2 de outubro de 2013

Resenha: A desconstrução de Mara Dyer - @MichelleHodkin @galerarecord

Informações do livro:
Título: A desconstrução de Mara Dyer
Mara Dyer - Livro 01
Título Original: The Unbecoming of Mara Dyer 
(Mara Dyer #1)
Autor: Michelle Hodkin
Editora: Galera Record
Páginas: 378
SKOOB | GOODREADS  







Sinopse: Um grupo de amigos... Uma tábua ouija... Um presságio de morte. Mara Dyer não estava interessada em mensagens do além. Mas para não estragar a diversão da melhor amiga justo em seu aniversário ela decide embarcar na brincadeira. Apenas para receber um recado de sangue. Parecia uma simples piada de mau gosto... até que todos os presentes com exceção de Mara morrem no desabamento de um velho sanatório abandonado. O que o grupo estaria fazendo em um prédio condenado? A resposta parece estar perdida na mente pertubada de Mara. Mas depois de sobreviver à traumática experiência é natural que a menina se proteja com uma amnésia seletiva. Afinal, ela perdeu a melhor amiga, o namorado e a irmã do rapaz. Para ajudá-la a superar o trauma a família decide mudar para uma nova cidade, um novo começo. Todos estão empenhados em esquecer. E Mara só quer lembrar. Ainda mais com as alucinações - ou seriam premonições? - Os corpois e o véu entre realidade, pesadelo e sanidade se esgarçando dia a dia. Ela precisa entender o que houve para ter uma chance de impedir a loucura de tomá-la....
                    

                                                                       
Resenha: A desconstrução de Mara Dyer” de Michelle Hodkin é um livro sensacional com uma trama muito bem elaborada e complexa. Consegue direcionar os fatos de uma maneira tão centrada que faz com que o leitor sinta as aflições e todas as outras emoções dos personagens.

A narração é feita pela protagonista Mara Dyer e alguns capítulos se dividem entre o antes e o depois da história. O enredo acompanha a festa de aniversário de Rachel, amiga de Mara. Ela, Rachel e Claire estavam com um tabuleiro de Ouija em mãos e esse começo já demonstra haver algum mistério a ser revelado, como se fosse um chamado ou um alerta.

Depois desse fato, não há mais nenhum resquício de continuação. Rachel, Claire e Jude, namorado de Mara estão mortos por causa de um desabamento ocorrido num antigo sanatório. Mara foi a única sobrevivente e não lembra de absolutamente nada. Sua vida parece girar em torno de alucinações, remédios, tratamentos, farsas e muito medo.

Depois de algumas semanas, as mudanças foram inevitáveis. Não havia mais condições de estar na mesma escola e cidade. Agora, em Miami – Flórida, Mara, juntamente com seus pais e irmãos estão se adaptando na medida do possível.

Mara é uma pessoa atormentada – e realmente não é nem um pouco normal – e os seus motivos são totalmente argumentados, ainda assim mantém uma personalidade corajosa e com atitudes destemidas. Ela está fazendo o que pode para lembrar o que aconteceu, mesmo que a mãe só deseje que ela deixe tudo para trás. 

O problema é que parece ter algo a direcionando para um caminho sombrio e repleto de dúvidas inexpressivas. Sendo aluna nova em uma escola tradicional e chegando no meio do ano, Mara tenta viver um dia de cada vez, apesar de toda a dificuldade.

Ela, enfim conhece Noah Shaw e ele é um personagem que se destaca muito por sua arrogância ingênua. É perfeito em suas discrições e revela ser uma pessoa carismática e muito intensa. O relacionamento dos dois foi meio conturbado de início, porém aos poucos, Mara começa a ter mais confiança nele e essa relação é muito comovente, forte e inspiradora (perfeita também).

Todos os personagens merecem destaque, incluindo os secundários. Cada um acrescenta uma relevância na trama, assim como redireciona para cenas intrigantes. O desfecho foi realmente inesperado e muito chocante. E a trama fica aberta para uma continuação insinuante e ansiosa para todos os leitores. Não tem como não se envolver, não tem como não gostar desta leitura. Favorito com certeza!


“Não há nada que eu queira. Não há nada que eu não possa fazer. Não me importo com nada. De qualquer modo, sou um impostor. Um ator na minha própria vida.” Pg.167.



Classificação SEL: 5/5


8 comentários:

  1. Primeira resenha que leio e já me apaixonei!
    Claro que vou ler! Não tinha noção do quanto era bom!

    Beijinhos
    Rizia - Livroterapias

    ResponderExcluir
  2. Eu só tenho lido resenhas maravilhosas deste livro, mas eu ainda não o tenho. Preciso urgentemente rs.

    Bjus.

    http://livrosleituraseafins.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oie :)

    Nossa preciso ler urgentemente esse livro, essa capa é linda !!

    http://euvivolendo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi. Indiquei você para responder uma Tag lá no meu blog
    http://vidasempretoebranco.blogspot.com.br/2013/10/respondendo-tag-jornal-literal.html
    Espero que se divirta assim como eu
    Abraço

    ResponderExcluir
  5. O livro é muito bom, li muito rápido e estou louca pela continuação!

    Bjs,

    ResponderExcluir
  6. O livro é muito bom, li muito rápido e estou louca pela continuação!

    Bjs,

    ResponderExcluir
  7. Fê confesso que não fazia ideia do assunto desse livro, devido a capa ser feia e não me chamar atenção não procurei saber mais sobre ele, mas lendo sua resenha percebi que esse livro deve ser um drama bem construído. Além disso fico feliz em saber que apesar dos momentos difíceis vividos pela protagonista ela seja corajosa e destemida.
    Bjos e parabéns pela leitura e resenha.

    Leituras, vida e paixões!!!!

    ResponderExcluir
  8. Amei a resenha, quero muito esse livro desde já, nossa você me deixou muito curiosa sobre esse desfecho e para o livro ter sido favoritado por você ele deve ser muito bom mesmo.

    ResponderExcluir

Muito obrigada por visitar o blog. Espero que tenha gostado e volte sempre! Fê ♥

© Fernanda Prates - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
imagem-logo