3 de dezembro de 2015

Resenha: Uma chama entre as cinzas - Sabaa Tahir @Verus_Editora

Informações do livro:
Título: Uma chama entre as cinzas
Título original: An Ember in the Ashes 
(An Ember in the Ashes #1)
Autor: Sabaa Tahir
Editora: Verus
Páginas: 432





Sinopse: Laia é uma escrava. Elias é um soldado. Nenhum dos dois é livre. No Império Marcial, a resposta para o desacato é a morte. Aqueles que não dão o próprio sangue pelo imperador arriscam perder as pessoas que amam e tudo que lhes é mais caro. É neste mundo brutal que Laia vive com os avós e o irmão mais velho. Eles não desafiam o Império, pois já viram o que acontece com quem se atreve a isso. Mas, quando o irmão de Laia é preso acusado de traição, ela é forçada a tomar uma atitude. Em troca da ajuda de rebeldes que prometem resgatar seu irmão, ela vai arriscar a própria vida para agir como espiã dentro da academia militar do Império. Ali, Laia conhece Elias, o melhor soldado da academia — e, secretamente, o mais relutante. O que Elias mais quer é se libertar da tirania que vem sendo treinado para aplicar. Logo ele e Laia percebem que a vida de ambos está interligada — e que suas escolhas podem mudar para sempre o destino do próprio Império.


Resenha: Uma chama entre as cinzas”, de Sabaa Tahir, é mais uma surpresa incrível lançada pela Editora Verus (Grupo Editorial Record). Primeiro porque não estava esperando ler esse livro e nem tinha ouvido falar muito sobre ele e segundo porque a história se mostra tão instigante, dinâmica e sensível, que é impossível parar de ler até chegar ao desfecho.

Como a própria sinopse já informa, Laia é uma Erudita e Elias um soldado dos Marciais. O império trava uma batalha insistente para escravizar esse povo, e não existe nada além de muita pressão entre eles. Claro que o desenvolvimento não deixa falha durante as explicações, afirmando o quanto falta apoio nessas causas.

O irmão de Laia, Darin, é preso e é por isso que ela precisa tomar uma decisão o mais rápido possível. E em paralelo, Elias também tem seus próprios planejamentos, porém chega um momento em que é necessário decidir qual o caminho certo a seguir. Assim, a narrativa se divide entre os dois, facilitando ainda mais o entendimento de todos os dilemas envolvidos.

Laia e Elias convivem em ambientações complicadas, hostis e impactantes, e é por isso mesmo que surgem muitas implicâncias em seus atos individuais. E por falar nisso, os cenários – fascinantes –garantem episódios ainda mais centrados e até realistas, e são esses pequenos detalhes que determinam bem as deliberações.

A aparência normalmente pode enganar bastante e é o que acontece nesse enredo. Isso porque Laia e Elias demonstram não ter nada em comum, mas aos poucos é possível notar muitas semelhanças em suas experiências. Ambos precisam fugir do destino que os espera, mesmo que existam muitas coisas perigosas em jogo. São questões que envolvem sacrifícios, perdas e aceitação, entre outros fatores essenciais nessa caminhada.

Confesso que não fiquei muito empolgada no início da aventura, mas a narrativa me conquistou completamente ao demonstrar toda a fragilidade e ao mesmo tempo força dos personagens centrais. E é através dos protagonistas que é possível perceber o quanto as situações são arriscadas e contemplam surpresas fortalecedoras e encontros delicados demais.

É muito bom quando o leitor encontra tudo que gostaria de esperar em um livro. E foi exatamente assim que me senti ao ler esta obra. Os elementos habilidosos se complementam de maneira sensacional, fazendo com que as cenas sejam envolventes e interligadas nos melhores períodos. Infelizmente é o primeiro livro de uma série e minha única reclamação é ainda não ter a continuação em mãos.


Classificação SEL: 5/5


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muito obrigada por visitar o blog. Espero que tenha gostado e volte sempre! Fê ♥

© Fernanda Prates - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
imagem-logo