11 de novembro de 2014

Resenha: Entre outubros - Rebecca Dellape @NovoSeculo

Informações do livro:
Título: Entre outubros
Você não pode fugir do seu passado, muito menos de quem se tornou.
Autor: Rebecca Dellape
Editora: Novo Século
Páginas: 448




Sinopse: após conseguir escapar heroicamente de um trágico sequestro em um dia de outubro – nada menos do que seu décimo sexto aniversário – Holly Armstrong se depara com um mundo totalmente diferente. Seu olhar, sua mente e seus valores já não são mais os mesmos. Agora, é como se houvesse um abismo entre a garota comum da cidade grande e a jovem amaldiçoada pelo trauma. Contudo, tal ferida foi o pontapé para sua vida mudar drasticamente. Motivada pela sua personalidade curiosa e vítima de sua própria fragilidade emocional, Holly parte em uma jornada solitária para tentar descobrir os reais precedentes do evento que mudou sua vida definitivamente. A partir daí, ela se vê envolvida com personagens nada convencionais que a farão tomar rumos distintos, permitindo que ultrapasse seus limites e prove o real sentido de força. Porque, às vezes, é necessário muito mais do que força para sobreviver.





Resenha: Entre outubros” é um livro que se destaca justamente pelas cenas repletas de tensão e a problemática em si. Melhor ainda é acompanhar a trajetória de uma personagem centrada, apesar de tudo que já passou. A trama é muito expressiva, justamente por expor fatos realistas e que acarretam tantas mudanças no percurso.

Holly Armstrong surpreende bastante diante de sua força de vontade para conseguir aprender mais coisas ao seu redor. A menina foi sequestrada bem no dia de seu aniversário de 16 anos, e a partir disso, muitas ações se tornam decisivas para seu futuro. É apavorante perceber a reação da garota e principalmente saber o quanto se sente confusa, insegura e angustiada.

Ela não sabia onde estava e entre seus pensamentos atordoantes, tentava decifrar o ambiente ao seu redor e as pessoas que estavam por perto. Soube que se tratava de quatro homens, e apesar de todas as ameaças, pelo menos Holly tinha plena consciência de que deveria tentar manter o controle. A coragem se torna essencial neste enredo, justamente por tentar traçar um plano para sua sobrevivência.

Aos poucos é possível fazer algumas associações por causa de seu jeito de agir e também pela ocasião apresentada. Holly teve muitas dificuldades, já que a trancaram em um lugar escuro, tipo um calabouço e também estava sendo observada a todo o momento. As chances de fuga eram mínimas e dá para notar que essas pessoas sabiam muito bem o que faziam. Essa premeditação se torna intensa, na medida em que há mais detalhes do caso, mas o que mais se destaca ainda é a esperteza da protagonista.

Após sua fuga, que foi realizada bem agilmente e logo no primeiro capítulo, Holly ganha forças para continuar sua trajetória e para superar todo o terror que passou. Muitas mudanças precisam ser feitas, já que mãe e filha não se sentem mais seguras na rotina antiga. Por isso partem para um local diferente, mas independente de tudo, Holly decide obter respostas para seus questionamentos referentes ao dia do sequestro.

A trama é composta por várias surpresas e ao longo do texto ainda é possível acompanhar muitas reflexões importantes, diante de algumas lembranças e pensamentos diversos sobre a vida, conquistas, anseios e afins. A mocinha em questão pode até ter seus momentos de fragilidade, mas o que a diferencia é a sua persistência para alcançar os objetivos. Interessante citar que também há toques de humor e o romance incentiva bastante nas passagens problemáticas.




“Em questão de segundos, fui jogada na traseira de um furgão velho e barulhento, com os vidros novamente escurecidos. Nunca ninguém veria nada e sequer desconfiaria.” Pg.12




Classificação SEL: 4/5


Um comentário:

  1. ual, não conhecia este livro ainda, mas a trama parece ser ótima... super angustiante.
    já li muitos livros neste estilo, e até acho interessante este tipo de trama. não conhecia este ainda, mas gostei da trama dele. parece ser ótima

    ResponderExcluir

Muito obrigada por visitar o blog. Espero que tenha gostado e volte sempre! Fê ♥

© Fernanda Prates - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
imagem-logo