19 de dezembro de 2013

Resenha: O Mago de Camelot - @marcelohipolito @NovoSeculo @novostalentosbr

Informações do livro:
Título: O Mago de Camelot
A saga de Merlin para coroar um dragão
Ficção Brasileira
Autor: Marcelo Hipólito
Editora: Novo Século
Páginas: 151



Sinopse: De uma infância pobre e sofrida à irresistível ascensão aos salões dos grandes reis; de um começo sem esperanças ao despertar de um poder inigualável e temido, Merlin vem a se tornar o homem mais influente da Idade das Trevas. Confidente supremo do rei Artur e maior conselheiro da corte de Camelot. Misterioso e enigmático. Amado e odiado. Druida, monge e mago. Na Britânia do Século V da Era Cristã – abandonada pela queda do Império Romano à barbárie dos invasores saxões –, Merlin surge para impor um novo tipo de rei a um povo abatido e desesperado, alterando, para sempre, não apenas o destino dos britânicos, mas de toda a humanidade. A saga de um homem determinado a erigir uma civilização de paz e justiça numa terra devastada pelo caos e pela guerra irrompe em uma aventura épica e brutal que equilibra realismo duro com doses amargas de magia. "O druida, então, abriu um sorriso malévolo aos soldados saxões. Hengist gritava às suas tropas para se manterem firmes, mas sua vanguarda ruía à medida que um resoluto Merlin avançava, a passos largos, na sua direção. A defesa saxônica se fragmentava perante o pavor supersticioso imposto pela figura aterrorizante do druida. Face à derrota iminente, Hengist se desesperou, girando seu machado e galopando para Merlin. O druida estancou diante do ataque rápido e brutal do rei saxão. Sem tempo para conjurar um feitiço protetor, Merlin percebeu, tardiamente, a estupidez de seu erro. Em sua soberba e imaturidade, ambicionara vencer sozinho a batalha. Agora, contudo, sua queda restauraria o ânimo dos saxões, desgraçando o contingente britânico. Merlin experimentou o fragor das narinas do cavalo e o tremor do solo sob seus cascos potentes. O machado de Hengist se projetou para lhe separar a cabeça dos ombros". Acesse.




Leia também a obra do mesmo autor:


Osíris: Deus do Egito - Marcelo Hipólito (Resenha)



Resenha:O Mago de Camelot” apresenta uma visão dinâmica, surpreendente, vasta e inovadora a respeito do mago lendário Merlin. Com cenas de ação, muitos conflitos, guerras e mais batalhas, a narração complexa segue de maneira instigante, fazendo com que o leitor perceba todas as descrições do livro com clareza e agilidade. (Eu adoro qualquer tipo de história que narre sobre Merlin!)

Ao longo da história conhecemos a trajetória do personagem desde sua infância triste até quando se vê frente a um poder intimidador. Há a citação sobre os druidas e de como são relevantes e de certa forma, temidos justamente pela imensidão de sua magia. Assim, de um jeito tortuoso, ele acaba se deparando com o druida Blaise.  

Apesar do rancor por ele ter sacrificado seu irmão Nennius em um ritual, Merlin se torna seu aprendiz e começa a treinar e estudar os diversos ensinamentos. O tal ritual envolvia os dois irmãos, porém Blaise viu inesperadamente o que o futuro de Merlin e por esse motivo o acolheu.

Claro que Merlin nunca esqueceu o que seu tutor fez e depois de muitos anos de ensinamentos acaba – como já era mesmo de se esperar – ultrapassando seus poderes e atinge uma inteligência determinante e altiva.

Mesmo com o foco em Merlin, pode-se dizer que todos os personagens são muito importantes, como Constantino, Vortingern, Uther e Arthur. O autor conseguiu inovar nesta história tão conhecida, com descrições intensas e considerações perspicazes.

O enredo segue com uma escrita decidida, com detalhes de violência e agitação. Idealiza uma pessoa que tem suas fragilidades, que comete erros, é egoísta e ainda assim mantém sempre um ar de superioridade, de comoção e apego emocional.




- Eu não compreendo... Por que você me ajudaria contra si próprio? - perguntou Merlin.
- Porque eu vi o futuro escrito pela Natureza no sangue de seu irmão - revelou Blaise. - Você tem um destino belo e terrível. E cabe a mim ajudá-lo na sua realização, pois sou um druida, assim como você o será, caso aceite minha oferta. Pg. 40




Classificação SEL: 4/5 


5 comentários:

  1. Adoro livros assim <3 E sobre o Merlin então! Ai me apaixono haha
    Pena que meu orçamento em livros esse ano está baixo, porque próximo ano é vestibular e se eu comprar todos os livros que gostaria, não vou estudar haha Vou só comprar os que falto para completae alguma série e tal :)

    ResponderExcluir
  2. Oi, linda!
    É a segunda resenha que leio desse livro e a minha vontade de lê-lo só aumenta!
    Cada vez mais me convenço que vou AMAR!

    Beijos

    Meu Meio Devaneio

    ResponderExcluir
  3. Oi, gostei da resenha. O livro parece ser bem legal e eu fiquei bem curiosa para ler.

    Beijos.

    http://livrosleituraseafins.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Para quem gosta do Merlin o livro é uma joia rara!
    Desde a infância dá o conhecimento sobre a vida dele. Parece muito bom. Eu que amo livros de magos e claro, Merlin é Merlin!

    ResponderExcluir
  5. Marcelo Hipólito acertou em cheio com esse livro...ganhei ele em um sorteio, li no mesmo dia. É um ótimo livro, fiquei encantada......e o final do livro é........(?)

    ResponderExcluir

Muito obrigada por visitar o blog. Espero que tenha gostado e volte sempre! Fê ♥

© Fernanda Prates - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
imagem-logo