15 de novembro de 2013

Resenha: Metamorfose? - Gail Carriger, Editora Valentina

Informações do livro:
Título: Metamorfose?
O Protetorado da Sombrinha #2
Título Original: Changeless 
(Parasol Protectorate #2)
Autor: Gail Carriger
Editora: Valentina
Páginas: 320
SKOOB I GOODREADS  




Sinopse: Nesta deliciosa e maldita sequência dea série iniciada com ALMA?, Alexia Tarabotti se encontra envolvida, só pra variar, em um mistério sobrenatural. Alexia Maccon, a esposa do Conde de Woolsey, é arrancada do sono cedo demais, no meio da tarde, porque o marido, que deveria estar dormindo como qualquer lobisomem normal, está aos berros. Dali a pouco, ele desaperece – deixando a cargo dela um regimento de soldados sobrenaturais acampados no jardim, vários fantasmas exorcizados e uma Rainha Vitória indignada. Mas Lady Maccon conta com sua fiel sombrinha, seus artigos da última moda e seu arsenal de respostas mordazes. Mesmo quando suas investigações a levam à Escócia, o cafundó do Judas onde abundam abomináveis coletes, ela está preparada e acaba provocando uma verdadeira reviravolta na dinâmica da alcateia, como só uma preternatural é capaz de fazer. Talvez até encontre tempo para procurar seu imprevisível marido. Mas apenas se... lhe der vontade. A série de STEAMPUNK mais cultuada do mundo!




Leia a resenha de ALMA? (Soulless)


Pode conter spoiler do primeiro volume.


Resenha: Metamorfose?” de Gail Carriger é tão divertido e cativante quanto Alma?. Muitas informações são repassadas neste enredo, de forma rápida e ao mesmo tempo completa. O principal destaque ainda está na narração descontraída da autora e da própria personagem principal, com seu inegável humor e pensamentos obstinados.

Alexia Tarabotti continua sendo sarcástica e irreverente. Agora está casada com Lorde Conall Maccon, que é um lobisomem alfa. Lady Maccon, além de esposa do conte de Woolseu e muhjah da rainha, ainda é uma preternatural, o que significa que ela pode anular os poderes de qualquer ser sobrenatural apenas com um toque. E que consequentemente é uma poderosa arma secreta da Grã-Bretanha. Que belo conjunto né?! E é verdade, pois esta parceria não poderia ser melhor, apesar das confusões que os cercam. Será que tudo ficaria mais tranquilo depois de casados? Óbvio que não. Na verdade, a aventura está apenas começando.

A trama já inicia com um assunto inesperado e de máxima urgência, e Connall não deu muito detalhes do que estava ocorrendo a Alexia. O problema é que muitos seres sobrenaturais estão voltando a forma humana e não conseguem se transformar outra vez.

Após alguns contratempos e depois de saber que seu marido foi para a Escócia, a preternatural soube que seu marido queria que ela fosse numa chapelaria. E lá conhece a inventora, Madame Lefoux, um dos grandes destaques deste enredo, junto com o querido/vampiro Lorde Akeldama. 

Nas cenas seguintes, ela se depara – o que na verdade foi um presente do marido –com uma sombrinha com estilo bem incomum, cheias de detalhes e com várias utilidades (tem coisas inimagináveis, mesmo porque é uma super arma poderosa e com estilo).

Lady Maccon sabe que seu marido pode estar em perigo, e por esse motivo precisa ir atrás dele. Para tanto, utiliza um dirigível e parte junto com sua sombrinha nova, e é acompanhada  por amiga Ivy, que agora está noiva, sua irmã Felicity , Madame Lefoux, Angelique, sua empregada e Tunstell, o zelador.

Ao longo da viagem é possível perceber várias direções conflituosas dos personagens, o que na verdade também pode gerar mais intimidação e mostrar novas observações relevantes, diante de diálogos que contribuem para os acontecimentos. 

Metamorfose? também apresenta mais mistérios e descrições complexas e muito bem analisadas. Um detalhe de enlouquecer qualquer leitor: o final. Que desfecho é esse?Preciso do próximo livro. Apenas!

“ – Não fui eu – disse ela na mesma hora, sem nem imaginar a que o marido se referia. Claro que na maioria das vezes era ela, mas não valia a pena reconhecer de uma vez a culpa, independentemente do que o tivesse irritado tanto. Lady Maccon fechou os olhos e se enroscou ainda mais nos edredons de pena quentinhos. Será que não poderiam tratar do assunto mais tarde?” Pg.09

Classificação SEL: 4/5


Um comentário:

  1. Oiê...
    Não conheço essa série, mas pela descrição da resenha e por já ser o segundo livro aparentemente deve ser muito bom. Gostei de sua empolgação durante todo o contexto de sua resenha. Xero!!!!

    http://minhasescriturasdih.blogspot.com.br/ (passa lá :) )

    ResponderExcluir

Muito obrigada por visitar o blog. Espero que tenha gostado e volte sempre! Fê ♥

© Fernanda Prates - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
imagem-logo