3 de março de 2014

Resenha: Por toda a eternidade - Kristin Hannah @Novo_Conceito

Informações do livro:
Título: Por toda a eternidade
Firefly Lane - Livro 02
Título Original: Fly Away (Firefly Lane #2)
Autor: Kristin Hannah
Editora: Novo Conceito
Páginas: 400



Sinopse: Tully Hart é uma mulher ambiciosa, movida por grandes sonhos que, na verdade, escondem as lembranças de um passado de abandono e dor. Ela acredita que pode superar qualquer coisa ao esconder bem fundo os sentimentos de rejeição que carrega desde a infância... Até que sua melhor amiga, Kate Ryan, morre. Então, tudo começa a mudar para Tully, que se vê escorregando em um precipício cheio de memórias melancólicas e remédios para dormir... Dorothy Hart — ou Cloud, como era conhecida nos anos 1970 — está no centro do trágico passado de Tully. Ela abandonou a filha repetidas vezes na infância. Até que as duas se separaram de uma vez por todas. Aos dezesseis anos, Marah Ryan ficou devastada pela morte da mãe, Kate. Embora seu pai e seus irmãos se esforcem para manter a família unida, Marah transformou-se numa adolescente rebelde e inacessível em sua dor. Tully tenta aproximar-se de Marah, mas sua incapacidade para lidar com os sentimentos da afilhada acaba empurrando a menina para um relacionamento infeliz com um rapaz problemático. A vida dessas mulheres está intimamente ligada, e a maneira como elas vão rever seus erros e acertos constrói um romance comovente sobre o amor, a maternidade, as perdas e o novo começo. Onde há amor, há perdão...


Leia também:

Amigas para sempre - Firefly Lane - Livro 01 (resenha)

Contêm spoilers de Amigas para sempre


Resenha: Por toda a eternidade” é o segundo volume da série Firefly Lane, da autora Kristin Hannah, publicado pela Editora Novo Conceito, sendo que o primeiro “Amigas para sempre” foi publicado pela Editora Arqueiro. Nesta trama há uma exploração maior de outros personagens, sendo que o foco principal ainda é a amizade e os laços de afeto, atenção e carisma. As lembranças são apresentadas com cuidado e é perceptível o sentimento de cada um e de como lidam com as perdas e dificuldades.

A história se passa em dois períodos distintos, sendo que o passado é a base para entender os motivos da realidade atual. As passagens são como lições de aprendizados baseadas na perda, nas conformidades e na luta para continuar a viver com a dor. Kate acabou morrendo por causa de um câncer e agora todos precisam aprender a conviver com esse fato. Ainda assim é interessante destacar que Kate é citada bastante na trama e envolve todos os personagens com suas menções.

Acontece que, como já citei na resenha de Amigas para sempre, ela era a mais tímida e por vezes até incompreendida. Agora dá para notar o quanto seu marido Johnny sofre com a perda (se bem que ele também poderia ter sido mais trabalhado), assim como Marah, sua filha mais velha que se sente perdida. Marah é afilhada de Tully e por se encontrar numa situação difícil acaba indo passar um tempo na casa dela para que possa fazer terapia. Em seguida conhece um rapaz que também passa por um período de sofrimento e assim acabam se envolvendo.

Tully entra em cena novamente para mostrar o quanto é leal com a amiga e no decorrer das cenas o leitor consegue compreender com mais clareza suas atitudes, sentimentos e jeito de levar a vida por meio da superação.

Outra personagem que chama a atenção é Dorothy, mãe de Tuly. Com as analises sobre o relacionamento das duas é possível entender porque ela sempre teve esse jeito e que talvez nem tudo esteja perdido. Realmente há momentos em que pessoas merecem uma nova chance para demonstrar suas emoções.

Mais uma vez as reflexões imperam na obra, sendo que o leitor pode visualizar os efeitos das escolhas realizadas e as dificuldades envolvidas no percurso. A narrativa criada pela autora é muito emocionante e desperta pensamentos sensíveis e ansiosos para o desfecho. Também descreve com habilidade a relação com os familiares e as ligações de amizade, assim como acessos de mágoa, luta e libertação. Mais lágrimas e risos...




"É o que dá ser sua melhor amiga. Ela conhece você. Por dentro e por fora, nas profundezas, como se diz" Pg.110




Classificação SEL: 4/5 


4 comentários:

  1. Não sabia que esses livros faziam parte de uma série. Gostei muito da resenha e a história parece ser muito emocionante, pois só de ler a resenha já me imaginei chorando com o livro.

    Beijos.

    http://livrosleituraseafins.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Eu adorei mais este livro da Kristin. Quando comecei a ler não sabia que teria que ler antes Amigas para Sempre, mas não tem problema, dá para entender a estória, mesmo assim, pretendo ler.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  3. Já havia visto este livro mas esta é a primeira resenha que leio. Não sabia que o mesmo faz parte de uma série. Gostei dessa capa, ficou show. Parabéns pela resenha, muito bom seu trabalho. Desejo-lhe uma ótima semana. Tudo de bom! Abraços!

    ResponderExcluir
  4. Puxa... todos os ingredientes que adoro numa leitura! Um excelente drama, com personagens que, me pareceu, são bem construídas e empáticas. Com boas reflexões sobre a vida, doses de lágrimas e uma escrita arrebatadora... pelo menos foi o que percebi das resenhas que li dos livros da autora.
    Adorei sua resenha!

    ResponderExcluir

Muito obrigada por visitar o blog. Espero que tenha gostado e volte sempre! Fê ♥

© Fernanda Prates - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
imagem-logo