28 de dezembro de 2016

Resenha: Cicatrizes - K.A Robinson, Fábrica 231

Informações do livro:
Título: Cicatrizes (Torn #1)
Título original: Torn (Torn #1)
Autor: K. A. Robinson
Editora: Rocco
Selo: Fábrica 231
Páginas: 288



Sinopse: Foram poucos os relacionamentos de Chloe até a chegada à universidade. Ela escolheu ingressar na West Virginia e cursar Psicologia pela oportunidade de permanecer perto de Amber, a melhor amiga, e Logan, o fiel escudeiro e amigo desde os tempos de ensino médio. Chloe nunca teve uma boa convivência com a mãe, drogada e desequilibrada.  Mas justamente no primeiro dia de aula, o destino de Chloe começa a ser traçado em outra direção. É quando ela senta ao lado de um típico bad boy tatuado, piercings nos lábios e nas sobrancelhas. O coração bate mais forte, a respiração fica alterada, e a boca seca. Drake Allen é o motivo. Dono de um mustang e vocalista da banda Breaking the Hunger, o rapaz é bastante assediado pelas fãs e não se prende a ninguém. Drake não resiste à troca de olhares com Chloe, quando se esbarram pela primeira vez na sala de aula. É o início de uma relação com muitos obstáculos, movida por desejo e paixão intensos. Mas Drake se declara num momento em que Chloe, desiludida, resolve ceder aos encantos de Logan, o melhor amigo, que há anos nutre um amor platônico, e que finalmente tem coragem de se declarar. Seria válido trocar um amor seguro por um músico bad boy, ou mais cômodo manter a amizade disfarçada de namoro? De um lado, Logan, lindo, gentil e carinhoso. De outro, Drake, uma paixão rude e avassaladora. Mas por que será que os caminhos do coração indicam sempre as curvas mais tortuosas? Chloe decide então seguir em frente na busca pela felicidade, mas não contava que o passado voltaria a bater em sua porta.


Resenha: Confesso que fiquei um pouco receossa ao iniciar essa leitura. Primeiro porque não gosto nem um pouco de acompanhar triângulos amorosos e depois porque quando há mais de um interesse amoroso, sempre me sinto indecisa sobre meus sentimentos sobre a leitura, e isso pode atrapalhar um pouco minha avaliação a respeito do desenvolvimento. Porém... Preciso dizer que Cicatrizes me surpreendeu em alguns aspectos, ainda mais que não sabia muito o que esperar.

Chloe é a protagonista, Logan é o melhor amigo e Drake é o bad boy. Sou propensa a ser atraída diretamente ao bad boy e não ter uma forte conexão com aquele que tem um amor platônico. Nesse caso, consegui me envolver com ambos os personagens (no caso, os masculinos pelo menos), especialmente por conta das características serem tão marcantes e igualmente especiais. Até seus pensamentos acabaram me deixando bem irritada, porque parecia estar se contradizendo sempre.

Infelizmente, quem não conseguiu me convencer em nada foi a própria protagonista e quanto a isso foi bem difícil levar em consideração mesmo. É complicado porque realmente tentei entender suas atitudes, mas ela mesmo não conseguiu transmitir a confiança necessária ao leitor, e por isso há tantos erros sobre ela. Esse foi o principal motivo pelo qual a leitura não foi tão proveitosa.


Apesar de compreender que a leitura não foi aquilo tudo que poderia esperar (se é que estava esperando), preciso destacar que K. A Robinson possui uma narrativa ágil. Isso garante pontos para a finalização da leitura, mesmo porque consegue envolver o leitor nos questionamentos sobre o que vai acontecer de fato.

Bom, quanto ao desfecho eu gostei do desenvolvimento e me senti grata ao ter o segundo título em mãos. A narrativa deixa bem claro o quanto Chloe magoou tanto Logan quanto Drake, mas ainda bem que existem segundas chances e é pelos recomeços que vale a pena tentar. E outra, eu sempre acabo sendo atraída para esse cenário conturbado que acaba sendo misturado ao de uma banda e sua trilha sonora.

Classificação SEL: 3/5


28 comentários:

  1. Oi Fê, eu também sou 100% propensa a ceder aos bad boys dos livros. Tramas que tragam triângulo amoroso tendem a nos deixar confusas mesmo, mas o que mais me irrita, é quando a mocinha fica em um tal de não chove e nem molha e acaba deixando a história arrastada sabe.
    Adorei a resenha.
    Beijos
    Quanto Mais Livros Melhor

    ResponderExcluir
  2. Olá
    Eu já vi imensas resenhas sobre essa obra e tenho muita vontade de ler ele ano que vem. O mesmo não faz bem o estilo de livro que gosto de ler, mas li tantos elogios sobre a obra que acho que não tem como me decepcionar com o mesmo não. Acho essa capa muito linda e chama muito a atenção do leitor. Fico feliz que a narrativa é bem ágil, isso conta muito pra mim. Até mais ver
    Bjks

    ResponderExcluir
  3. Olá,

    Já tinha visto esse livro antes, mas não sabia exatamente como era a premissa. Confesso que não achei muito atrativo o enredo e o fato de você não ter conseguido se conectar com a protagonista, me desanima mais ainda. Que bom que pelo menos o bad boy lhe convenceu. Vou passar a dica desta vez.

    Abraços,
    Cá Entre Nós

    ResponderExcluir
  4. Oi, tudo bem?
    Então, eu não conhecia o livro e adorei conhecer ele aqui no seu cantinho, que por sinal é uma graça haha apesar disso, esse é um livro que eu não leria, primeiro porque não despertou muito a minha curiosidade, livros que apresentam triângulos amorosos costumo pesquisar bem antes de pegar pra lê, e depois que você disse que não se identificou com a protagonista, e apesar de não sermos a mesma pessoa fiquei com um pouco de medo disso acontecer comigo, pois isso acaba tornando muitas vezes a leitura bastante maçante.

    ResponderExcluir
  5. Oi Fê. Para mim não tem nada pior do que eu estar receosa para ler algo mas quando eu leio me perguntar se era só isso. Ainda mais decepcionada fico quando vejo que é um livro tão bem falado quanto esse. Fiquei triste que esse livro acabou sendo só um OK, mas ainda pretendo ler futuramente e tirar minhas conclusões. Futuramente porque eu também tenho receio quanto a ele, mas o meu caso é pela carga dramática. Tem muita? Beijos

    ResponderExcluir
  6. Olá, flor!
    Eu gostei de sua resenha e os pontos levantados sobre a protagonista,eu não sou muito fã de protagonistas assim.

    Beijos!

    https://www.instagram.com/sonhadorap/

    ResponderExcluir
  7. Oi Fer,

    Eu entendo totalmente seu "medo" com triângulos amorosos, mas é claro que tem uns que se salvam no final das contas. Fico feliz que gostou do livro, apesar dos pesares e que a autora conseguiu conduzir bem a história com o seu estilo de narrativa. Parabéns pela resenha!

    bjs

    ResponderExcluir
  8. Olá, tudo bem?

    Só de saber que o livro nos traz um triângulo amoroso já é meio caminho andado para não ler, rs. Sei lá, esse tipo de obra já está tão saturada no mercado. Porque ao invés de 3 pessoas, não colocam 4? Ai sim dá uma mudada, rs.

    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Olá!

    Nunca tinha ouvido falar desse livro, nem muito menos, do autor, mas gostei da sua resenha, só achei um pouco clichê os detalhes dos personagens, tipo bad boy, garota sonsa e assim vai, mas pelo menos sua resenha foi boa o suficiente para entender um pouco a história.

    Abraços

    ResponderExcluir
  10. Só pela premissa eu já torci o nariz. Estou bem cansada de mocinhas sem vontade própria (ela foi pra essa faculdade por causa de amizade? sério?), melhores amigos apaixonados e bad boys que parecem ser um imã para a protagonista bobinha.
    Gente, vamos mudar um pouco?
    Mesmo sua resenha estando ótima e a escrita ser ágil, continuei não gostando.
    Bjs, Mila

    http://a-viagem-literaria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Olá Fê,
    Ainda não conhecia esse livro e achei uma pena que a protagonista não tenha te convencido.
    É legal saber que, de certa forma, o desfecho tenha te agradado e que você vá ser o próximo volume, que já tem em mãos. Não fiquei curiosa para conhecer a trama, mas acho que pode agradar muitos leitores.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  12. Olá!!
    Não conhecia esse livro e lendo a sinopse estava indo tudo até a parte do...BadBoy roqueiro (bem clichê!!) e triângulos amorosos affff odeioooo...só aí já me desencantei com a estória..no momento irei passar essa leitura!!

    http://livroaoavesso.blogspot.com.br/2016/12/resenha-sombra-do-passado-sylvain.html#comment-form

    ResponderExcluir
  13. Oi.
    É realmente complicado quando não conseguimos nos apegar a personagem principal. quando isso acontece parece que o livro todo perde um pouco da graça.
    Quanto aos triângulos amorosos, apesar do clichê, ele ainda não me incomodam tanto, ainda os considero suportáveis, desde que o resto da narrativa seja interessante, o que parece não ter acontecido com esse livro.
    É uma leitura que não desperta meu interesse no momento.

    ResponderExcluir
  14. Oláa, tudo bom??? É a primeira resenha que leio sobre esse livro. Gostei bastante da capa. Apesar de gostar bastante de alguns new adults, eu não me senti muito atraída por essa premissa, especialmente por não conter nada de novo, nada de muito instigante... Acho que vou passar. De qualquer forma, amei a resenha!
    Beijos

    ResponderExcluir
  15. Oi Fê,
    Ainda não conhecia essa obra, e para ser bem sincera, tem alguns triângulos amorosos que não me convencem. Não sou muito fã deles, e o fato da protagonista não cativar o suficiente, é um problema pra mim. Então, dessa vez, deixarei a dica passar.
    Feliz 2017!
    Bjim.
    Tammy

    ResponderExcluir
  16. Oieee
    Tudo bom?
    Pela sua resenha deu pra reparar que esse livro é bem clichê.
    Acho que ele não te agradou tanto por você já ter receio com triângulo amoroso, mas como eu gosto de ver o circo pegar fogo, com certeza irei adorar.
    Beijos

    ResponderExcluir
  17. Oioi, tudo bem? Confesso que vários pontos do livro não me chamam a atenção: primeiro é o fato de que e torno de bad boys sempre rola aquele clichezão de que não querem se apegar e dpois estão se declarando, segundo que triângulos me irritam profundamente e por último, se eu não me identifico com a personagem, assim como vc não se identificou, a leitura fica bem arrastada pra mim. Definitivamente é uma leitura que eu não tenho pretensão de fazer apesar da sua observação acerca da narrativa utilizada no livro! Bjossss

    http://porredelivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  18. Acredito que essa protagonista também não me convenceria, achei ela muito mal construída e parecida com outras "mocinhas" que vemos por ai.
    Senti que o livor possui muitos clichês e o enredo não é bem instigante como devia ser, já que temos um bom tema que deveria ser melhor trabalhado.

    ResponderExcluir
  19. Oi Fê, tudo bem? Eu como você não gosto muito de triângulos amorosos salvo uma história ou outra. Mas confesso que a premissa desse livro no me atraiu em nada. Acho que o fato de romance não ser um gênero que leio muito contribuí para isso.
    Fica para a próxima dica.
    Bjs

    ResponderExcluir
  20. Oi, Fê

    Olha, eu não curto triângulos amorosos, e nesse caso ainda tem outra problemática : o bad boy! Cansei legal desse artifício e já que o livro tem duas coisas que me desagradam eu passo a dica. Nem conhecia o livro. Curti a capa, uma pena que tem esses poréns...

    Beijo

    ResponderExcluir
  21. Estava tão empolgada para ler esse livro que ler sua resenha me fez colocar um pouco o pé no chão e baixar um pouco as expectativas - porque senão a decepção seria certa!!!!
    Bom saber que o que mais me assusta (o triangulo) está bem colocado e que chato essa coisa com a protagonista... Mas, a narrativa agil me agrada bastante!
    Enfim, ainda quero muito ler, mas sem tanta empolgação é possível que eu curta a leitura :)
    Beijinhos,
    Lica
    Amores e Livros

    ResponderExcluir
  22. Oiii!!
    Não conhecia esse livro ainda. Eu também não gosto de ler livros que tenham triângulos amorosos. Eu fujo de histórias assim.
    Pelo menos a escrita da autora é ágil, dessa forma, mesmo não gostando da história, da para terminar rápido. Pelo menos o final agradou e tem continuação? Só mais um livro ou é uma trilogia?
    Beijos

    ResponderExcluir
  23. Olá,
    Também não gosto muito de triângulos amorosos porque sei que alguém sairá machucado e muitas vezes é um personagem que eu gosto, o que me deixa irada kkkk
    Sou propensa a sempre ir em direção do bad boy e ele se tornar meu queridinho não sei porque e até mesmo o nome Drake já me deixa muito intrigada por conhecê-lo mais.
    Adorei saber suas impressões e com certeza a obra foi para a lista de próximas leituras.

    http://leitoradescontrolada.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  24. Oi, tudo bem?
    Também não gosto muito de triângulos amorosos, porém, recentemente comecei a trilogia Amor e Mentiras(aproposito,recomendo muito) e percebi que alguns triângulos são toleráveis se bem desenvolvidos. Eu não sei se gostaria desse livro, mas daria uma chance sem pensar duas vezes.

    ResponderExcluir
  25. Olá, não conhecia esse título, adorei a capa e sua resenha. Ótima dica para os fãs do gênero.

    Abraços

    ResponderExcluir
  26. Olá!

    Não tinha lido nada a respeito desta obra ainda e fiquei curiosa para conferir todo enredo.

    Gostei muito de saber que a narrativa do Autor é agil e isto é um ponto bem positivo na leitura.

    Dica anotada (:

    Abraços, Amanda M.

    ResponderExcluir
  27. Não conhecia o livro, mas achei a sinopse bem interessante, infelizmente saber que a protagonista não convence me desanima um pouco... esse entra na lista do 'talvez leia'
    bjos
    Pah
    Lendo e Escrevendo

    ResponderExcluir
  28. Oie, Não me convenci desse enredo. A capa é bacana, mas quando vc disse já no final que esperava mais, me decepcionei. Eu confesso que Bad Boys estão sendo bem selecionados na minha lista. Haha
    Beijos

    ResponderExcluir

Muito obrigada por visitar o blog. Espero que tenha gostado e volte sempre! Fê ♥

© Fernanda Prates - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
imagem-logo