10 de outubro de 2013

Resenha: Os adoráveis - Sarra Manning @Novo_Conceito

Informações do livro:
Título: Os adoráveis
Título Original: Adorkable
Autor: Sarra Manning
Editora: Novo Conceito
Páginas: 384




Sinopse: Jeane é blogueira. Seu blog, o Adorkable, é um blog de estilo de vida — na verdade, o estilo de vida dela — e já ganhou até prêmios na categoria “Melhor Blog sobre Estilo de Vida” pelo e Guardian e um Bloggie Award. Adora balas Haribo, moda (a que ela cria, comprando em brechós) e colorir (ou descolorir totalmente) os cabelos. Cheia de personalidade e meio volúvel, ainda assim Jeane é bacana — mesmo nos momentos em que se transforma numa insuportável. Mas, certamente, ela não olharia duas vezes para Michael. Porque Michael é o oposto de Jeane. Ele é o tipo de cara que namoraria a garota mais bonita da escola. E compra suas roupas na Hollister, na Jack Wills e na Abercrombie. Além disso, diferente de Jeane, que é autossuficiente, Michael é completamente dependente do pai, o Clínico Geral que condena açúcar, e ainda permite que sua mãe compre suas roupas! (Embora, para Jeane, o pior mesmo sobre Michael é que ele baixa música da internet e nunca paga por isso). Jeane e Michael têm pouco em comum, além de algumas aulas e uma maçante dupla de “ex” — Scarlett e Barney. Mas, apesar disso, eles não conseguem se desgrudar desde que ¬ ficaram pela primeira vez.




Resenha: Os adoráveis” de Sarra Manning, é um livro que surpreende em vários aspectos e faz com que o leitor sinta um misto de sentimentos envolvendo raiva, incompreensão e compaixão. Em vários sentidos, pode-se dizer que é uma leitura bem dinâmica e divertida pela maneira como autora expôs a narrativa acrescentando toda a tecnologia existente – redes sociais: blog, facebook, twitter e afins – nos dias atuais. Foi justamente este fator que contribuiu para que a história ficasse mais verossímil e contribuísse, portanto, para o envolvimento.

Esta é uma leitura bem agradável e percorre um caminho que requer certos entendimentos. Os personagens mantém os seus próprios conflitos e traços típicos aguçados. É preciso tentar compreender cada um deles de um modo bem individualista para então, analisar o conjunto em si. A narrativa se intercala entre os pensamentos de Jeane e Michael.

Jeane Smith tem dezessete anos, e com seus cabelos e roupas nem um pouco convencionais, mostrou pelo menos de inicio, ser uma pessoa um tanto quando incompreendida. E é possível dizer que toda a sua antipatia e arrogância não convencem muito. Ela é vista como uma pessoa intimidadora, cruel, irritante, intragável e sem nenhuma noção de bom senso. Tem um blog que se chama Adorkable onde ela fala sobre coisas que gosta e no geral, sobre estilo de vida.

Este espaço já lhe rendeu muito conhecimento, bem como já ganhou vários destaques importantes na mídia jornalística. Jeane tem um temperamento incomum, mas também é muito independente, se rotula como feminista, e até já mora sozinha (sendo assim, na vida real é uma pessoa solitária e fragilizada, mesmo que no meio virtual apresente outro ponto de vista). Esta é uma daquelas protagonistas que poderiam render muitos debates por causa de suas decisões e opiniões conflituosas.



Michael Lee não passa muita segurança, assim como não se destaca por ser uma pessoa diferente ou querida. Ele tem um estilo próprio, porém ainda assim é bem casual. E parece ter medo de suas próprias ações. Sua namorada – agora, ex. – se chama Scarlett Thomas. O caso é que ele ainda teria uma namorada se esta não estivesse gostando do namorado de Jeane, Barney. E por causa deste episodio que os dois (Michael e Jeane) vão ser ver com mais frequência. Ele parece estar com o ego ferido, irritado com a situação em que se encontra. Mas se está assim, é apenas por causa das intervenções de Jeanne, com sua hostilidade e sarcasmo.

Depois que Michael – sem querer – derrubou Jeane de sua bicicleta, as coisas ficaram cada vez mais estranhas. Isso porque os dois ficaram abalados por ter ocorrido tantas coisas inusitadas em pouco tempo. Quando se encontram, só existe brigas e mais insultos... Até que os dois se beijam. E depois disso vieram muitos outros beijos e foi difícil pensar como eles ainda não haviam ficado juntos. Não havia muita conversa, só sabiam que não tinha como parar, assim como não tinha muita explicação para isso. Claro que logo começam a se acostumar com a idéia de estarem tão perto um do outro. É também depois disso tudo que o enredo começa a ficar muito mais empolgante e delicioso. É também quando o leitor começa a ficar mais ansioso para decifrar essa relação complicada e ao mesmo tempo tão simples. Tem como compreender?


“Num momento nós estávamos na rua, a bicicleta entre nós, e no momento seguinte, nós estávamos nos beijando. As pessoas sempre dizem: ‘E então, tipo, a próxima coisa de que me lembro foi que estávamos nos beijando’, e que nunca planejaram aquilo. É que precisava haver algo antes do beijo. Mas dessa vez, realmente, não havia.
Era eu, eu, Michael Lee, beijando Jeane Smith.” Pg.110


Este livro levanta uma questão muito importante e que pode servir de lição: as vezes a vida não acontece como o planejado e no fim a gente só tem que agradecer por isso mesmo. Outro lado explorado é sobre o ambiente em que os jovens vivem atualmente, com tanta integração e relacionamentos instáveis. Por meio de tantas perdas e discussões, Jeane e Michael aprenderam muitas coisas e revelaram ser os parceiros ideais, diante de uma história de amor emocionante.


Classificação SEL: 4/5


16 comentários:

  1. Fê adorei sua resenha e posso dizer que se tivesse a oportunidade leria sim esse livro, no momento não é uma prioridade devido minhas metas atuais, mas quem sabe no futuro né???? Bjinhos e parabéns pela leitura e tão boa resenha.

    Leituras, vida e paixões!!!

    ResponderExcluir
  2. Acabei de ler uma resenha um pouco negativa do livro e agora estou em dúvida. Gosto de personagens diferentes e esquisitas, e por isso me interessei pelo livro. Mas não sei se ia gostar da história, acho que vou ter que ler mais resenhas pra saber se leio ou não ^^

    ResponderExcluir
  3. Oie
    Amei a resenha ♥
    A estória desde o primeiro momento me chamou super atenção e agora com sua resenha não tenho mais dúvidas, preciso ler!!

    Beijocas
    http://cupcakedeletras.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Nossa, os protagonistas são bem diferentes, é como água e vinho né? Mas adorei quando voce diz que é preciso tentar entender cada um, pra depois entender o conjunto, pois só assim, podemos dizer com clareza se gostamos ou não dessa leitura. É bom saber que a autora usou e abusou das redes sociais nesse livro, afinal, a internet é uma coisa tão atual que não poderia ficar de fora desse livro. Mesmo vendo algumas resenhas negativas, li outras extremamente positivas assim como a sua e nos mostra que a historia nos dá uma grande lição! Adorei, adorei, adorei e preciso desse livro! :)

    ResponderExcluir
  5. De cara já gostei da personagem. Jeane é uma menina excêntrica, com caráter e personalidade bem fortes e bem definidos. é mandona e muito sarcástica. Daí cai de amores por alguém muito oposto a ela? Tudo de bom gente! Michael é ambicioso, popular, e p/a a família teve ser “perfeitinho” e exemplar. O amor entre eles parece ser incrivelmente bonito e sexy.
    Acredito que a leitura é adorável, fofa e com personagens maravilhosos.
    QUERO MUITO LER!
    Bjus

    ResponderExcluir
  6. A maioria das resenhas que li sobre esse livro as pessoas tinham gostado muito.
    Quero muito ler e também achei a capa super fofa.
    Muito bom!!!

    ResponderExcluir
  7. A história é bonitinha, envolvente, tem o seu charme e tudo mais. Mais ainda não me convenceu. Não sei se é por causa da personagem, mas não mexeu comigo. Quem sabe mais pra frente eu o leia. Beijos.

    ResponderExcluir
  8. Pela resenha o livro parece bastante interessante, fiquei doida pra ler!

    ResponderExcluir
  9. Gosto de livros com essa pagada mais realista e atual. O uso de mídias sociais só veio para dar um toque especial a obra. Gosto também quando as tramas deixam reflexões interessantes em relação aos rumos que a vida toma. Muito curioso pra ler.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  10. Eu preciso ler esse livro pq eu me senti a Jeane Smith *-* Quero o cabelo dela agora! Já postei esse banner da Novo Conceito no meu perfil do facebook. Isso em define :)

    ResponderExcluir
  11. O enredo desse livro parece ser divertido, além de ser bem atual. Gostei bastante da personalidade da personagem principal, aparenta ser uma garota de atitude, que preza primeiramente seus valores e o que lhe agrada, antes de analisar o que os outros pensam sobre como se veste ou age. Achei interessante o fato de ressaltar que algumas pessoas conseguem se relacionar melhor através da internet do que na vida "real", seja por serem tímidas ou por sentir-se deslocada.

    http://umadosemaisforte.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. li algumas resenhas negativas sobre o livro, mas adorei a sua resenha e estou muito curiosa e ansiosa para poder ler o livro!
    acho que Sarra se mantêm como uma das mais populares escritoras do momento!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Esse livro parece ser divertido, desde o lançamento quero lê-lo.
    Ainda mais por passar tantos aspectos positivos, e mostrar um pouco o que acontece no ambiente dos adolescentes de hoje.

    ResponderExcluir
  14. A capa é tão linda >< Quero muito ler faz um tempo, não tive a oportunidade de comprar ainda. Adorei sua resenha

    ResponderExcluir
  15. Fernanda, se não fosse a sua resenha, eu não estaria interessada no livro... Você escreve muito bem, sucesso!!

    Bjs

    ResponderExcluir
  16. Sua resenha é MARAVILHOSA, quase me convenceu a reler esse livro que tanto odiei hahaha. Li há um tempão e não consegui digerir os personagens. Eu tinha expectativas de que a protagonista fosse muito interessante, mas por algum motivo tudo nela soava um QUERER ser interessante. Achei bem forçado, sabe?! E essa era a única coisa que esperava do livro, já que de resto, o romance, sabia que seria meio clichê, cara popular, essas coisas. Acabou não fluindo comigo :/ Mas sua resenha está maravilhosa!! Abordou ponto que eu não vi.


    Conhece nosso blog? Retribuímos visitas e comentários de nossos amigos blogueiros: ourbravenewblog.weebly.com :)

    ResponderExcluir

Muito obrigada por visitar o blog. Espero que tenha gostado e volte sempre! Fê ♥

© Fernanda Prates - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
imagem-logo