21 de outubro de 2015

Resenha: Devasso - Katy Evans @NovoSeculo

Informações do livro:
Título: Devasso
Real #4
Título original: Rogue (Real #4)
Autor: Katy Evans
Editora: Novo Século
Páginas: 304




Sinopse: Brooke Dumas encontrou Remington Tate em Real, e agora é a vez da melhor amiga dela, Melanie, encontrar o homem que faz seu coração bater mais forte. Depois de anos procurando, numa noite chuvosa, o forte e misterioso Greyson King aparece para resgatá-la. Ele é provavelmente o amante, amigo e protetor que ela esteve buscando a vida toda. Quando eles fazem amor, ele diz o nome dela como se significasse algo, como se ela significasse algo - e isso é tudo o que ela sempre quis. Ele desaparece por dias sem dizer uma palavra, e quando está por perto, diz que poderá feri-la. Mas quando ele está longe, o coração dela se machuca muito mais. Então, Melanie descobre o mundo sombrio que Greyson está determinado a esconder e suspeita que aquele primeiro encontro talvez não tenha sido tão acidental assim. Envolvida numa queda livre de emoções, Melanie não tem ninguém que possa socorrê-la, exceto o homem de quem ela deveria fugir... Mas o que você faz quando seu príncipe encantado se transforma num devasso?



Leia também:
Real #1 Katy Evans (Editora Novo Século)
Real #2 Meu - Katy Evans (Editora Novo Século)
Real #3 Remy - Katy Evans (Editora Novo Século)



Resenha: Devasso”, de Katy Evans, é o quarto livro da série Real, porém este pode ser lido fora da ordem, já que conta a história de personagens diferentes. No caso, a trama gira em torno de Melanie, melhor amiga de Brooke, protagonista dos volumes anteriores. E só pelo título já é possível ter uma boa noção do que a trama tem a revelar, afinal de contas, devasso tem muito a ver com algo ou alguém intenso, desrespeitoso, imoral, e por ai vai.

Interessante destacar que a narrativa é alternada entre Melanie e Greyson, fazendo com que os pensamentos dos dois se torne bem complexo e cheio de conexões certas. Claro que a narrativa dele não poderia ser mais ousada – para não dizer outra coisa. Mas enfim, é o tipo de coisa que se espera mesmo desse gênero, então não vou nem citar muito sobre isso.

Há problemas em paralelo diante desses dois, como a relação insana entre familiares, serviços e conhecidos perigosos, além de outros tipos de dilemas. A ambientação também segue as lutas e as estratégias e planos podem ser encontrados em qualquer parte. É muito difícil saber o que é certo e o que é errado nessas circunstâncias.

As lacunas de Grey são bem perspicazes mesmo, e é por isso que é possível entender muitas coisas ao seu respeito. É aquele caso típico em que qualquer ato pode explicar um temperamento, só que tem muitas outras coisas em jogo ainda. Ele tem um jeito peculiar, poderoso, argucioso, desconfiado,  maldoso na maioria das vezes e por isso mesmo passa certos receios para o leitor. Ainda após a finalização da leitura, não sei muito bem o que pensar sobre este homem.

Melanie é dinâmica e consegue passar sensações divertidas por causa das suas atitudes e anseios. O casamento e todas as mudanças envolvendo a amiga Brooke mexeram muito com ela. São coisas que Melanie sempre quis fazer por isso que se sente tão vulnerável e extremamente desiludida. Ela sentiu uma atração imediata por Grey, ainda mais porque ele a ajudou em um momento tão complicado.

Dentre os títulos anteriores, esse pode se destacar mais por apresentar alguns pontos de vista mais diferentes, assim como problemas que exigem mais atenção e que podem ser questionados e mostrar algumas reviravoltas intrigantes. De qualquer modo, a leitura é bem leve, apesar de ser previsível e um tanto repetitiva.

Classificação SEL: 3/5


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muito obrigada por visitar o blog. Espero que tenha gostado e volte sempre! Fê ♥

© Fernanda Prates - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
imagem-logo