15 de julho de 2014

Resenha: Cretino irresistível - Christina Lauren @univdoslivros

Informações do livro:
Título: Cretino irresistível
Beautiful Bastard - Livro 01
Título original: Beautiful Bastard (Beautiful Bastard #1)
Autor: Christina Lauren (Christina Hobbs, Lauren Billings)
Editora: Universo dos Livros
Páginas: 256




Sinopse: Uma estagiária ambiciosa. Um executivo perfeccionista. E um relacionamento ardente e totalmente perigoso! Esperta, dedicada, prestes a cursar um MBA, Chloe Mills tem apenas um único problema: seu chefe, Bennet Ryan. Ele é exigente, insensível, sem consideração – e completamente irresistível. Um belo cretino. Bennet acaba de retornar da França para assumir um cargo importante na empresa de comunicações de sua família. Mas o que ele não poderia imaginar era que a pessoa que o ajudava enquanto ele estava no exterior era essa criatura linda, sensual e totalmente irritante que agora ele tem de ver todos os dias. Ele nunca foi do tipo que se envolve em relacionamentos no ambiente de trabalho, mas Chloe é tão tentadora que ele está disposto a flexibilizar essa regra – ou quebrá-la de uma vez – para tê-la. Por todo o escritório! Mas o desejo que um sente pelo outro cresce tanto que Bennet e Chloe terão de decidir o que estão dispostos a perder para ganhar um ao outro.




Resenha:Cretino irresistível” apresenta uma trama sensual, divertida e irreverente sob uma ambientação tranquila e ao mesmo tempo intensa demais. É o tipo de trama que pode ser considerada como previsível, mas neste caso há muitas cenas que surgem de surpresa e não há como saber como será o desfecho de cada encontro sob suas perspectivas mais íntimas.

Chloe Millis trabalha como estagiária assistente em uma empresa conceituada de marketing. É uma garota motivada e tem pensamentos determinantes e organizados sobre os rumos que pretende seguir em sua vida profissional. As coisas parecem dar certo diante dos seus objetivos e planejamentos, mas nesse caminho surgem alguns contratempos que podem influenciar bastante as tarefas dessa protagonista.

Bennett Ryan é o chefe de Chloe e quando os dois se encontram nada parece fazer sentido, apenas a forte tensão sexual. Isso porque ele é muito arrogante, irritante, apático e incontestável – um verdadeiro cretino –, além de que faz o possível para deixar Chloe nervosa. Claro que por trás de tantos conflitos e brigas, existe uma atração forte entre eles. Logo torna-se impossível controlar qualquer emoção e cada ato pode ser interpretado diferente.

O grande destaque deste enredo é a personalidade de cada um dos personagens principais. Os dois mantém uma linha distinta de escolhas, mas se igualam quando o assunto diz respeito ao atrevimento, teimosia e disposição. A partir do momento em que se envolvem a relação do casal parece se tornar indispensável e é assim que precisam aprender a conviver um com o outro – mesmo porque eles percebem que não é apenas sexo que os une.

Este livro possui muitos momentos ousados, mas é muito bom perceber que o que começou com apenas desejo vai se transformando em sentimentos verdadeiros, apesar de tantos contratempos. Os próprios diálogos ajudam na interpretação da história e o melhor é que ainda é possível conferir a narração pelo ponto de vista dos dois.

Gostei bastante do modo como há a exploração da paixão e de como as situações se mostram cada vez mais imprevistas. A leitura é bem agitada, mesmo porque a convivência de Chloe e Ryan não é nem um pouco acomodada e nem sutil. Mas é muito interessante conhecer o desenvolvimento do romance e dessa afinidade envolvente e explosiva.




"Eu me tornei indispensável. E definitivamente me tornei o braço direito. Acontece que, neste caso, o braço direito frequentemente queria estrangular o pescoço daquele maldito." Pg.7.



Classificação SEL: 4/5


3 comentários:

  1. Oii,
    comecei a ler esta série porque ganhei o 1.5 deste ai e o segundo.
    comprei o e-book deste ai mas acabei comprando enganada e comprando em português de Portugal =/
    claro, consegui intender quase tudo, mas não é a mesma coisa que o nosso português né...
    pretendo comprar este para ficar com a coleção completa, ai quem sabe eu compro o livro físico certo! hahaha

    ResponderExcluir
  2. Oi :)

    Eu não tenho a mínima vontade de ler essa série, pois acho a premissa ruim e, é claro, não curto o gênero. Beijos!

    http://euvivolendo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Li não só esse livro como a série toda, é ótima, meu preferido é o Playboy Irresistível!

    ResponderExcluir

Muito obrigada por visitar o blog. Espero que tenha gostado e volte sempre! Fê ♥

© Fernanda Prates - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
imagem-logo