16 de abril de 2015

Resenha: Adivinhe quem sou esta noite - Megan Maxwell @PlanetaLivrosBR

Informações do livro:
Título: Adivinhe quem sou esta noite
Adivinhe quem sou #2
Título original: Adivina quién soy esta noche 
(Adivina quién soy #2)
Autor: Megan Maxwell
Editora: Planeta
Selo: Essência
Páginas: 440




Sinopse: A continuação da história da impetuosa Yanira, uma cantora espanhola, e do médico Dylan, um belo, rico e sedutor porto-riquenho, já começa com fortes emoções. Após ser atropelada pela “ex” de seu noivo — inconformada com a separação —, a protagonista dessa picante aventura entre a América e a Europa viverá um turbilhão de acontecimentos. Do casamento glamouroso, com direito à presença de astros da música pop americana, à sua estreia nos palcos do mundo como uma sensual cantora de soul music apadrinhada por um rapper famoso, nada será trivial e comum na vida de Yanira. Nem mesmo o ciúme que chacoalhará a união aparentemente perfeita que tem com Dylan. Para tentar conter os altos e baixos dessa relação conturbada e balançada pelo assédio da imprensa, ela e o marido buscarão na forte química sexual que existe entre eles — turbinada por fantasias eróticas vividas por Los Angeles e pelas cidades onde a cantora cumpre turnê mundial — um agente reconciliador e apaziguador de seus percalços conjugais. Será que eles conseguirão se entender? Ou a fama de Yanira se tornará um obstáculo para o recatado e enciumado Dylan?




Leia também:
Adivinhe quem sou #1 - Adivinhe quem sou- Megan Maxwell (Editora Planeta)



Resenha: Adivinhe quem sou esta noite” é a continuação de “Adivinhe quem sou”, da autora Megan Maxwell, ambos publicados pela Editora Planeta. É certo dizer que o leitor pode encontrar algumas surpresas nesse caminho, e claro que são essas circunstâncias que garantem a atenção envolvida, a persuasão e outras emoções repassadas por conta do casal protagonista.

Há vários momentos que se chocam entre si, diante daquela conhecida sensação de querer controlar tudo e a todos, certos dramas recorrentes e muita tensão sexual. Yanira e Dylan são muito teimosos e muitas de suas atitudes não justificam tanta implicância. A parte positiva é que agora há muitos detalhes a serem percebidos, estes que respondem muitos questionamentos sobre as ações anteriores.

Por ser do gênero erótico, claro que há várias passagens previsíveis, envolvendo o sexo e outras situações consideradas ousadas.  Assim, o enredo, de modo geral, se mostra bem convincente, sugestivo e romântico. Dylan é um personagem meio complexo, diante de tanto ciúmes e desentendimentos. Mesmo assim, é carismático por expor seus sentimentos abertamente, como se nada mais tivesse importância.

Dylan pode até ser irritante algumas vezes, mas Yanira consegue ser pior que ele. Não sei se a intenção é que ela seja meio ingênua, mas alguns conflitos são claramente desnecessários, visto que ela pode ser um pouco irresponsável e faz coisas sem pensar nas implicações.  De qualquer forma, seria injusto se eu não citasse o quanto a moça é batalhadora em sua vida pessoal e profissional, apesar de tudo que acontece.

O bom é que o leitor espera pelas partes da conquista, principalmente por causa das emoções repassadas e dos sentimentos de renovação e aprendizados. E é sério mesmo esse relacionamento conturbado pode ser bem reflexivo, seja para aprender a conviver com as diferenças, questões de confiança ou pela luta para que tudo dê certo no final.

Como já havia mencionado na resenha de “Adivinhe quem sou”, primeiro volume da série, fiquei mais curiosa para ler a sequencia por conta da curiosidade dos próximos acontecimentos e devidas escolhas dos personagens em destaque. A história continua sendo bem despretensiosa, não é muito marcante, mas mesmo assim a leitura se torna válida justamente pela descontração das cenas.

Classificação SEL: 3/5


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muito obrigada por visitar o blog. Espero que tenha gostado e volte sempre! Fê ♥

© Fernanda Prates - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
imagem-logo