1 de julho de 2014

Resenha: Intenso demais - S. C. Stephens @EdValentina

Informações do livro:
Título: Intenso demais
Trilogia Rock Star - Livro 01
Título original: Thoughtless (Thoughtless #1)
Autor: S. C. Stephens
Editora: Valentina
Páginas: 464



Sinopse: Há quase dois anos, o namorado de Kiera, Denny, é tudo que ela sempre quis; apaixonado, carinhoso e totalmente dedicado. Quando os dois se mudam para outra cidade a fim de começar uma nova vida, Denny no emprego de seus sonhos, Kiera numa conceituada universidade, tudo parece perfeito. Mas então, um imprevisto separa o feliz casal. Sentindo-se sozinha, confusa e carente, Kiera se aproxima de Kellan Kyle, o sexy e sedutor vocalista de uma banda de rock. No começo, ele é apenas um amigo em cujo ombro ela pode chorar suas mágoas, mas, à medida que sua solidão aumenta, o relacionamento ganha força. Até que, uma noite, tudo muda... e nenhum deles jamais será o mesmo.





Resenha:Intenso demais” é um livro que balança as emoções de qualquer pessoa. Apresenta uma história instigante, diante de personagens conflituosos e totalmente diferente um dos outros. Após tantos acontecimentos conturbados, confesso que ainda não sei bem o que pensar sobre o decorrer dos fatos, mesmo porque acontecem muitas passagens impetuosas.

Eu realmente não gostei da protagonista Kiera. Juro que tentei, mas suas atitudes ficaram bem forçadas. Não é nem pelo fato de ela não gostar de falar palavrão ou ser um pouco inocente e corar quando não se sente a vontade. O problema é que ela fica corada direto, por qualquer atitude e se sente envergonhada por cada palavra ou menção. Isso foi um grande ponto negativo, pelo menos sobre sua personalidade. Até pensei que ela poderia mudar, mas só demonstra o quanto é indecisa e leviana.

Kiera e Denny estão em uma nova etapa de seu relacionamento. Eles dividem uma moradia com Kellan Kyle, um antigo amigo de Denny. O casal está muito feliz junto, mesmo porque ambos irão iniciar novos empregos e ela vai estudar. O comprometimento dos dois é muito sutil e amoroso, mas dá para perceber que falta alguma coisa entre eles.

Denny é muito carinhoso, controlado, sincero e afetuoso. Mas confesso que pensei que poderia ocorrer alguma coisa com ele, só que a medida que a narração seguia entendi que havia outros fatores que iriam interferir na vida deles. Me espantei bastante com isso, já que a autora inova ao expor uma união que parecia tão fortalecida e segura.



Kellan é principal destaque da trama, com todo seu jeito instável, descontraído e com estilo bad boy. Ele é vocalista de uma banda de rock e arranca suspiros de muitas mulheres por onde passa. É totalmente o oposto de Denny, mesmo assim os dois têm uma amizade que parece ser verdadeira e bem significativa. De qualquer modo, Kellan é aquele tipo de homem que remete a vários problemas, principalmente por ser tão sexy e chamar muito a atenção por onde passa. A história ganha ênfase principalmente por ele, mas claro que o pessoal de sua banda também merece atenção com tanta sintonia e dinamismo.

A narrativa da autora é bem descritiva, fazendo com que simples episódios tenham significados bem maiores. Os sentimentos se misturam, ainda mais depois que o triângulo amoroso é iniciado. Por mais que seja muito errado o que Kiera fez, incluindo todas as passagens irresponsáveis, é impossível não torcer para o desfecho da paixão. As coisas se tornaram inevitáveis e acredito que independente de tudo, Denny também tem sua parcela de culpa já que faltou ter mais comunicação entre eles.

Me senti nervosa, ansiosa e alarmada em todas as vezes que acontecia algo arriscado e com certeza esse livro é mesmo INTENSO DEMAIS. As cenas são avaliadas em ocasiões descontroladas e por vezes hostis, mas por fim é interessante acompanhar o crescimento dos personagens. Sim, eles mudam bastante, mesmo que não se tornem irreconhecíveis. Dá para notar que fazem isso por causa do relacionamento iniciado e isso é o mais legal de tudo. Ambos aprendem com os erros e criam coragem para novos recomeços. Quanto dilema!




“Aquele homem era sexy até dizer chega. E, infelizmente, tinha consciência disso. Ele olhava nos olhos de cada uma das fãs apaixonadas. Elas iam à loucura quando o olhar dele passava por elas. Agora que eu prestava mais atenção, os meios sorrisos dele eram sensuais a ponto de deixarem a pessoa sem graça. Os olhos praticamente despiam cada uma das mulheres ao redor do palco.” Pg.11


  

Classificação SEL: 4/5


5 comentários:

  1. Oii.. tudo bem?
    Eu também li este livro e achei INTENSO DEMAIS. É como você disse.. é um livro que você termina e fica um tempo sem saber definir os sentimentos sobre o livro. Porque ele me causou essa mistura de sentimentos.
    Quanto a Kiera.. ela também me irritou, muito indecisa e não queria abri mão de nada, por mais que era uma situação complicada para ela, ela me pareceu muito fraca.
    Adorei a sua resenha.
    Beijos!

    palacioliterario.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. estou muito curiosa para conhecer o livro, a autora e a editora!
    ela parece ter todo um cuidado especial com o livro, e estou curiosa!!!!
    a trama parece ser boa, com algumas falhas, como sempre... hehe
    mas parece ser boa, e estou com bastante expectativa... :D

    ResponderExcluir
  3. Adoreia a resenha ficou muito boa, e apesar de ainda não ter lido, já não estou gostando e estou com um pouco de ódio da Kiera pelos pontos negativos que você sitou, que também são coisas que não me agradam em um personagem.
    Mas ainda pretendo lê-lo.

    ResponderExcluir
  4. Confesso que eu tive muita raiva da Kiera e que me dava vontade de pegar uma panela e tacar na cabeça da criatura, porque ela fazia e agia de um modo... que não da nem pra comentar. O Kellan coitado foi o que mais sofreu na história toda, e eu ficava com tanta pena dele... Dava vontade até de ''confortar'' ele. Tomara que a Kiera amadureça nos próximos livro, porque se ela continuar agir do modo como ela agiu, eu tenho certeza que não vou gostar da história. Mas, vamos ver, quem sabe ela cresce.

    PS: Amei a sua resenha.

    ResponderExcluir
  5. Um tanto quanto superficial e fútil !

    ResponderExcluir

Muito obrigada por visitar o blog. Espero que tenha gostado e volte sempre! Fê ♥

© Fernanda Prates - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
imagem-logo