27 de dezembro de 2015

Resenha: Querubins @MarthaRicasWrt @talentoslitbr

Informações do livro:
Título: Querubins
A sentença da espada
Autor: Martha Ricas
Editora: Novo Século
Selo: Talentos da Literatura Brasileira
Páginas: 239






Sinopse: Uma guerreira do céu; Uma dama vitoriana; Uma guerra invisível. Querubins, a sentença da espada é um relato em duas vozes: a da querubim Chaya, enviada a uma vila celta pré-cristã e que não vê no homem um ser especial, mas com um espírito guerreiro que não a deixa fugir de uma batalha, e a de Mary Grace, uma donzela da Inglaterra vitoriana atormentada por visões que não consegue desvendar.Ambas as tramas se desenlaçam por caminhos intrépidos e podem estar mais ligadas do que imaginam. Garota e querubim podem e precisam mudar o mundo em épocas diferentes. Seguindo os mesmos passos por cenários deslumbrantes e segredos cada vez mais profundos, elas o farão querer embarcar nas intrigas palacianas e nas batalhas angelicais.Recheada de paixão, mistério, ação e intrigas políticas, a trama é tão perturbadora quanto fascinante.





Resenha: Querubins”, de Martha Ricas, me conquistou, inicialmente, por sua capa e edição. Mas é claro que a leitura também foi bem surpreendente, ainda mais porque fantasia época é um gênero que me atrai bastante. Os personagens também são muito bem desenvolvidos, assim como todas as características citadas ao longo dos acontecimentos.

O leitor conhece a Querubim Chaya e Mary Grace, uma donzela da Inglaterra vitoriana, cercada por visões complicadas. Essas duas narrativas são extremamente importantes para a compreensão de todos os fatos. E a autora conseguiu explorar bem cada um dos lados, ainda mais porque as diferenças entre os dois lados são bem visíveis e os atos expostos são cercados de consequências arriscadas.

Chaya não consegue perceber o foco de sua missão, pelo menos não no começo. Mas é com a convivência com os humanos que começa a decifrar os melhores passos para seguir. Claro que ela precisa de muito apoio, e é por isso mesmo que sua batalha contra os demônios se torna cada vez mais notável e intrigante.

Também gostei muito da história de Mary Grace, principalmente sobre a exploração de seus receios e sentimentos mais íntimos. Ela não poderia confiar seus segredos, ainda mais se as pessoas começassem a julgá-la da maneira errada. Isso porque tudo tem muito a ver com influencias e questões de confiança e fé.

O enredo, aos poucos, demonstra o quanto essas duas personagens tem em comum e é isso que torna tudo bem mais interessante e até mesmo realista demais. As duas já estavam destinadas a este processo de conhecimentos, só faltava mesmo apresentar a passagem ideal. Os objetivos vão se tornando um só e é nessa ambientação que há tantos detalhes fascinantes e muitos elementos marcantes.

O sobrenatural foi visto com grande empolgação e parece que qualquer referencia seja motivo para dar um spoiler, por isso demorei muito para finalizar essa resenha. Esses tipos de leitura, que nos deixam com inúmeras sensações, são as melhores, principalmente para poder absorver tudo que a história tem a oferecer.

Classificação SEL: 4/5


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muito obrigada por visitar o blog. Espero que tenha gostado e volte sempre! Fê ♥

© Fernanda Prates - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
imagem-logo