17 de fevereiro de 2014

Resenha: Poseidon - Anna Banks @Novo_Conceito

Informações do livro:
Título: Poseidon
O Legado de Syrena #01
Título Original: (The Syrena Legacy #1)
Autor: Anna Banks
Editora: Novo Conceito
Páginas: 288



Sinopse: Galen é o príncipe de Syrena enviando à terra para encontrar uma garota que pode se comunicar com peixes. Emma está de férias na praia quando ela literalmente corre de encontro a Galen. Ambos sentem um conexão, mas vai demorar vários encontros incluindo um mortal com um tubarão para Galen se convencer dos dons de Emma. Agora se ele pelo menos pudesse convencer Emma de que ela segura consigo a chave para seu reino... Contado a partir de ambos dos pontos de vistas, Emma e Galen, aqui está uma história de peixe fora d'água, humor que intriga e ondas de romance.
         
                                                                                             
Resenha:Poseidon” de Anna Banks, foi um livro muito esperado para ser lido esse ano. Confesso que fiquei até com medo diante de tantas perspectivas, mas felizmente a história me conquistou desde o começo e despertou intensas emoções – de contentamento, felicidade, gratificação e algo mais. 

Adoro qualquer história que gire em torno da mitologia sobre Poseidon/sereias e este foi o inicio para querer saber mais sobre esta trama, repleta de mistérios, descobertas de culturas e sentimentos, e amadurecimento de ideias, além do próprio romance em si. Essa capa também é linda, concordam?

Emma mora em Jersey e foi passar o verão na casa de sua amiga Chloe e seus pais na Flórida. Este seria o último verão que passariam juntas e por esse motivo achou que deveria passar mais um tempo juntas antes da faculdade. Nessa atmosfera conhece Galen – ou melhor, tropeça nele – e sua irmã Rayna. A primeira semelhança que a garota percebe entre ela e os irmãos é a cor dos olhos, que antes achava ser bastante rara.

Galen soube no mesmo instante em que tocou Emma que ela era diferente. E sentiu a atração forte entre os dois, assim como esse fato não passou despercebido por ela. Ele sabe que Syrenas sempre se sentem atraídos pela mesma espécie. 

O caso é que um Syrena pode reconhecer o outro por causa da marca de um tridente azul na barriga. Mas depois ele começou a ter suas dúvidas o que Emma é de verdade. Ele pensa mesmo que ela possui o dom de Poseidon e pode manter a tranqüilidade nos mares.

Logo nas primeiras páginas acontece uma passagem atormentada diante de um tubarão próximo as duas amigas quando estavam se divertindo na água. As cenas seguidas são um misto de sensações de terror e gritos de desespero. Galen espera pra ver a reação de Emma e sua lutar em tentar salvá-las, mas logo ele precisa atacar, mas infelizmente não chega a tempo para salvar a vida de Chloe.

Emma se sente vazia após a perda e precisa enfrentar os dias solitários sem poder compartilhar mais nada com a amiga. Na escola se vê surpreendida quando avista Galen e percebe que estão na mesma sala de aula. Dá para notar de longe o quanto a presença dele a deixa nervosa e é muito intrigante absorver cada ação os envolvendo.

Os personagens secundários também merecem destaque, como a própria Rayna e Grom (irmão dela e de Galen), como o Dr. Milligan, que é um dos poucos seres humanos em quem Galen realmente confia. O laço de amizade que os une é muito respeitável e sincero. 

Rachel é uma assistente humana e é muito, mas muito, eficiente também, principalmente para Galen. É muito importante acompanhar a história sobre os Syrenas e a divisão dos territórios nomeados como Poseidon e Tritão. Há certos conflitos, tragédias e por meio disso um plano. Mas nada parece sair como o planejado.

É o tipo de livro que o leitor começa a ler o primeiro capítulo e não consegue mais parar. Os acontecimentos são marcantes e é impossível não torcer pelo envolvimento dos personagens e a clareza de detalhes narrados. Uma das principais características da obra é a profundidade do tema e principalmente com referencia as peculiaridades de cada ação. Muita coisa ainda vem pela frente e eu não poderia estar mais ansiosa pela sequência.





“Dou de cara com ele como se tivesse sido empurrada. Ele não se move, nem um centímetro. Apenas segura meus ombros e espera. Talvez ele esteja esperando que eu me equilibre. Talvez esteja esperando que eu reúna meu orgulho. Espero que ele tenha o dia todo para isso.” Pg.07





Classificação SEL: 5/5 


5 comentários:

  1. eu já não sou muito fã de histórias com mitologia e tal... mas a capa, devo concordar, é linda!
    mas a história parece ser legal, e o romance entre os dois parece ser bonitinho
    sinceramente, não pretendo ler logo, mas como já vi várias e várias resenhas positivas dele, tenho um pouco de curiosidade :P

    ResponderExcluir
  2. Mesmo eu não sendo muito fã de livros desse gênero, fiquei bastante curiosa para ler Poseidon, acho que vou curtir.

    Beijos, Paradoxo Perfeito

    ResponderExcluir
  3. Ah como eu estou com vontade de ler este livro. Só leio resenhas positivas sobre este livro e cada vez fico mais curiosa.

    Beijos.

    http://livrosleituraseafins.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Eu gosto muito de livros que tenham mitologia no meio, e adorei este volume, agora estou desejando o próximo volume!
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  5. Adooooro livros com mitologia e confesso que o conjunto capa + título me atraiu mesmo antes de ler a sinopse e a resenha. Realmente o livro parece ser bom e pretendo lê-lo em breve. Que bom que curtiu tanto o livro. ótima resenha flor .
    Beeijos

    quenerdissealice.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Muito obrigada por visitar o blog. Espero que tenha gostado e volte sempre! Fê ♥

© Fernanda Prates - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
imagem-logo