3 de março de 2017

Resenha: Na sua pele - Jay Crownover, V & R Editoras

Informações do livro:
Título: Na sua pele
Homens marcados #1
Título original: Rule (Marked Men #1)
Autor: Jay Crownover
Editora: V & R Editoras
Páginas: 328



Sinopse: Quando o tatuador Rule Archer passa, todos os olhares se voltam para ele. O cara é alto, tem o corpo todo desenhado e penetrantes olhos azuis capazes de fazer qualquer garota suspirar. Rule não segue regras. Rule não namora. Ele é do tipo que passa cada noite com uma mulher diferente... um perfeito bad boy. A estudante de medicina Shaw Landon é linda, rica e estudiosa. Ela sempre segue as regras. É o tipo de garota que namora alguém escolhido pelos pais. Mas não é isso o que ela quer. Tudo o que Shaw sempre deseja e sempre desejou é ter Rule Archer. Apesar de se conhecerem há muito tempo, o bad boy nunca havia reparado naquela menina perfeita. Quase ninguém poderia imaginar que os dois formariam um casal. Rule e Shaw são opostos perfeitos. E um relacionamento entre os dois tem tudo para ser explosivo. Na sua pele vai enlouquecer você. Uma história de amor improvável, muitas reviravoltas e cenas picantes. Esse livro marcará você como nenhum outro.


Resenha: "Na sua pele", de Jay Crownover, apresenta um romance inusitado, mas que ao mesmo tempo tem muito de previsível. Os elementos são bem inseridos e é impossível não se apaixonar pelos protagonistas e suas diferenças. Na verdade, são as diferenças que os tornam tão instigantes e garantem uma interação ainda mais especial.

Nesse primeiro volume da série Homens marcados, conhecemos Rule Archer, um verdadeiro bad boy, e que, como já é de se esperar, possui seus dramas e problemas a enfrentar. Ainda mais porque se sente culpado pela morte de Remy, seu irmão gêmeo.  A mãe dele o culpa muito por isso, e na verdade, é uma mulher que tem um jeito bem odioso. Dentre tantas características, é tatuador, e claro tem várias tatuagens, cor de cabelo diferente, e não valoriza muito seus relacionamentos, porque na verdade, ele não leva mesmo nenhuma mulher a sério. 

Shaw Landon é uma jovem que leva uma vida muito organizada, pelo menos tenta não correr o risco de se deixar levar por suas emoções. Ela também tem os seus problemas envolvendo sua família, mas tenta fazer o que pode para não sair de seus planejamentos. No começo é difícil imaginar uma relação mais profunda entre ela e Rule, mas o leitor começa a torcer para que isso aconteça rápido, afinal de contas as interações se mostram bem intensas.



É interessante acompanhar Shaw e sua força de vontade para manter a família de Rule unida, por mais que seja um trabalho extremamente cansativo. Ela se dispõe a buscá-lo aos domingos, e ainda a encontrá-lo na cama com outras mulheres. É uma perspectiva curiosa, estranha e ao mesmo tempo bem assustadora, levando em consideração tudo que ela sente.

É um relacionamento inesperado, pelo menos por parte de Rule, mas que começa a garantir cenas maravilhosas. Ele compreende a importância dela, o que começa a mostrar mudanças em seu jeito de pensar e agir. Claro que há muitas complicações, mas a mensagem repassada, é que, se é de verdade, vale a pena investir.

Os personagens são muito marcantes, e sabem ser ousados quando precisam (especialmente Shaw, que surpreende bastante). Há uma conexão sensacional por trás dos opostos, realmente não existe dúvidas. Isso é o principal destaque, além do fato de as cenas serem tão explosivas em relação aos dois. E a narrativa da autora é viciante e eu não vejo a hora de poder ler os próximos títulos. 

Classificação SEL: 4/5


12 comentários:

  1. Só com a descrição de Rule já fiquei apaixonada, bem meu tipinho hahaha Porém, não consigo entender como uma mulher pode se sujeitar a ficar com um homem depois de pagá-lo com outra, como você citou que acontece. Mas isso é um mistério não só dos livros como da vida, né? Os próximos livros serão com os mesmos protagonistas ou são ambientações diferentes?

    ResponderExcluir
  2. Oie!
    Eu gosto de narrativas que viciam!
    Sempre estou procurando algo para ler de autoras que viciam. Eu ainda não li o livro, mas comprei a maioria dos volumes dessa série.
    Adorei a dica!
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  3. Oie...
    Adorei sua resenha!
    Me identifiquei bastante com a protagonista, pois, tento levar uma vida organizada, ás vezes consigo outras não kkk... Mas, enfim, gostei do enredo da obra e me bateu uma vontade louca de ler ;)
    Anotado nos desejados!
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Oie! Tudo bem?

    Não conhecia o livro, mas já vou adicionar ele na minha lista de desejados e leitura! Pois amei demais a proposta do livro, é bem o tipo de romance que amo ler e sofre junto com os personagens também! Ótima dica, irei com certeza atrás para ler!

    BJss

    ResponderExcluir
  5. Oi, tudo bem?
    Adorei a sua resenha, mas infelizmente não me interessei pelo livro.
    Achei a premissa um tanto comum e com um clichê que me incomoda muito: a mocinha certinha que se apaixona pelo badboy. Mesmo você dizendo que ele tem seus motivos e traumas do passado, é algo que já me cansou um pouco.
    Mas fico feliz que tenha sido uma boa leitura para você e vou levar sua opinião em consideração, caso um dia eu resolva ler o livro.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  6. Não conhecia o livro e sofri com a descrição que você fez da personagem tentando manter a família em pé. Não sei se me identificaria, mas quero muito ler.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Li esse livro tem algum tempo e já saiu as continuações e eu nem me lembrava! A escrita é fantástica, cheia de altos e baixos que levaram meu coração a loucura, fiquei palpitando de amores.

    ResponderExcluir
  8. Oiiii, tudo bem?

    Não conhecia o livro, mas acho que é porque não gosto muito do estilo.
    Gostei bastante da resenha, mas vou passar a dica.
    Bjus Rafa

    ResponderExcluir
  9. Oi.
    Eu já ouvi algumas pessoas falando dessa série, mas não sabia que tinha sido lançada no Brasil.
    Não sei se curti esse relacionamento. Fiquei com a impressão de que ela se doa muito e ele demora demais para dar valor.
    Parece uma interação interessante, mas eu não sei se leria agora.
    Mas anotei a dica.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  10. Oie
    faz um bom tempo que li o livro e lembro que foi uma leitura legal para passar o tempo mas que também me incomodou por diversos fatos, principalmente pelo protagonista totalmente sem noção, mas enfim, parabéns pela resenha

    beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Olá!
    Amei sua resenha, você soube ressaltar todos os pontos do livro. Não sei se leria, porque nesse momento da minha vida eu estou evitando romances assim. Cansei um pouquinho do bad boy todo gostosão, que não valoriza as mulheres e tem problemas familiares. É um clichê, e o que faz a gente gostar ou não da obra é a forma que a autora desenvolve ele.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  12. Oiii!!!
    Eu não conhecia o livro ainda. Não é o tipo de romance que eu gosto de ler, mas achei a história bem diferente das convencionais que encontramos por ai. Eu jamaaaaaaiiis rs aceitaria um romance assim. A Shaw é muito forte para ter sangue frio para isso. Tenho certeza que o Rule sofreu muito para acabar sendo assim.
    Beijos

    ResponderExcluir

Muito obrigada por visitar o blog. Espero que tenha gostado e volte sempre! Fê ♥

© Fernanda Prates - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design
imagem-logo