20 de fevereiro de 2014

Resenha: Azul da cor do mar - Marina Carvalho, Novas páginas

Informações do livro:
Título: Azul da cor do mar
Ficção Brasileira
Autor: Marina Carvalho
Editora: Novo Conceito (Novas Páginas)
Páginas: 334



Sinopse: ACASO, DESTINO ou LOUCURA? No caso de Rafaela, Pode ser tudo isso junto. Para alguém como ela, nada é impossível. Rafaela sonha desde a adolescência com o garoto que viu uma vez, perto do mar, carregando uma mochila xadrez... A idéia fixa não a impediu, porém, de ser uma menina alegre e muito decidida. Ela quer ser jornalista, e seu sonho está se concretizando: Rafaela Vilas Boas (um nome tão imponente para alguém tão desajeitado) conseguiu um estágio no melhor jornal de Minas Gerais. Mas, como estamos falando de Rafa, alguma coisa tinha que dar errado. O jornal é mesmo incrível, mas seu colega de trabalho, Bernardo, não é a pessoa mais simpática do Mundo. Em meio a reportagens arriscadas – e alguns tropeços -, Bernardo acaba percebendo, contra a sua vontade, que Rafaela leva jeito para a coisa... E que eles formam uma dupla de tirar o fôlego. Mas e a mochila? E o garoto, o envelope, as cartas? Um dia a estabanada Rafaela vai ter que se libertar dessa obsessão.



Leia também:
Simplesmente Ana #1 - Marina Carvalho (Editora Novo Conceito)



Resenha:Azul da cor do mar” é um livro que remete a emoções diversas e pensamentos avassaladores e divertidos. Apresenta uma história tão agradável que no meu caso, preferi fazer uma leitura mais lenta, para poder desfrutar de cada momento dos personagens – mesmo que estivesse ansiosa para conferir todo o desfecho. Estava super empolgada com esse lançamento da autora Marina Carvalho, sendo que também adorei a leitura de Simplesmente Ana.

Rafaela é uma personagem dinâmica e muito bem trabalhada. Me senti muito ligada a ela, principalmente porque sou formada em jornalismo e entendo cada processo de sua formação, exposta na trama em alguns detalhes importantes, desde a faculdade até o estágio. Posso ser um pouco atrapalhada também, mas ela ganha em diversos aspectos. Quanta confusão para uma pessoa só! Ela é vaidosa, perspicaz, audaciosa e bastante ingênua.

Como destaque, em cada capítulo há trechos do manual da redação da Folha de S. Paulo e os textos muito bem produzidos, sinceros, comoventes e lindos, endereçados ao garoto da mochila xadrez. Mas que garoto é esse? Acredito que várias pessoas já tiveram uma paixão de infância ou ao menos dedicou vários momentos escrevendo sobre ele (a) em um diário/agenda. E é exatamente isso que acontece no enredo: Rafa se depara com um menino, que parece tão enigmático, na praia de Iriri e não consegue esquecê-lo. Além de nutrir sentimentos por ele, imaginar momentos ao seu lado, ela não consegue ter um relacionamento por causa disso.

No entanto, no lado profissional tudo parece dar certo para a protagonista. Já que está cursando faculdade, Rafa consegue um estágio na concorrida folha de Minas. A garota vive em Belo Horizonte, ao lado de seus irmãos protetores, e acredita ter conseguido uma super oportunidade, ainda mais na area investigativa  – até conhecer a pessoa com que vai conviver todos os dias.

Bernardo é alguém indecifrável, ou pelo menos é assim no começo da trama. Já que aos poucos vai revelando mais sobre seu jeito de ser. Juro que não simpatizei de início com suas atitudes e ficava tentando imaginar o porquê de tanta amargura ou raiva. Claro que essa minha implicância não durou nem 5 minutos, apesar de não simpatizar com a pessoa que ele ficou certo período, rsrs. Fora isso, Bernardo é o amor em pessoa e consideravelmente amigável, inteligente, determinado e tantas outras qualidades. Pois é, parece que ele não fisgou só a protagonista. Normal né?!

Quanto aos personagens secundários, todos tiveram suas passagens marcantes, seja por alguma atitude amigável ou conflituosa. Tanto as amigas de Rafa tanto o pessoal da redação merecem destaque. Só eu achei que a Gisele e o Marcelo deveriam ficar juntos no final? Porque né... Eles combinam até, ou não.

No meio de tantas brigas e confusões, o amor enfim aparece. De modos distintos, os sentimentos aparecem e dão aquele ar romântico e emocionante às cenas. Impossível não se envolver e torcer para a felicidade do casal. Mesmo sendo uma história clichê e o final ser previsível, as últimas páginas me deixaram aflitas e com medo do que poderia acontecer. Enfim, é uma leitura excelente e merece ser lida diversas vezes.




“Eu queria me juntar a ele e compartilhar suas aflições. Dizer que podia confiar em mim e passar o resto dos meus dias de férias com ele, dividindo segredos, inventando brincadeiras.
Impossível, eu sei. Eu era uma criança; ele, um adolescente que provavelmente tinha intenções muito diferentes das minhas.

Mas o garoto estava se aproximando. Ele, seus olhos azuis e seus mistérios.” Pg. 23



Classificação SEL: 5/5 


7 comentários:

  1. Tenho curiosidade sobre o livro, parece ser muuuito bom, adorei a capa e o título.
    sUA RESENHA FICOU ÓTIMA ;)

    Beijos.
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Li esse livro esses dias e AMEI. E nao me arrependi nem um pouco de ter passado ele na frente de muitos outros livros


    http://foreverabookaholic.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Já tinha visto esse livro quando foi lançado, mas essa é a primeira resenha que eu leio do livro e fiquei curiosa sobre essa história.

    Beijos.

    http://livrosleituraseafins.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Acabei de ler ontem é só confirmou o que eu achei depois que terminei Simplesmente Ana, A Marina sabe com nos prender em um enredo.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  5. Essa capa e o título são um encanto!
    Fiquei muito curiosa em ler! Esses amores de infância marcam mesmo para a vida inteira, quero muito saber quem é esse menino da mochila xadrez, sou muito atrapalhada também, acho que vou me identificar rs
    Adorei a resenha

    bjs

    ResponderExcluir
  6. Oie,
    Adorei a resenha e espero logo conferir por mim mesmo cada página. Beijokas Elis!!!
    http://amagiareal.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Já fiquei apaixonada pela capa do livro para começo de conversa.
    Me interessei muito desde que vi uma amiga falando sobre ele.
    Quero muito.... Ótima resenha me deixou mais curiosa ainda.... bjks

    ResponderExcluir

Muito obrigada por visitar o blog. Espero que tenha gostado e volte sempre! Fê ♥

© Fernanda Prates - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
imagem-logo