1 de outubro de 2013

Resenha: Manuscritos do mar morto - Adam Blake @Novo_Conceito

Informações do livro:
Título: Manuscritos do mar morto
Título Original: The dead sea deception
Autor: Adam Blake
Editora: Novo Conceito
Páginas: 480



Sinopse: A ambiciosa policial Heather Kennedy está em seu trabalho mais difícil: seus métodos de investigação são criticados e ela está sendo assediada por colegas rancorosos porque não lhes dá atenção. Até que lhe é atribuída o que parece ser uma investigação de rotina, sobre a morte acidental de um professor da Faculdade Prince Regent, mas a autópsia deste caso volta com algumas descobertas incomuns: o inquérito vincula a morte deste professor às de outros historiadores que trabalharam juntos em um obscuro projeto sobre um manuscrito do início da Era Cristã. Em seu escritório, Kennedy segue com sua investigação e logo se preocupa com o rumo para onde está sendo levada. Mas ela não está sozinha em sua apreensão. O ex-mercenário Leo Tillman — seu futuro parceiro — também tem angustiantes informações sobre estes crimes. E sobre a misteriosa organização mundial a que os crimes se relacionam… Escondido entre os pergaminhos do Mar Morto, um códice mortal pretende desvendar os segredos que envolvem a morte de Jesus Cristo. Entre um terrível acidente de avião no deserto americano, um brutal assassinato na Universidade de Londres e uma cidade-fantasma no México, Manuscritos do Mar Morto é o mais emocionante thriller desde O código Da Vinci.



Resenha: Manuscritos do mar morto” de Adam Blake – pseudônimo de um aclamado autor inglês – é um thriller empolgante e desenvolve uma trama instigante desde o começo. É impossível não citar o quanto este livro é misterioso e é justamente isso, que a principio, o descreve. Em todas as cenas é possível observar várias descrições fortes e faz com que o leitor se interesse a continuar a leitura, fique com duvidas e uma sensação angustiante de casos não resolvidos.

Este é aquele tipo de enredo que é determinante prestar muita atenção para não deixar passar nenhuma informação durante o processo da leitura. Mesmo porque cada fato pode ser crucial para o desenvolvimento da trama. É incrível também como tudo gira de acordo com um ideal e aos poucos vão se interligando de maneira surpreendente.

Outras descrições fazem jus a história: ela é ousada e remete à muita ação desde o inicio. Para quem gosta deste gênero sabe que daria um ótimo filme e despertaria muita atenção. Em relação aos personagens, eles se apresentam de forma impessoal, porém aos poucos conseguem apresentar sua história de vida, mais sobre sua personalidade, seus anseios e medos mais profundos.



“Três historiadores mortos na mesma conferência. Nas palavras de Oscar Wilde, isso parecia estar consideravelmente acima da média apropriada que as estatísticas estabeleceram para nos guiar. Ainda poderia não significar nada, provavelmente não era nada. Mesmo agora, uma coincidência ultrajante parecia ser mais possível do que um assassino implacavelmente eficiente, perseguindo e abatendo pessoas que tinham opiniões fortes sobre o tal Códice do Rum e seitas cristãs já extintas.” Pg.81



Leo Tillman era definido por um ser incompreensível, solitário e levaria a tristeza consigo por toda a sua vida, diante de perdas tão significantes e confusas. Ele já sentira a felicidade uma vez em sua vida, mas agora vivia arredio e inquieto. Sua história é emocionante e digna de inúmeras suspeitas.

Já Heather Kennedy era uma pessoa fria, petulante, impertinente e impassível, porém sua maior qualidade é, sem duvida, a coragem para enfrentar situações difíceis. Ela se vê vitima de piadas de seus colegas de trabalho e isso não é nem o começo do que ela precisa tolerar.

Tudo começou com um acidente aéreo e depois um caso de assassinato sendo investigado. A partir disso, novos fatos foram aparecendo como se tudo fizesse algum sentido, mas a narração por si só, já deixava bem claro que havia muito mais por trás de cada ato, sendo que novas dúvidas iam surgindo a cada página virada.

O livro se divide em 71 capítulos e Tillman e Kennedy são os principais personagens a serem explorados, porém existem muitos outros que entram em cena e possuem, portanto, grande relevância. O desfecho mostrou algumas respostas e foi bem convincente, porém deixou um espaço aberto para a continuação.



Classificação SEL: 4/5


2 comentários:

  1. eu tô doida pra ler o meu xD
    mas preciso terminar uma leitura antes de começar com ele.
    bjs
    http://torporniilista.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Não acredito um livro tão grande como esse e ainda terá continuação???? Brincadeira.
    Parece um livro interessante com um pouco de suspense e ação. Valeu pela dica.

    Leituras, vida e paixões!!!!

    ResponderExcluir

Muito obrigada por visitar o blog. Espero que tenha gostado e volte sempre! Fê ♥

© Fernanda Prates - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
imagem-logo