12 de janeiro de 2015

Resenha: Lua, lobos e cerrado - André Tressoldi @NovoSeculo

Informações do livro:
Título: Lua, lobos e cerrado
Autor: André Tressoldi
Editora: Novo Século
Páginas: 328




Sinopse: Josber é encarregado de auxiliar um grupo de estudiosos pelos diversificados caminhos do ambiente mato-grossense. No entanto, algo que parecia ser uma lenda regional começa a interferir nos dias, ou melhor, nas noites dos pesquisadores, tornando a previsível pesquisa em uma inesperada aventura. Confrontados com essa nova realidade, terão de enfrentar várias criaturas, e a mais presente delas: os lobisomens. Mesmo em meio ao desespero, surge a paixão entre Josber e Tiacha, uma fabulosa guardiã, que se revelará como uma questão a mais no conflito entre o humano e o sobrenatural, selando o destino de todos.




Resenha:Lua, lobos e cerrado” gira em torno de assuntos instigantes e repletos de descrições compreensíveis e emocionantes. O enredo se torna convincente, mesmo que possua aspectos bem fantasiosos. E a principio, é justamente isso que chama a atenção: o modo como há a inserção de todos os elementos no decorrer dos acontecimentos.

A história capta a essência de uma pesquisa reveladora e os pesquisadores envolvidos se mostram ainda mais determinados que o esperado, pelo menos de acordo com a premissa da trama. Há muitos riscos em cena e o leitor consegue entender que cada passo dos personagens se torna determinante, seja por conta das descobertas ou dos perigos no caminho.

Vale destacar que, por ser tratar de lobisomens, não há tanta previsão dos fatos. A gente conhece pontos novos a respeito desse seres, fazendo com que se tornem mais inventivos e categóricos. Acredito que, de fato, essa tenha sido a intenção real de André Tressoldi. Já tem muitas histórias sobre eles, então é bem mais interessante colocar inserções inesperadas nesse meio sobrenatural.
                                          
A ambientação também é extremamente crucial, mesmo porque os episódios narrados se passam no Brasil. Assim, o texto apreende temas relevantes acerca da informação cientifica e da cultura local, por isso é bom prestar atenção nas percepções citadas. E claro, por se tratar de uma pesquisa, dá vontade mesmo de se aprofundar nos estudos para concluir os fundamentos expostos.

Cada um tem algo de importante para acrescentar e é isso que importa. Josber é o mais engraçado, diante de tantos pensamentos inusitados, mas Eduardo Luz é o que mais contribui, por causa de seus conhecimentos avançados. Olga, Madeleine e Otavio também adentram nessa jornada, e ambos se diferem por suas atitudes peculiares. Por conta de todas as explorações, há mistério do começo ao fim, fato que auxilia no modo como percebemos a realidade da leitura.

E para quem não imagina, é igualmente um livro bem dinâmico, e confesso que nem esperava que fosse me divertir tanto com as aventuras do grupo. Até me surpreendi com a dimensão das consequências envolvendo o sobrenatural, já que sempre surgem muitas dúvidas e temores. Nesse caminho, imagino que haja uma continuação e estarei pronta para conferir as próximos avanços.

    
Classificação SEL: 4/5


Um comentário:

  1. Olá gostei muito da sua resenha, e do livro também. Eu fiquei fascinada como os personagens são reais e dinâmicos, e como os lobos não ão tradicionais, faz com que a história seja única. Eu também resenhei esse livro no meu blog. E gostaria muito que tivesse a continuação!!

    http://umagarotaleitora.blogspot.com.br/2015/01/resenha-lua-lobos-e-cerrado.html

    ResponderExcluir

Muito obrigada por visitar o blog. Espero que tenha gostado e volte sempre! Fê ♥

© Fernanda Prates - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
imagem-logo