20 de julho de 2015

Resenha: A traição de Natalie Hargrove - Lauren Kate @galerarecord

Informações do livro:
Título: A traição de Natalie Hargrove
Título original: The Betrayal of Natalie Hargrove
Autor: Lauren Kate
Editora: Galera Record
Páginas: 240





Sinopse: O livro de estreia da autora da série Fallen. A traição de Natalie Hargrove é um drama contemporâneo, inspirado no clássico de Shakespeare, Macbeth. Natalie mataria por uma chance de ser coroada a rainha do baile de Palmetto High. Mas Mike King, seu namorado, não parece tão empolgado para ser rei, e pode perder essa honra para o maior inimigo de Natalie, o irritante Justin Balmer. Determinada a impedir que isso aconteça, ela tem uma ideia de um trote perfeito para colocar Justin em seu devido lugar, e convence Mike a ajudá-la. Aproveitando que Justin estava bêbado e vestido de mulher após uma festa à fantasia, eles o amarram inconsciente no presépio da igreja. Tudo parece muito engraçado, até a manhã seguinte, quando percebem que Justin está morto. E a partir daí, eles se envolvem numa perigosa trama para esconder seu segredo. • Da autora da série Fallen, com mais de 1 milhão de exemplares vendidos no Brasil. Desde seu lançamento, em 2009, a série já vendeu, no mundo, mais de 10 milhões de exemplares. Foi publicada em mais de 30 países. • Superprodução dos estúdios Disney, o filme Fallen estreia em 2015. O longa é dirigido por Scott Hicks, também diretor dos premiados Shine e Neve sobre cedros. • A nova série da autora, Teardrop, já bate a marca de 30 mil exemplares vendidos. • “Um conto gótico atrevido…” — Publishers Weekly • “Vários adjetivos podem ser aplicados a esta estreia — amoral, decadente —, e todos eles devem ser tomados como elogios.” — Booklist "





Resenha: A traição de Natalie Hargrove”, de Lauren Kate, parece ser um livro sombrio, principalmente por causa da sinopse, mas quando a leitura começa a avançar, o leitor começa a compreender que tem muitos outros elementos envolvidos. As coisas não são o que parecem (essa frase pode definir o livro por completo) e qualquer coisa pode ser suspeita nessa trama duvidosa.

A protagonista, Natalie Hargrove, pode ser comparada a muitas pessoas que conhecemos ao nosso redor. Não é nem um pouco difícil encontrar uma menina “popular” que queira se sobressair e demonstrar que pode conseguir tudo que almeja. E é através desses atos simples que se torna até maldosa, por mais que não entenda suas consequências.

Parece ser bobagem – e é mesmo –, porém no momento tudo o que Natalie mais queria era ser coroada rainha do baile em sua escola. Só que dá para relevar levando em consideração todos os dramas envoltos numa adolescente. E a própria narrativa já se encarrega de demonstrar a superficialidade das garotas que vivem ao redor dela, seja por meio dos boatos ou de outras tantas incidências.

As cenas são carregadas de tensão e receios, e qualquer palavra pode ser interpretada diferente do seu significado esperado. Assim, o baile é retratado com uma importância enorme por todos e é por isso mesmo que há tanta valorização sobre o evento e suas decorrências. É como se, na campanha, as pessoas quisessem convencer que podem ser melhores do que são. E é claro que justamente por causa desta constatação que existem muitas falsidades e casos obscuros. Portanto, Natalie pode ter uma personalidade mimada, mas ela tem influencias para ser do jeito que é.

Só que surgem certos obstáculos em seu caminho e é por isso que ela e o namorado, Mike King, resolvem investir em uma ação bem mais inconsequente do que imaginavam. Por essas e outras escolhas erradas, há muitos segredos, alterações e negligências nesse meio, bem como reviravoltas ainda mais inesperadas. O desfecho também não foi esperado, mas confesso que gostei do rumo da trama. A leitura é extremamente rápida, por isso que fica ainda mais fácil se envolver nos assuntos.

É interessante porque os atos não são planejados e no começo as preocupações são bem previsíveis e até um tanto quanto infantis. Porém, como num deslize, tudo sai fora do controle e depois não há como imaginar a melhor solução de resolver o caos instalado. O destaque segue ainda por conta dos perigos envolvidos, mesmo porque os comportamentos dos próprios personagens são expostos de uma maneira bem real.


“E a campanha está apenas no começo! Depois dos votos serem contados e os vencedores anunciados, o reinado do príncipe e da princesa de Palmetto começa. Fazer parte da “realeza” em Palmetto significa se tornar um misto de embaixador da boa vontade e socialite de grande destaque. Resumindo: você chegou lá.” Pg.16


Classificação SEL: 4/5


3 comentários:

  1. Oi!
    Já li a série Fallen e gostei da narrativa da autora, mas a sinopse desse livro não chamou tanto minha atenção... Achei a protagonista superficial mesmo, mas pela sua resenha até leria, só que sem criar expectativas.
    Bjs
    sobrelivrosesonhos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. aah, tenho um trauma tão grande com essa autora kkkkkkk
    já li a série Fallen dela mas não curti. este ai também não me deixou muito curiosa não ;x
    Natalie parece ser bem chatinha eim :S

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia! eu também não curti Fallen, mas recomendo que de uma chance para A Traição de Natalie Hargrove o livro é ótimo nem parece que é da mesma autora de Fallen. e apesar da garota ser mimada você vai gostar dela e da trama do livro todo pode confiar.

      Excluir

Muito obrigada por visitar o blog. Espero que tenha gostado e volte sempre! Fê ♥

© Fernanda Prates - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
imagem-logo