9 de maio de 2015

Resenha: No mundo da Luna - Carina Rissi @Verus_Editora

Informações do livro:
Título: No mundo da Luna
Autor: Carina Rissi
Editora: Verus
Páginas: 476





Sinopse: A vida de Luna está uma bagunça! O namorado a traiu com a vizinha, seu carro passa mais tempo na oficina do que com ela e seu chefe vive trocando seu nome. Recém-formada em jornalismo, ela trabalha como recepcionista na renomada Fatos&Furos. Mas, em tempos de internet e notícias instantâneas, a revista enfrenta problemas e o quadro de jornalistas diminuiu drasticamente. É assim que a coluna do horóscopo semanal cai no colo dela. Embora não tenha a menor ideia de como fazer um mapa astral e não acredite em nenhum tipo de magia, Luna aceita o desafio sem pestanejar. Afinal, quão complicado pode ser criar um texto em que ninguém presta atenção? Mas a garota nem desconfia dos perigos que a aguardam e, entre muitas confusões, surge uma indesejada, porém irresistível paixão que vai abalar o seu mundo. O romance perfeito — não fosse com o homem errado. Sem saída, Luna terá que lutar com todas as forças contra a magia mais poderosa de todas, que até então ela desconhecia: o amor. Com seu estilo ágil e fluido, Carina Rissi criou em No mundo da Luna uma leitura viciante, permeada de humor, magia e paixão, que vai conquistar você do início ao fim.




Leia também:
Perdida #1 - Carina Rissi (Editora Verus)
Perdida #2 - Encontrada Carina Rissi (Editora Verus)



Resenha:No mundo da Luna”, de Carina Rissi, é um livro incrível e eu realmente não esperava menos dessa história. A autora tem um dom mágico de envolver seus personagens e é por isso mesmo que tudo se torna tão atraente e instigante. Sabe aquele livro que nos faz suspirar em cada cena romântica? Pois é, esse é aquele tipo de livro...

A protagonista, Luna Lovari Braga, é a diversão e o desastre em pessoa. Isso porque ela se sente um pouco perdida sobre sua vida pessoal e profissional, que, inevitavelmente, acabam se interligando. É recém-formada em jornalismo, e se sente meio insegura sobre suas habilidades. O que pode ser bem normal, levando em consideração que está ansiando por novas oportunidades para a carreira. Um dos problemas é que ela não confia no seu potencial, pelo menos não tanto quanto deveria. E é claro que isso vai sendo trabalhando aos poucos.

Ela trabalha na revista Fatos&Furos como recepcionista, porém a empresa está passando por uma crise financeira, e é por isso mesmo que surge a chance de ela integrar o quadro de jornalistas. A coluna de horóscopo, assinada por ela como Cigana Clara, e pode até não ser o mais almejado, mas é um bom começo, ainda mais que começa a ter bons resultados sobre isso.

As pessoas acreditam em suas palavras e é notável o quanto Luna leva mesmo jeito para isso, só ela que não percebe o efeito que traz às pessoas. Se eu estivesse numa situação parecida nem saberia por onde começar. Ela já teve a ideia de comprar cartas e procurar sua avó... tudo para tentar decifrar algumas predições em cada signo. E de fato conseguiu cumprir muito bem suas tarefas.

Nesse meio tempo, conhecemos seu chefe, Dante Montini, que no começo nem sabia seu nome certo, já que ele a chamava de Clara. Tem um jeito nerd e no começo passa a impressão de ser extremamente chato e irritante. A gente até tenta imaginá-lo dessa forma, porém depois que Luna percebe que ele é sensual, carinhoso e atencioso, não tem como não gostar dele do jeito que é.

Os personagens secundários também são maravilhosos, como Sabrina, a amiga, a avó Cecília, o irmão, Raul, a vizinha Beatriz, que também é irmã de Dante, (percebeu a homenagem à Divina Comédia?!) e seu namorado português Fernando, e até Viny, um fotógrafo que não tem nada a ver com Luna, mas também não deixa de ser legal, entre outros. Não podemos esquecer de Madona, um cachorrinho maltês de Beatriz que também aparece bastante em alguns momentos...

Também é muito interessante conhecer um pouco mais sobre a cultura cigana e é ainda mais divertido ler as previsões do horóscopo feitas pela protagonista. Cada detalhe tem algo romântico, seja por conta dos encontros inesperados, das brigas sem sentido, dos sentimentos inexplicáveis e até nos detalhes ao redor do casal.

Enfim, é impossível não gostar de um livro escrito por Carina Rissi. Eu mesmo sou suspeita para falar porque sou super fã de seus trabalhos e tenho até medo de expressar o que sinto, porque parece que não consigo mostrar todas as partes interessantes. Mas ai penso que, se fosse falar mais, poderia passar spoilers, então finalizo essa resenha recomendando muito essa obra!


“A coluna de horóscopo tinha sido bem-aceita. Prova disso era a quantidade e e-mais que entupiam minha caixa de entrada. A maioria de mulheres dizendo como a Cigana Clara era boa, que acertara a previsão, que uma amiga disse que lia meu horóscopo semanal antes de tomar qualquer decisão, para ter certeza de que estava fazendo a coisa certa.” Pg.67


Classificação SEL: 5/5


2 comentários:

  1. só li um livro da autora até hoje mas tenho vontade de ler todos os livros dela.
    a escrita dela é ótima mesmo e as tramas que ela cria parecem ser incríveis e super envolventes.
    ainda não comprei este por causa do valor, mas pretendo ler logo :D

    ResponderExcluir
  2. Amiga assim como vc também adoro a Carina Rissi e tudo que ela escreve consegue me envolver e deixar sedenta por mais. Ganhei esse livro em um top comentarista e estou no aguardo mas pretendo ler em breve.
    Adorei saber sua opinião. Acho a cultura cigana bem interessante, estou curiosa para saber os pontos que a carina abordou.
    Beijos

    Leituras, vida e paixões!!!

    ResponderExcluir

Muito obrigada por visitar o blog. Espero que tenha gostado e volte sempre! Fê ♥

© Fernanda Prates - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
imagem-logo