18 de agosto de 2016

Resenha: Onde os demônios habitam - Bella Nine @autografiaed

Informações do livro:
Título: Onde os demônios habitam
Volume I
Autor: Bella Nine
Editora: Autografia
Páginas: 234



Sinopse: “Onde os Demônios Habitam”, de Bella Nine, conta a história de Eric, um adolescente de 17 anos que está no último ano do Ensino Médio e faz parte de uma família problemática. Sua vida em casa é um inferno: seu pai é um bêbado que agride sua mãe todos os dias e ela, uma dona de casa que não reage às agressões e cobra muito do filho. O rapaz vive um tormento diário e não sabe mais o que fazer. Eric passa grande parte da sua adolescência dividido entre fugir de casa e largar a mãe com seu pai em sofrimento, ou levá-la consigo para longe do esposo. Os demônios do garoto estão dentro de sua própria casa, desestruturada e violenta. Mas, mesmo que ele conte com o apoio de dois melhores amigos, Carla e Pedro, esses demônios também estão dentro deles.



Resenha: "Onde os demônios habitam", de Bella Nine, é um livro que apresenta uma leitura rápida, mas ao mesmo tempo muito profunda e especialmente realista. A autora soube como desenvolver uma história repleta de sentimentos e reflexões, fazendo com que o leitor se envolva a cada página lida.

O protagonista, Eric, passa por situações bem complicadas, e tudo gira dentro de sua casa, um lugar que deveria ser sua proteção, e é visto como um cenário de medos e questionamentos sem fim. Infelizmente, é algo mais comum do que podemos imaginar em nossa própria sociedade, e são poucas as pessoas que fazem algo para mudar a situação.

Eric vive com a mãe e o pai, e não pode confiar em nenhum dos dois. O pai é violento e se altera quando bebe, e a mãe tem medo de tomar alguma atitude. Claro que o mais prejudicado nessa história é o filho, sendo que acaba carregando todos os sofrimentos  e demais problemas sozinho. Ele deveria pedir auxílio, mas também não sabe como proceder...


O rapaz não pode e nem deve tomar conta de tudo, como se isso fosse obrigação dele. O pai não tem nenhuma razão mesmo, mas a mãe também faz com que tudo seja pior. Eric sabe que não pode viver nessa vida para sempre, ainda mais porque em algum momento, tem que decidir qual rumo seguir, afinal de contas, as mudanças fazem parte de nossas vidas.

Carla e Pedro também são outros personagens que se destacam nesse enredo por serem amigos de Eric. Ambos também possuem seus conflitos, então já é de se imaginar que não possam influenciar muito sobre as escolhas do amigo. É algo bem íntimo e que remetem a várias pressões, ainda mais quando se trata de família, por isso é tão difícil expressar todas as sensações repassadas com essa leitura.

É um livro delicado demais e fiquei fascinada com a escrita maravilhosa da autora. Todos os elementos influenciam nas opiniões e mexem com temáticas dignas de conversas longas e extremamente sérias.  E antes de ler a sinopse, e só ter visto a capa, eu imaginei um enredo completamente diferente. Mas é claro que depois tudo começa a fazer sentido, e o título não poderia ser mais expressivo. Na verdade, trata sobre demônios sim, mas não aqueles que a palavra já é direcionada (aos monstros propriamente ditos), mas aos demônios de nossa sociedade, que no final das contas, também não deixam de ser monstros.

Classificação SEL: 4/5


21 comentários:

  1. Ótima resenha
    Realmente esta é uma temática bem delicada, acho super legal quando livros abordam pois alguém que está se sentindo perdido igual Eric pode tomar alguma atitude para mudar e tentar derrubar esses demônios.
    Como você infelizmente é um problema que existe na nossa sociedade e essa é uma das formas de chamar atenção e dizer que tem algo errado e as consequências disso.
    Bjs

    ResponderExcluir
  2. Oii Fê, ainda não conhecia esse livro... Fiquei curiosa ;)
    Boa resenha!

    Beijos
    Fran
    Achei e Rabisquei

    ResponderExcluir
  3. Olá Fê,
    É bastante comuns termos demônios em nossas vidas e curti muito saber que o livro é destinado a esses demônios. Estou imaginando quais são as situações pela qual Eric passa e como acontece o desenrolar da história.
    Curti muito sua resenha e anotei a dica.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  4. Nesse último semestre eu li 5 livros que na teoria abordam esse mesmo tema o engraçado é como cada livro desse traz p nós uma sensação diferente uma lição diferente. Eu não conhecia ainda esse livro e nem conhecia o autor mais adorei sua resenha.

    ResponderExcluir
  5. Oi Fê!
    Eu imagino o quanto esse livro deve ser pesado e triste. Mas infelizmente ele mostra uma realidade vivida por muitos.
    Muitas crianças sofrem esses problemas, ou até piores todos os dias. E é um assunto muito difícil de ser tratado, pois as pessoas tem medo de sair de casa, de tentar alguma coisa. A mãe do personagem deve sofrer muito também.
    Em relação ao título e como o autor trata dos demônios, eu acredito que essa é muito pior do que os monstros retratados em diversos filmes.
    Bjss

    http://umolhardeestrangeiro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Que resenha maravilhosa! Adorei conhecer esse livro, que ainda não tinha visto. Adoro leituras sim, rápidas mas reflexivas e profundas. Onde os Demônios Habitam parece ser muito, muito bom. Dica anotadíssima :D Terá uma continuação?

    Beijos!!

    ResponderExcluir
  7. Achei a capa sublime e muito instigante. Fiquei interessante nos temas que você falou que o livro traz e que pode impulsionar conversas intensas. Livros assim me ganham fácil.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Antes de saber do que se trata, eu também achei que seria outro tipo de trama, mas não me decepcionei, porque pelo que você disse parece ser um ótimo livro pra nós mesmos nos fazer questionamentos muitos dias depois de ter lido o livro.
    Fiquei curiosa pra saber mais detalhadamente sobre o que o Eric passa!
    Ótima resenha!

    Virando Amor

    ResponderExcluir
  9. Adorei o título, a capa, o enredo e sua opinião. Vu anotar a dica. Gosto de temáticas pesadas retratadas com sensibilidade, de um jeito que nos leva ao envolvimento com os sentimentos e conflitos dos personagens. Quantas famílias "vivem onde os demônios habitam"? Ah, tristeza... gostaria de poder fazer algo por elas. Esse livro me convidou, com certeza.

    Beijos!
    www.myqueenside.com.br

    ResponderExcluir
  10. Olá,
    Desconhecia a obra e fiquei bastante intrigada para conferir de perto esses demônios que Eric precisa lutar.
    Realmente parece uma obra um pouco mais densa e faz levantamentos de algo tão perto de nossa realidade, vemos casos parecidos todos os dias nos jornais e até mesmo em novelas. São temas para grandes debates e acredito que vou gostar bastante quando ler.

    http://leitoradescontrolada.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Olá, como vai?
    Nunca tinha ouvido falar desse livro, e fui logo de cara ver a capa e o título. Mas depois que vi a sinopse realmente, não pareceu muito não. Tipo, quem vê só o livro por fora pode imaginar uma outra coisa.
    Eric realmente representa uma boa porcentagem da população. Você pode dizer que essa coisa de colocar família problemáticas em um livro e um adolescente cheio de problemas é cliché e supersaturado, mas basta olhar à sua volta : sua família, a família dos seus amigos, vizinhos. Isso está muito presente na sociedade infelizmente : homens que bebem, que são crueis. Mulheres passivas, que não tomam atitude. É fácil julgar, dificil solucionar.
    Como foi o final? Que decisão ele tomou? Sim, quero spoiler rsrs

    Se não puder comentar aqui, manda por email.

    katherslynne@gmail.com

    Beijooooss

    umremediochamadoler.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Olá
    que proposta interessante desse livro... primeiro pelas analogias e dramas psicológicos, e depois por tratar de problemas sociais... já curti a dica. É muito bom ler obras que a gente reflete e pode aproximar da nossa realidade... como eu sempre digo, é muito bom ler um livro que traga aprendizado. Adorei a sua escrita, a resenha está perfeita. Parabéns... Até mais

    ResponderExcluir
  13. Cheguei ao seu blog através do link que você colocou no Skoob.
    Obrigada por ter lido e ter compreendido a minha proposta. Sei que não é um tema fácil de abordar e sei ainda mais o quanto você deve ter me odiado naquele último capítulo. Sua resenho me deixou muito feliz! Obrigada mesmo por ter aceito ler algo novo, de uma completa desconhecida.
    Abraços,
    Bella

    ResponderExcluir
  14. Oi, Fê, tudo bem?

    Não curti a capa do livro, mas pela sinopse já vi que a história deveria mesmo ser muito profunda. Sua resenha me confirmou isso.
    Geralmente eu gosto de livros com ambientes familiares conturbados, pois isso sempre rende histórias muito emocionantes e reflexivas.
    Faria a leitura do livro com certeza. Adorei a dica.

    Beijos

    ResponderExcluir
  15. Isso que você falou do livro tratar dos demônios da nossa sociedade me deixou com receio de ler, porque não curto muito histórias tão realistas, minha preferência é por enredos que se distanciem da realidade, por isso meu gênero preferido é fantasia. Não aguento essas histórias com pai alcoólatra e mãe omissa, então passo a dica.

    ResponderExcluir
  16. Pelo que li é um livro com um enredo mais do que atual, que inclusive pode estar acontecendo neste instante! Gosto de livros assim, e apesar de me revoltar e emocionar com uma leitura assim, sempre que tenho oportunidade leio sem medo.
    Obrigada pela dica.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  17. Olá, Fê! Tudo bem por aí?

    Sua resenha ficou ótima, como sempre! Quando eu li o título, achei que se tratasse de um livro de horror, mas não é haha. Confesso que me decepcionei um pouco, pois adorei o título e achava que realmente se tratava de um horror daqueles de nos deixar de cabelo em pé. Mesmo assim, a premissa parece um pouco clichê, mas pela sua resenha, a leitura vale muito à pena. Vou pesquisar mais sobre ele e, talvez, colocá-lo na minha lista de desejados. Ah, e essa capa é linda!

    Beijão!
    www.acampamentodaleitura.com

    ResponderExcluir
  18. Nossa, eu ainda não conhecia o livro e o enredo me deixou bem intrigada. Acho que deve ter muitos conflitos mesmo e a trama pode até ser um pouco tensa e isso me deixou curiosa. Gostei da capa, deixa um ar de mistério e o título é bem sugestivo.

    ResponderExcluir
  19. Quando vi o título pensei que seria um livro de terror, então já pensei que não leria, mas que surpresa ao perceber que os demônios somos nós mesmos, a sociedade, isso já me faz querer ler, por se tratar de um livro crítico e que pelo próprio título já me fez refletir, alem de um enredo lindo aparenta contar com uma escrita super envolvente

    ResponderExcluir
  20. O livro traz um título é um tema bastante recorrente: Demônios em nossa vida. Não de demônios do inferno e blá blá blá mas sim os demônios dos problemas, stress etc. Pela sua resenha o livro trata disso de uma maneira bem singular e acessível. Simplesmente me encantei
    www.saotantaa.blogspot.com

    ResponderExcluir
  21. Olá, tudo bem? :)
    A história parece ser bem profunda e trazer várias lições, mas como trata de assuntos pesados, penso que não seria a leitura indicada para mim neste momento.
    Beijinhos
    www.fofocas-literarias.blogspot.pt

    ResponderExcluir

Muito obrigada por visitar o blog. Espero que tenha gostado e volte sempre! Fê ♥

© Fernanda Prates - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
imagem-logo