9 de julho de 2015

Resenha: Jurassic Park - Michael Crichton, Editora Aleph

Informações do livro:
Título: Jurassic Park
Título original: Jurassic Park #1
Autor: Michael Crichton
Editora: Aleph
Páginas: 528



Sinopse: Uma impressionante técnica de recuperação e clonagem de DNA de seres pré-históricos foi descoberta. Finalmente, uma das maiores fantasias da mente humana, algo que parecia impossível, tornou-se realidade. Agora, criaturas extintas há eras podem ser vistas de perto, para o fascínio e o encantamento do público. Até que algo sai do controle. Em Jurassic Park, escrito em 1990 por Michael Crichton, questões de bioética e a teoria do caos funcionam como pano de fundo para uma trama de aventura e luta pela sobrevivência. O livro inspirou o filme homônimo de 1993, dirigido por Steven Spielberg, uma das maiores bilheterias do cinema de todos os tempos.




Resenha: Jurassic Park”, de Michael Crichton, é aquele tipo de livro que o leitor já tem (ou pensa que tem) uma grande noção da história, seja por conta dos filmes produzidos ou comentários diversos sobre o gênero da ficção cientifica. E é claro que tudo isso se torna ainda mais instigante, atraente e repleto de emoções intensas. Acertou quem pensou que logo que finalizei a leitura, dá uma vontade enorme de rever os filmes.


dinosaursfourever.tumblr.com
O fato é que quando começamos a ler essa narrativa percebemos que são alguns detalhes e certos envolvimentos inteligentes que fazem toda a diferença. As relações com os tantos personagens que aparecem são incríveis e percebemos que as surpresas são bem maiores por causa dessas personalidades hostis e misteriosas.

A ambientação não poderia ser mais fantasiosa e cercada de expectativas. Esse é, de longe, o destaque mais importante. Afinal de contas, uma descoberta envolvendo seres incríveis e tão antigos não poderia ser mais categórica e especial. Sabemos, desde o começo, que há riscos que são mesmo inevitáveis.

O problema sempre é passar dos limites, seja por conta da pretensão ousada – e insana – das pessoas ou pelo próprio descuido de modo geral. E este livro consegue explorar com maestria todos os obstáculos e episódios assustadores. Em cada página há um suspense e a aventura se desenrola com muita agilidade e realismo. E é por isso que se torna impossível não se encantar com as idealizações e todas as averiguações, sendo que há muitos investimentos na area.

A intenção por meio de uma atitude inovadora é ótima, mas não há planejamento suficiente para tais execuções tão sérias. O parque temático é rico em interações, mas quando tudo foge do controle não há como prever o que os dinossauros são capazes de fazer. Mesmo porque todos são considerados alvos, e nessa caminhada o que não faltam são mortes expostas.


O enredo possui muitas especulações desde o começo, e é possível captar várias opiniões sobre o assunto retratado. Acredito que o comportamento humano é o mais referenciado, ainda mais que há tantas incertezas nas pesquisas e suas consequências. Vale evidenciar também que é preciso prestar atenção a qualquer aspecto, já que estes se tornam responsáveis por um entendimento ainda mais amplo.

Classificação SEL: 5/5


Um comentário:

  1. Confesso que, apesar de ser fã dos filmes, nunca peguei o livro para ler (vergonha!). Pelo que você falou parece ser excelente mesmo! Vou colocar na minha pequena fila de livros pra ler!

    ResponderExcluir

Muito obrigada por visitar o blog. Espero que tenha gostado e volte sempre! Fê ♥

© Fernanda Prates - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
imagem-logo