27 de outubro de 2013

Resenha: Até eu te encontrar @gracielamayrink @Novo_Conceito

Informações do livro:
Título: Até eu te encontrar
Autor: Graciela Mayrink
Editora: Novo Conceito
Páginas: 384

Sinopse: O quanto uma mudança de cidade pode afetar uma vida? Você acredita em alma gêmea? Como você se sentiria se não gostasse do grande amor da sua vida? É o que Flávia vai descobrir ao deixar Lavras, onde mora com os tios desde o acidente que matou seus pais, quando era criança. Aos dezoito anos, ela decide estudar Agronomia na Universidade Federal de Viçosa, trocando o sul de Minas pela Zona da Mata do mesmo Estado na esperança de uma "mudança de ares". Em sua nova vida, ela conhece Sônia, amiga de infância de sua mãe e agora sua vizinha, que lhe conta a história de sua família materna, até então desconhecida para Flávia. Embora o passado não seja sua maior preocupação, Flávia reluta em aceitar seu destino e ainda precisa superar uma paixão não correspondida pelo seu melhor amigo. Para se ver livre dessa rejeição, ela tenta atrair sua alma gêmea para Viçosa e descobre que o grande amor de sua vida é uma pessoa que ela não suporta.



Resenha: Até eu te encontrar”, é o romance de estréia da autora Graciela Mayrink e apresenta vários personagens carismáticos diante de uma trama reconfortante e acolhedora. Garante uma leitura leve, ao mesmo tempo em que se interliga a certos assuntos dramáticos e conflituosos. Este livro possui uma abrangência explicita de personalidades ricas em culturas diversificadas, fato que ajuda com que o leitor se acostume com o ambiente e se envolva nas cenas descritas.

Flávia é uma pessoa muito simpática e faz amigos com rapidez. Ela viera de Lavras, do sul de Minas Gerais e assim que começou a frequentar a Universidade Federal de Viçosa conheceu diversas pessoas, descobriu fatos relevantes sobre sua família e si mesma, e o mais importante: criou laços de amor e amizades que durariam durante uma vida inteira. O leitor não tem o que reclamar desta protagonista, visto que ela mantém um estilo mais realístico, com instintos verdadeiros e empolgantes.

Um dos destaques é que, apesar de haver uma protagonista e o enredo ser trabalhado sob sua rotina, os personagens secundários são muito bem explorados e adaptados para terem uma ou muitas partes relevantes. A inclusão disso gerou uma grande expectativa para saber qual seria o momento em que Luigi apareceria. Porque por mais que Flávia tivesse se envolvido primeiro com Felipe, era fato que essa relação não teria continuação.

A premissa conquista pela maneira ao qual há a abordagem sobre almas-gêmeas. Você acredita nisso? Sempre vai haver muitas especulações a respeito deste assunto, porém no livro em especifico, tudo leva a crer que sim e de certo modo direciona o leitor a refletir sobre as possibilidades, talvez até pode se imaginar a procura do seu par ideal ou se já o encontrou.

Juntamente com Flávia, Luigi e Felipe, é imprescindível destacar o companheirismo de Mauro, Gustavo e Lauren, a sabedoria de Sônia, a tragédia envolvendo Ricardo e até as loucuras de Carmem e Carla. Apesar de que o perfil psicológico destas duas poderia ter sido mais analisado.

Esse conjunto de personalidades faz com que a narração fique mais completa e emocionante. E em diversos momentos, desperte ao leitor, sensações de confusão, alegria, raiva e ansiedade.

Em paralelo, o contexto referente ao misticismo foi muito bem introduzido e só acrescentou mais emoção à narrativa. Até eu te encontrar é o livro ideal para quem busca por algo mais despretensioso, apesar de que aos poucos a obra surpreende a ponto de não querer que a história tenha fim.



“Como te falei, certas pessoas são colocadas em nossa vida, nosso caminho, por algum motivo especial. Talvez eu tenha sido colocada em seu caminho para você saber a verdade sobre sua mãe. Talvez porque era para nós nos conhecermos já, caso não tivesse tido o acidente com seus pais.” Pg.108-109



Classificação SEL: 4/5


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muito obrigada por visitar o blog. Espero que tenha gostado e volte sempre! Fê ♥

© Fernanda Prates - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
imagem-logo