8 de janeiro de 2015

Resenha: Encontros & desencontros - Rosana Prieto @EditoraAllPrint

Informações do livro:
Título: Encontros & desencontros
Seleção de contos
Autor: Rosana Prieto
All Print Editora
Páginas: 40




Sinopse: Ao abrir este livro, as portas do real e do imaginário são abertas. O leitor terá acesso a diversão, melancolia, horror e demais sentimentos humanos que fazem parte de nosso cotidiano. Os personagens serão verdadeiramente amigos e companheiros de todas as idades: crianças, jovens sonhadores, senhoras idosas que compartilharão suas historias, experiências, e estarão à sua disposição para serem lidos de dia e de noite. Leia e tenha a sua própria opinião.




Resenha: Tive uma enorme surpresa ao receber “Encontros & desencontros – Seleção de contos” pela autora Rosana Prieto. Não sou muito acostumada a ler contos, mas de vez em quanto é muito bom ler algo mais leve e ao mesmo tempo reflexivo. E é exatamente assim que posso definir essa obra: cheia de dinamismo e envolvimento.

O livro apresenta nove contos e cada um representa um sentimento, uma fase de nossas vidas ou algo mais diversificado. A autora escreve com muita clareza e é notável o quanto se esforça para fazer com que suas palavras atinjam o leitor de alguma forma. De certa forma, fiquei bastante empolgada para ler principalmente por conta de sua apresentação, já que ela cita aspectos importantes sobre os contos e seus redirecionamentos.

O primeiro conto se chama A espera e nessa ocasião conhecemos uma personagem alegre, que antecede uma visão triste e fragilizada. E nem sei como retratar tal cena, sendo que esta é uma das mais densas e particulares. O segundo conto se chama A guerra e dá mais ênfase para perdas em nossa vida e os sentimentos reunidos por causa da distância, separações inesperadas e solidão.

O terceiro conto se chama A música e assim como o conto seguinte A vida narram passagens a respeito de entretenimentos e suas metodologias. Esses são apenas alguns exemplos das temáticas que podem ser encontradas ao longo das paginas. É uma leitura extremamente rápida, aquele tipo em que a gente se sente livre ao ter nossas próprias conclusões.

Não tem como falar sobre todos os contos, já que a intenção real é que o leitor tire suas próprias conclusões sobre cada perspectiva. Citei aqui alguns dos vários que me marcaram de alguma maneira, mas é claro que há outros que também se mostram bem reveladores, cada qual a sua maneira. Os personagens podem até ajudar a entender novos ideais, mesmo que de diferentes pontos de vista.

Fiquei intrigada em alguns textos, sendo que em outros me emocionei bastante. Claro que sempre há alguns que chamam mais a atenção mesmo, e há aqueles que não tem muita representatividade. Isso depende muito do estado atual de espirito da pessoa que está lendo. Mas num modo geral, gostei bastante da forma como os temas foram explorados, principalmente porque dá para tirar muitas mensagens nas entrelinhas.




“A vida é nascer e não nos lembramos de nada. Somos um papel em branco. Cada um escreve o seu próprio destino. Quando nascemos, temos que fazer um bom ou mal papel na sociedade.” Pg.21


                                                

Classificação SEL: 4/5


Um comentário:

  1. também não costumo ler muitos contos, mas concordo que é bom ler de vez enquanto, por ser mais leve e tudo o mais...
    leitura de contos são sempre rápidos né, e este não parece ser diferente... este parece ser bem reflexivo, fiquei curisoa.
    adorei o quote. não conhecia este livro, mas fiquei curiosa!

    ResponderExcluir

Muito obrigada por visitar o blog. Espero que tenha gostado e volte sempre! Fê ♥

© Fernanda Prates - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
imagem-logo