11 de setembro de 2013

Resenha: Fale! @halseanderson @EdValentina


Informações do livro:                               
Título: Fale!
Título original: Speak
Autor: Laurie Halse Anderson
Editora: Valentina
Páginas: 240




Sinopse: “Fale sobre você... Queremos saber o que tem a dizer.” Desde o primeiro momento, quando começou a estudar no colégio Merryweather, Melinda sabia que isso não passava de uma mentira deslavada, uma típica farsa encenada para os calouros. Os poucos amigos que tinha, ela perdeu ou vai perder, acabou isolada e jogada para escanteio. O que não é de admirar, afinal, a garota ligou para a polícia, destruiu a tradicional festinha que os veteranos promovem para comemorar a chegada das férias e, de quebra, mandou vários colegas para a cadeia. E agora ninguém mais quer saber dela, nem ao menos lhe dirigem a palavra - insultos e deboches, sim - ou lhe dedicam alguns minutos de atenção, com duvidosas exceções. Com o passar dos dias, Melinda vai murchando como uma planta sem água e emudece. Está tão só e tão fragilizada que não tem mais forças para reagir. Finalmente encontra abrigo nas aulas de arte, e será por meio de seu projeto artístico que tentará retomar a vida e enfrentar seus demônios: o que, de fato, ocorreu naquela maldita festa?




Resenha: “Fale”, escrito por Laurie Halse Anderson e publicado pela Editora Valentina, é um livro desafiador. Envolve o leitor não apenas por apresentar mensagens intensas – e ao mesmo tempo discretas – e reflexivas, mas justamente por fazer referencias a um ambiente crítico, honesto, profundo e dramático. Faz com que o leitor se habitue à narrativa ágil e leva a pensar que qualquer pessoa pode já ter passado algo parecido com o que a protagonista vivencia.


“É mais fácil não dizer nada. Fechar a matraca, passar o zíper, calar o bico. Toda aquela babaquice que você escuta na TV sobre se comunicar e expressar o que sente não passa de uma mentira. Ninguém quer realmente ouvir o que você tem a dizer.” Pg.22


Melinda Sordino é uma personagem muito autêntica, engraçada e introspectiva, porém passa uma sensação de que pensa demais e deixa de agir quando necessário. Suas opiniões expressadas a respeito da escola e de outros assuntos são bem dinâmicos e principalmente compreensíveis. 

O maior problema da garota é que, independente do que tenha acontecido, ela precisa achar um jeito de se expressar – nem que seja através de uma linguagem artística – para assim ter uma libertação gratificante. Por que a realidade cruel é que se não conseguir falar ou se expressar de alguma maneira, irão surgir muitas consequências negativas. 

Diante de segredos obscuros e impactantes, e ainda sob um texto melancólico, o livro também aborda sobre como é importante desenvolver uma relação saudável e harmoniosa com a família (e esse tema é focado especialmente nas negligências emocionais), bem como o dinamismo social dentro de uma escola e principalmente por ligar questões envolvendo adolescentes. Nesses aspectos, é preciso considerar que a capa desta edição com o detalhe da árvore possui um enorme significado – de proteção e acolhimento – ao qual só quem ler poderá entender com maior clareza.


“Eu tinha feito um megaesforço para me esquecer de cada segundo daquela malditafesta, e cá estou eu, no meio de uma galera hostil, que me odeia por causa do que tive que fazer. Não posso contar para eles o que realmente aconteceu.” Pg.42


Na comovente e realista trama, é perceptível o modo como Melinda foi amadurecendo a sua maneira e também por causa das tragédias do passado que tanto a atormentavam. O Personagem David Petrakis entra em cena para confundir os pensamentos – e ajudar – a vida de Melinda. Tem uma animação contagiante e se torna muito relevante no enredo. Outras pessoas (personagens secundários) são citadas e cada uma vem cercada por problemáticas fortes e extremamente pessoais.


“Como é que ele sabe que tudo isso pode virar arte?” Pg.80


“Fale!” Foi publicado originalmente em 1999 nos Estados Unidos, e para quem não sabe, o livro foi adaptado e virou um filme intitulado como “O Silêncio de Melinda” em 2004, com Kristen Stewart como protagonista. 

No inicio somos contemplados com um texto que foi elaborado para abrir a edição comemorativa dos dez anos de lançamento da obra. Nas últimas páginas, há extras com palavras da autora, entrevista, comentários, guia de discussão e uma nota bem completa sobre os abusos no Brasil, juntamente com outras informações complementares.



"Eu sobrevivi. Estou aqui. Abalada e confusa, mas estou aqui. Então, como posso encontrar o meu caminho? Será que existe uma motosserra de alma, um machado que eu possa levar até as minhas lembranças e medos?" Pg. 213-214


Em geral, posso garantir que esta é uma leitura arguciosa e instigante. Sem falar que consegue emocionar somente pelas descrições bem trabalhadas da autora. O desfecho é o esperado e mesmo assim impressiona por fazer um conjunto vitorioso de ações impressionantes.


Classificação SEL: 5/5


22 comentários:

  1. Nossa ! Fiquei com muita votande de ler esse livro"
    Resenha super instigante!
    Beijinhos
    Rizia - Livroterapias

    ResponderExcluir
  2. Li um livro da autora, Garotas de Vidro, e não gostei tanto. Vou dar uma chance a esse, espero gostar!
    http://leituramagnifica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Eu quero muito ler este livro para depois poder assistir o filme. Dizem que foi a melhor atuação da Kristen né então estou curiosa.

    Bjus.

    http://livrosleituraseafins.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Uauu!
    Nem sabia que tinha um filme desse livro.
    Engraçado saber que um livro escrito a mais de 10 anos continua com uma temática tão atual. Não sei exatamente do que o livro trata, mas posso ter uma ideia e.... estou bem ansiosa para poder ler.
    Confesso que apesar de ter achardo a capa nacional uma gracinha, prefiro a original.
    Gostei bastante da sua resenha.

    Beijos,
    Amanda :)

    ResponderExcluir
  5. Eu sinceramente tenho medo desse livro pois tenho certeza que vou me acabar de tanto chorar com ele, já que aparente ter mensagens bem tocantes na sua história. Acho que a Valentina fez muito bem trazendo esse baita livro pro mercado editorial brasileiro. <3

    ResponderExcluir
  6. Esse me parece ser um livro incrível,além de ser de uma autora maravilhosa a Laurie também escreveu um outro livro que quero muito.
    Fale aborda um assunto difícil que muitos adolescentes passam e que tenho muita curiosidade de saber um pouco mais.
    Adoraria ter esse livro.
    Bjs'

    ResponderExcluir
  7. Mega curiosa para ler esse livro, só escuto elogios da escrita dela.
    Acabei de comprar Garotas de vidro e quero muito acompanhar o trabalho dessa autora.
    Parabéns pela leitura e resenha!!!
    Bjos
    Leituras, vida e paixões!!!

    ResponderExcluir
  8. A Laurie Anderson não tem medo de escrever sobre temas fortes e difíceis, esse livvro parece ser incrível. Achei interessante que essa edição tenha informações extras sobre o tema do livro e sobre o filme. A capa da edição americana é mais interessante do que a brasileira.

    ResponderExcluir
  9. Li a resenha e fiquei encantada com a história Melinda. A autora está de parabéns, pelo que notei o livro é lindo e bem empolgante. Beijos.

    ResponderExcluir
  10. Não sabia que esse livro virou filme, parece muito bom, fiquei super interessa em ler!

    ResponderExcluir
  11. Jesusss... minha história não é muito diferente da estória da Melinda... a resenha está maravilhosa... quero muito esse livro!!

    ResponderExcluir
  12. Eu necessito demais desse livro. Já tive o prazer de ver o filme e estou com ainda mais vontade de conferir a história.
    Bjss

    ResponderExcluir
  13. Olá!
    Esse livro chamou minha atenção logo de cara por ser da mesma autora de Garotas de Vidro, livro que adorei e que mexeu muito comigo, por se tratar de um tema forte.
    Em Fale, acredito que terei a mesma sensação. Achei super importante a autora adotar o bulling como tema da história. Por aí devem existir muitas garotas como Melinda, que passam por esse tipo de constrangimento e que merecem maior atenção!
    Nem sabia que tinha filme dele, com certeza vou assistir!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  14. É o tipo de livro que gosto, que vai me emocionar e me fazer chorar. Sei que há superação dessa dor imensa. Imagino quantas meninas ficam caladas e com marcas profundas desses abusos, físicos e emocionais. Espero que Melinda me surpreenda e que a história me deixe leve no final.

    ResponderExcluir
  15. Leitura forte e emocionante, sem dúvidas. Adoro histórias bem reais assim. Uma pena que a situação seja muito mais comum do que desejamos. Essas dores emocionais, maiores ainda que o sofrimento físico que possa ser causado, não desaparecem. Apenas pode-se aprender a conviver com elas e tirar alguma lição, com ajuda psicológica.
    Acho que vou sofrer muito com a leitura, costumo me envolver com personagens assim, especialmente meninas ainda... Quero muito esse livro e ver como Melinda superará essa dor.

    ResponderExcluir
  16. Tenho lido muitas resenhas positivas em relação a esse livro. Confesso que não é muito o tipo de livro que gosto de ler, mas a história me parece ser tão forte e instigante, que acabei me convencendo de que preciso ler esse livro. Outra coisa legal, é que ele foi usado nas escolas norte-americanas como proposta de leitura para os alunos e professores. Deve ser muito bom mesmo.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  17. Oi
    Adorei a sua resenha!! Eu vi o filme "O Silêncio de Melinda" e não sabia que era esse livro, caramba, fiquei até arrepiada! Eu gostei muito do filme e quero muuuito ler esse livro!
    A história é forte e emocionante
    Beijinhos
    Renata
    Escuta Essa

    ResponderExcluir
  18. A primeira coisa que fez eu me interessar por esse livro foi a capa, mas depois ui ler a sinopse e confesso que não me prendeu muito, achei que fosse uma história bobinha, mas depois dessa resenha vi que estava errado, que a história tem mais coisas que problemas adolescentes bobinhos, agora estou louco para ler esse livro, espero que possa ser uma de minhas próximas leituras.

    ResponderExcluir
  19. Fale! aborda um tema indigesto, emocionante e atual. Laurie Halse Anderson é conhecida por escrever histórias sobre adolescentes, mas chamando a atenção para YA.
    Com certeza os jovens podem ser cruéis quando eles se deparam com as diversidades das pessoas. Fico pensando o quanto Melinda mudou e os pais não perceberam? A negligência deles me incomodou um tanto!
    Parece que a autora conseguiu transmitir com maestria tudo que a protagonista sentia, seus medos, dúvidas, desânimos, frustrações, pensamentos sarcásticos e ácidos.
    Acredito que é um livro que irá perturbar muito de nós!
    Ótima resenha flor.
    Bju

    ResponderExcluir
  20. Um livro forte e verdadeiro e achei super legal estar sendo aproveitado nas escolas lá fora, gosto muito da escrita dessa autora sempre com temas fortes, amei o livro Garotas de vidro.Não sabia do filme e vou procurar depois de ler o livro, com certeza uma das minhas próximas leituras a capa é linda e gostei das que mostrou aqui também.
    A Valentina está de parabéns estou amando seus livros.

    ResponderExcluir
  21. A Valentina está arrasando nos livros que tem lançado. Acabei de ler Passarinha e me apaixonei, tanto que fiquei interessada em mais livros da editora. Fale! parece ser um daqueles livros que prende o leitor do início ao fim. Nem sabia que tinha filme! Vou ter que procurar \o/

    ResponderExcluir

Muito obrigada por visitar o blog. Espero que tenha gostado e volte sempre! Fê ♥

© Fernanda Prates - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
imagem-logo