20 de maio de 2013

Resenha: A Seleção - Kiera Cass, Editora Seguinte @cialetras


Informações do livro:                                
Título: A seleção
The Selection - Livro #1
Título Original: The Selection 
(The Selection #1)
Autor: Kiera Cass
Editora: Seguinte
Páginas: 368




Sinopse: Para trinta e cinco garotas, a “Seleção” é a chance de uma vida. Num futuro em que os Estados Unidos deram lugar ao Estado Americano da China, e mais recentemente a Illéa, um país jovem com uma sociedade dividida em castas, a competição que reúne moças entre dezesseis e vinte anos de todas as partes para decidir quem se casará com o príncipe é a oportunidade de escapar de uma realidade imposta a elas ainda no berço. É a chance de ser alçada de um mundo de possibilidades reduzidas para um mundo de vestidos deslumbrantes e joias valiosas. De morar em um palácio, conquistar o coração do belo príncipe Maxon e um dia ser a rainha. Para America Singer, no entanto, uma artista da casta Cinco, estar entre as Selecionadas é um pesadelo. Significa deixar para trás Aspen, o rapaz que realmente ama e que está uma casta abaixo dela. Significa abandonar sua família e seu lar para entrar em uma disputa ferrenha por uma coroa que ela não quer. E viver em um palácio sob a ameaça constante de ataques rebeldes. Então America conhece pessoalmente o príncipe. Bondoso, educado, engraçado e muito, muito charmoso, Maxon não é nada do que se poderia esperar. Eles formam uma aliança, e, aos poucos, America começa a refletir sobre tudo o que tinha planejado para si mesma — e percebe que a vida com que sempre sonhou talvez não seja nada comparada ao futuro que ela nunca tinha ousado imaginar.




Resenha: Estou até agora me perguntando como eu não havia lido esse livro antes. Sério. Mesmo. Se eu tinha dúvidas de que este livro seria bom, agora estou totalmente convencida o quanto me apaixonei pela história e pelos personagens. E só para constar: eu sou team Maxon – forever. 

Tenho até medo de escrever demais nessa resenha, e me desculpem se por acaso der uma de fangirl sobressaltada, mas a verdade é que eu amei demais “A Seleção”. E sim, ele é uma distopia, mas não vá esperando encontrar ação ou algo do gênero, pois esta trama focará mais no romance em si e na competição em geral. E bom...nos quotes que coloquei aqui em baixo, você, só vai encontrar trechos referentes ao Maxon...Mas porque será, né?! ♥



“Não sou burro o bastante para crer que você esqueceu seu antigo namorado. Sei pelo que vocês passaram e que as circunstancias aqui não são exatamente normais. Sei que você acha que há moças aqui mais adequadas para mim e para a vida no palácio. Não quero me apressar e tentar ser feliz com qualquer uma Eu só...só quero saber se é possível...” Pg.278



A história acontece no novo país chamado Iléa e agora, após a terceira guerra mundial, a sociedade é dividida por castas, exatamente oito delas que definem a posição que uma família se encontra. Da primeira até a terceira, são os considerados classe alta, sendo que em seguida seguem os da quarta e o da quinta, como medianos, e da quinta até a oitava as classes diminuem consideravelmente. 

Chega a ser um pouco estranho de início, mas logo o leitor consegue perceber as semelhanças com a nossa própria realidade e se adaptando com a narrativa destas divisões. America Singer é uma cinco, e está apaixonada por um seis. Desculpem, mas preciso confessar o quanto fiquei surpresa com isso. 

Sabia que ela iria para uma seleção concorrer com outras garotas para ser rainha, e realmente pensei que focaria apenas na relação dela com o príncipe. Não sou de pesquisar muito sobre um livro para não perder as surpresas na hora da leitura, então imaginem a minha reação, já que não havia lido nem a sinopse. E tipo, sua história com Aspen me pareceu tão superficial, apesar de estarem há um bom tempo juntos. Não sei se foi por isso, mas não consegui me encantar por ele ou talvez seja todo o desenvolvimento com Maxon, que no caso, fez com que eu sentisse emoções mais fortes por ele.



“Uma pergunta difícil de responder. Por acaso eu desejaria uma vida que nunca quis? Estaria disposta a vê-lo em encontros alegres com as outras apenas para se certificar de que não estava errado? A assumir a responsabilidade de princesa? Eu queria amá-lo? – Sim, Maxon – sussurei. – É possível.



Mas como todos sabemos, a vida é uma caixinha de surpresas e dá muitas voltas. Entre tantas reviravoltas, America se vê dividida e confusa pelos próprios sentimentos. A principio ela via a Seleção como uma obrigação que poderia dar um futuro melhor à sua família. Ela não queria competir com as outras garotas e nunca desejou que o príncipe a escolhesse. Ela queria esquecer uma desilusão amorosa. 

Porém America se vê mais envolvida com Maxon, do que ela nunca imaginou. Seria um sonho ou ela realmente poderia sentir algo por ele? Na certa, ele já tinha se envolvido desde o primeiro encontro dos dois, que foi bem mais tumultuado que o habitual. Eles se tornam amigos, e o sentimento que vêm se formando é inevitável. 

Até que Aspen surge inesperadamente. Chora de emoção ou de angústia?! Diante de tantos fatos, o decorrer da história transmite muita emoção e envolvimento, e com certeza Kiera Cass nos deixou pasmos com aquele final. Ainda bem que tenho A Elite em mãos, se não iria surtar. Antes é claro, irei ler o conto “O Príncipe” e conhecer mais sobre o interior dos Um, ops...da realeza. Será mesmo que preciso dizer o quanto esse livro é mais que recomendado?!




“Com o olhar, Maxon me pedia algo que tínhamos concordado esperar. Estava feliz por ele não querer mais esperar. Inclinei levemente a cabeça em consentimento, e ele fechou o pequeno espaço entre nós me beijando com uma ternura inimaginável. Senti um sorriso em seus lábios, um sorriso que durou por muito tempo depois.” Pg.352




Classificação SEL: 5/5  


9 comentários:

  1. Oi :)

    Nossa preciso comprar esse livro urgentemente, vi A Elite ontem e fiquei doido na sinopse isso porque é o 2 kkkkkkk, beijos :D

    http://euvivolendo.blogspot.com.br/ ( comenta lá :D )

    ResponderExcluir
  2. Confesso que antes eu acha que esse livro não era bom, mais muito se falou e quando saio o outro livro eu pude conhecer mais sobre a história e fiquei com bastante vontade de ler.
    Beijos...

    ResponderExcluir
  3. Eu li esse livro em e-book e me apaixonei. Adorei! Virou um dos meus livros favoritos e estou louca para ler A Elite. A personagem principal me deu nos nervos em algumas partes, mas o Príncipe Maxon compensou toda a parte chata da America <3
    Ah, tô seguindo o blog (não sei se já falei isso, mas ok).

    Um beijo, Karine Braschi.
    Geek de Batom.

    ResponderExcluir
  4. Um livro que me surpreendeu e me fez desejar ler a continuação. Minha torcida é do príncipe.

    ResponderExcluir
  5. Quero muito começar a ler essa série. Só comentários positivos.

    ResponderExcluir
  6. Ja li e amei quero esse livro !!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  7. Principes? Princesas? Coroas? É COMIGO MESMO! Hahahaha!
    Não tem nada que não tenha esse tema em si que não me deixe com borboletas no estômago! O problema é consegui-lo por aqui :/
    Só vejo criticas positivas a respeito, isso é awesome!
    Amei a resenha,
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  8. Fiquei ainda com mais vontade de ler! Muito bem ! Parabéns ;)
    the-banal-girl.blogspot.pt

    ResponderExcluir

Muito obrigada por visitar o blog. Espero que tenha gostado e volte sempre! Fê ♥

© Fernanda Prates - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
imagem-logo