7 de outubro de 2014

Resenha: Amor sem limites - Abbi Glines, Editora Arqueiro

Informações do livro:
Título: Amor sem limites
Título original: Forever Too Far 
(Rosemary Beach #3)
Autor: Abbi Glines
Editora: Arqueiro
Páginas: 192





Sinopse: Blaire Wynn conheceu Rush Finlay num momento muito difícil da vida dela, logo depois de perder a mãe e a casa em que morava. Filho de um astro do rock, Rush vivia num mundo de luxo, sexo sem compromisso e total despreocupação com o futuro. Exatamente o oposto de tudo o que Blaire conhecia. Mesmo com tantas diferenças, a paixão entre os dois foi arrebatadora. Porém Rush guardava um segredo de sua família que levou ao fim do namoro e a um período de tristeza absoluta para o casal. Mas eles já não sabiam viver um sem o outro e cederam de novo àquele sentimento irresistível. Agora Blaire está grávida, eles estão felizes e planejam se casar. Mas nem tudo está garantido. O pai de Rush chega trazendo más notícias e novamente os antigos problemas de família podem fazer com que os dois se afastem.




Leia também:
Rosemary Beach #1 Paixão sem limites - Abbi Glines (Editora Arqueiro)
Rosemary Beach #2 Tentação sem limites - Abbi Glines (Editora Arqueiro)



Resenha:Amor sem limites” é o terceiro volume da série Sem limites e narra novas experiências importantes do casal Blair e Rush. Como não se encantar com uma história que te envolve aos poucos? Eu, por exemplo, confesso que não me empolguei tanto assim de início, mas ai é que está o grande diferencial. A história ganhou espaço aos poucos, principalmente porque houve a inserção de emoções intensas e ainda mais íntimas.

As vezes nem é tão interessante acompanhar tantos livros sobre apenas um casal em questão, mas a autora Abbi Glines sabe fazer mesmo a diferença quando o assunto envolve relacionamentos peculiares. O leitor anseia por mais pensamentos, mais dramas e sentimentos que rodeiam esses dois e ainda bem que há mais esse volume, nem que seja para apenas perceber a felicidade genuína deles. Os capítulos são alternados entre eles, facilitando ainda mais a visão de cada um.

Rush continua muito protetor e agora fica muito fácil entender todas as suas atitudes preocupadas. Ele precisa trabalhar mais seu lado emocional, e paralelo a isso ainda há a exposição de uma relação conturbada com seu pai, Dean Finlay. O caso é que Dean deseja estar presente na vida deles e muitas coisas podem mudar por isso. Assim, pode-se afirmar que ao longo das cenas surgem outras complicações que também já eram bem esperadas.

Blaire amadureceu bastante, mas é claro que em alguns momentos ainda pode ser um pouco irritante. Claro que agora isso pode ter uma explicação mais motivada, já que está mais sensível e precisa de mais atenção ao estar grávida. Infelizmente surgem outros contratempos e Blair sabe que precisa tomar uma atitude séria para que não se sinta prejudicada. São tantos dramas que fica mesmo difícil pensar com calma diante de uma situação inesperada.

A irmã de Rush, Nan, também entra em cena e faz de tudo para incomodar. É uma personagem agitada, imprevisível e parece mesmo ser incontrolável. O ponto positivo é que essas passagens incentivam os planejamentos para que haja uma estrutura melhor na família. Ainda bem que os personagens são firmes na hora de tomar decisões sérias, já que influenciam muito o futuro de todos.

O que mais chama a atenção é como demonstram ser abertos um com o outros. Eles podem ter seus receios e inseguranças, mas em algum momento precisam dizer logo o que os incomodam. E isso é tão apropriado, já que sentem uma necessidade urgente de resolverem os problemas e serem sinceros. Não é fácil ser assim, conseguir expressar tudo o que sente, mas ainda bem que são tão espontâneos, apesar de todas as fragilidades.

O bom é que depois de tantos tumultos, Blair e Rush aprenderam bem como agir diante das situações complexas. Dessa forma, o desfecho não poderia ser melhor e passa sensações ótimas de promessas, renovação e prosperidade. É um casal que emociona mesmo e já deixa saudades. Não há muitas reviravoltas nessa trama, mas o carisma é um grande diferencial no romance.



“Se não estivesse tão hipnotizado por Blaire e pela forma como ela iluminava o ambiente, eu o teria visto entrar. Mas não vi. De repente, a conversa ao meu redor silenciou e todos os olhares estavam voltados para a porta atrás de mim. Olhei para Blaire, que ainda conversava com Woods e não percebera a mudança na atmosfera, passei-a para atrás num gesto de proteção e só então me virei para ver o que havia capturado a atenção do bar.” Pg.09



Classificação SEL: 4/5 


3 comentários:

  1. adoro a série, adoro o casal e odeio a Nan!
    ainda não li este livro, mas estou doida para ler! *-*
    adoro a escrita da autora, ela sempre consegue nos prender e não querer largar o livro antes do fim...

    ResponderExcluir
  2. Livro maravilhoso e serie maravilhosa. Abbi Glines virou uma das minhas escritoras favoritas dentre tantas que gosto. Adorei sua resenha, diz muito do que sentimos ao ler essa serie viu Fernanda. Parabéns pelo blog e por suas resenhas

    Ana Paula
    http://paixaoporleituras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Gostei muito de Paixão Sem Limites e Tentação Sem Limites, achei a escrita de Abbi Glines ótima, estou super ansiosa pra ler Amor Sem Limites e conferi o desfecho dessa trilogia.

    ResponderExcluir

Muito obrigada por visitar o blog. Espero que tenha gostado e volte sempre! Fê ♥

© Fernanda Prates - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
imagem-logo