés da escolha dela e as de Maxon, o terceiro livro tenha um bom espaço pra resolver o história dos rebeldes.

    ResponderExcluir
  5. Oi!
    Preciso ler esse livro também!!!!
    Adorei a resenha!
    Bjo

    ResponderExcluir
  6. Ai, a minha ansiedade em ler a série só aumenta nossa, eu adorei a sua
    resenha, ela não teve spoilers amei isso, eu tenho o primeiro livro,
    mas não tenho A Elite, e A Escolha ainda, por isso não li A Seleção,
    irei aguardar ter todos os livros para começar a ler, eu já sou
    apaixonada pelo Maxon antes mesmo de ler o livro hahaha e pena que a
    America, dá aquela irritadinha na gente nesse segundo volume, porém
    creio que irei me simpatizar muito com ela.
    Beijos!!!!

    ResponderExcluir

Muito obrigada por visitar o blog. Espero que tenha gostado e volte sempre! Fê ♥

© Fernanda Prates - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
imagem-logo